A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Project Cars Project Cars #171

A restauração do motor do meu Fiat Uno Turbo 1995, o Project Cars #171

Salve, galera do FlatOut! Neste segundo post, darei continuidade ao Project Cars #171, meu Uno Turbo 1995/96. Como disse a vocês, alguns upgrades foram feitos no carro não somente na questão de motor e potência, mas também na questão de consertos, reparos e estética.

A primeira coisa que fiz ao pegar o carro foi levar o mesmo para forrar de couro o volante uma vez que o mesmo estava bem gasto devido aos quase 20 anos de uso.

Flatout 2ß Texto Flatout 2ß Texto

Na sequência tive de levar em um conhecido e amigo meu especialista em portas, travas, vidros e som para dar uma geral, pois, os vidros agarravam tanto para subir quanto para descer.

Flatout 2ß Texto

Flatout 2ß Texto

Feito este serviço e deixado tudo zero, lubrificado e com alguns componentes internos trocados parti então para a tão esperada manutenção no “temido” teto solar, que trepidava e fazia muito barulho devido ao desgaste de rebites e peças.

Feito este serviço, levei o carro para uma manutenção no motor e não fiquei satisfeito com o serviço feito, pois, tratava-se de um mecânico especialista em VW e não conhecia os detalhes, inclusive, algumas peças do carrinho da Fiat.

Foi então que um belo dia fui fazer uma visita a um amigo em Belo Horizonte que estava vendendo algumas peças de um Uno Turbo que tinha batido e dado PT e o mesmo me apresentou o cartão da W Motorsports, do Welson Dutra, em Belo Horizonte.

Este foi o divisor de águas para que hoje eu pudesse ter o Uno Turbo desta forma que irei apresentar a todos vocês abaixo.

Carro confiável, estética quase que inexistente no Brasil (motor), mais forte do que original (eram 118 cv originais com 0,8 bar de pressão de turbo e agora está com 170 cv com 1 bar de pressão de turbo) e o mais importante: um cara que não é mecânico, ele é um engenheiro com trabalhos feitos para a Fiat por mais de uma década e um dos engenheiros chefe da antiga e extinta Copa Linea no Brasil onde corriam os Lineas Tjet.

Ou seja, o Welson, é grande conhecedor de mecânica e preparação no geral, mas percebo hoje que é especialista nos carros da Fiat (Uno/Tempra/Tipo/Stilo/Marea/Palio) tantos aspirados quanto preparados.

Como muitos disseram não conhecer um especialista em Belo Horizonte (MG), segue acima o cartão dele com todos os dados necessários para um contato.

Agora vamos ao que interessa.

Flatout 2ß Texto Flatout 2ß Texto

Para começar tivemos de retirar o motor do cofre, pois, não sabíamos bem o que poderia ter ali.

Quando este motor saiu do cofre ficamos horrorizados com tantas “gambiarras”, emendas mal feitas e peças desgastadas pelo tempo e pelo mau uso.

Dêem uma olhada na válvula termostática que estava instalada no carro. Ela é a responsável pela abertura e liberação do líquido de arrefecimento para resfriamento do motor.

Flatout 2ß Texto

E detalhe, esta peça não existe a venda no Brasil… Tive de trazê-la da Itália com a ajuda de um primo da minha esposa que reside na Espanha. Hoje tenho a peça nova no carro e outra para reposição caso necessário.

Flatout 2ß Texto

Em conversa com o Welson decidimos não somente dar uma geral no motor mas também trocar outros componentes que já estavam ali desgastados como o caso da embreagem. Partimos para uma embreagem da marca Ceramic Power HD feita sob medida para o Uno Turbo e posso dizer para vocês que ficou tão leve e macia quanto a original.

Flatout 2ß Texto

O sistema de câmbio também não estava bom, além de antiquado e resolvemos partir para o sistema de cabos do Uno Mille ou do Palio que são praticamente plug and play. Compramos um sistema completo e zero bala.

Flatout 2ß Texto

Partimos para a questão da estética no motor e resolvemos dar uma cromada em algumas peças e as demais foram pintadas para que o cofre tivesse um ar harmonioso. Aproveitem para observar também o trabalho do Welson com os mínimos detalhes e muita precisão na separação das peças. Geralmente os “mexânicos” aí fora não fazem isso. A caixa de marcha foi aberta e revisada inclusive com troca de todos os garfos sincronizadores.

Flatout 2ß Texto

Observem na foto acima a plaqueta Turbo novinha (raridade) e a válvula termostática (a direita) novinha também (outra raridade).

Resolvemos também de que precisaríamos tirar fora a injeção “burra” e antiquada equipada no carro, obviamente, há 20 anos atrás era o melhor que existia mas hoje não mais. Partimos para uma injeção completa da Fueltech modelo FT 350 com display digital Touch Screen. Ela foi comprada completa com todos os sensores necessários  para calibração e aferição além de informação de dados.

Flatout 2ß Texto

Junto dela um leitor Wide Band também veio para mostrar informações e novos bicos tiveram que equipar o carro, com vazão de 40 LBS e um 5º bico especial, pois, o carro vai trabalhar com uma pressão maior e também no etanol. Uma Sonda Lambda foi adicionada no escape para fazer o controle da queima de combustível.

Flatout 2ß Texto

Velas especiais e uma bomba de combustível de 12 Bar também foram adquiridos.

Flatout 2ß Texto Flatout 2ß Texto

No próximo post, o último, mostrarei como o carro ficou depois de pronto e novos componentes que foram instalados. Espero que gostem! Até lá. Abraços.

Por Pierre Dolabela, Project Cars #171

0pcdisclaimer2

Matérias relacionadas

Project Cars #317: a história do meu Ford Focus Mk2 turbo com GNV

Leonardo Contesini

Project Cars #229: reencontrando (e preparando) o Ford Maverick dos meus sonhos de infância depois de 21 anos!

Leonardo Contesini

Fiat 147 Sevel turbinado: a evolução do Project Cars #32!

Juliano Barata