A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Pensatas

A arte perdida de entender o que está acontecendo em seu carro

Washington Olivetto disse certa vez que o problema dos publicitários é que eles se relacionam apenas com publicitários com quem conversam sobre publicidade. E isso, em seu ponto de vista, era um problema devido ao distanciamento das coisas reais que estão acontecendo no mundo e nas ruas. Não era uma crítica direta aos publicitários, mas um alerta sobre como não acabar em uma bolha isolada da realidade — um risco que todo profissional que trabalha com algo muito especializado acaba correndo. Lembrei dessa história porque, certo dia, conversando sobre carros com um conhecido que não entende nada de carros (e sequer dirige), percebi um ponto de vista que normalmente não faz parte da rotina ou das conversas dos entusiastas: "O Brasil tem 70 milhões de motoristas que só sabem colocar o carro pra frente e pra trás. Metade disso não sabe nem trocar pneu". Esse cara tem razão. Como entusiastas, estamos rodeados por pessoas que gostam de carros ou têm um mínimo interesse em usá-los adequadam

Matérias relacionadas

A desinvenção do automóvel

Leonardo Contesini

Não são os carros nem as bicicletas. São as pessoas, estúpido!

Gustavo Henrique Ruffo

Por que a Harley-Davidson perdeu o apelo entre os jovens? Como recuperá-lo?

Dalmo Hernandes