Edição diária: 19/06/2019
FlatOut!
Image default
Avaliações Zero a 300

Aceleramos o Jaguar F-Type P300 em Interlagos: 2.0 turbo Ingenium. E aí, como é a tocada?

Se todo Jaguar tem um pouco de carro de vilão em sua personalidade, o F-Type nasceu em 2013 como o Dodge Charger 1968 de fraque: bad to the bone, com design matador, motores V6 e V8 supercharged borbulhando agressividade – com timbre a la E-Type no seis cilindros e algo como um Shely GT500 britânico no V8 – e um trabalho meticuloso de comprimento de onda e pulsação nos escapes. Era a primeira vez que ouvíamos os estralados no escapamento durante uma tirada de pé num automóvel moderno, um

Matérias relacionadas

Um BMW M3 E36 americano bem cuidado, modificado com bom gosto e à venda

Dalmo Hernandes

Lancia Fulvia: o cupê com motor V4 e tração dianteira que se tornou uma lenda dos ralis antes do WRC

Dalmo Hernandes

WAT? Um Mustang fastback com motor V8 Hemi e a cara do Plymouth Superbird?

Dalmo Hernandes