FlatOut!
Image default
Automobilismo

4 cilindros turbo, 9.500 rpm e 620 cv: DTM “volta” às origens em 2019

Em 2005 a Mercedes-Benz lançou seu primeiro carro produzido em série com mais de 600 cv, o S65 AMG W220. O sedã tinha um V12 biturbo de seis litros, 36 válvulas e 612 cv, um número que já não impressiona nesses tempos de hipercarros de 1.000 cv, mas era exatamente a mesma potência do Porsche Carrera GT, seu contemporâneo que usava um V10 derivado da F1. Com a Audi e a BMW não foi diferente. Seus primeiros carros de 600 cv usavam, respectivamente, um V10 aspirado de 5,2 litros e um V8 biturbo de

Matérias relacionadas

Fiat Palio Racing: a arte de derrapar de lado em Interlagos a 7.500 rpm

Juliano Barata

Donington Grand Prix Collection: uma visita à maior coleção de carros de F1 do planeta – Parte 2

Leonardo Contesini

A genealogia da F1: a origem e as mudanças das equipes ao longo dos anos

Leonardo Contesini