A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture Games WTF?

Acredite: as pessoas estão jogando Pokémon Go enquanto dirigem

Parece que a gente entrou em um revival dos anos 1990. Olha só: há um Clinton concorrendo à presidência dos EUA, o Blink 182 voltou ao topo das paradas, o Guns n’ Roses voltou a se apresentar com Slash e Duff McKagan e todo mundo está jogando Pokémon. “E o que isto tem a ver com o FlatOut?”, talvez você esteja se perguntando. Bem, é que as pessoas estão jogando enquanto dirigem e sofrendo acidentes.

Caso você não esteja sabendo do que se trata Pokémon Go (o que é um tanto improvável, visto que só se fala nisso pela Internet nos últimos dias), lá vai uma explicação rápida.

Lembra dos games de Pokémon para Game Boy que eram extremamente populares nos anos 1990 e 2000? Como nos desenhos da TV, você podia procurar e capturar Pokémon, treiná-los, fazê-los lutar entre si e tornar-se um mestre. O fenômeno viveu seu auge na década passada mas, na verdade, os games jamais deixaram de ser populares.

O que Pokémon Go fez foi elevar o negócio a outro nível: o aplicativo para smartphones Android e iOS usa realidade aumentada, GPS e a câmera para colocar Pokémon no mundo real. Você cria um personagem e anda pelas ruas com o celular na mão e encontra as criaturas espalhadas por aí, podendo capturá-las, treiná-las e participar de batalhas com elas. Para quem jogava e assistia ao desenho há 15 ou 20 anos, é o mais perto que se pode chegar de viver o sonho de se tornar um mestre Pokémon. E sim, é meio estranho escrever isto em 2016, mas a gente se acostuma.

Pokémon Go é um aplicativo free-to-play, o que significa que você pode baixar e jogar de graça, mas pode pagar para conseguir itens extras no jogo. Está disponível nos EUA, na Europa e na Ásia e, desde que foi lançado, já rendeu o equivalente a R$ 45 milhões para a Nintendo, além de aumentar o valor as ações da companhia em 10%. Ainda não há data de lançamento para o Brasil, mas já tem gente jogando Pokémon Go por aqui de forma “não oficial”, se é que você nos entende. O que, para nós, torna válido o aviso: não jogue Pokémon Go enquanto dirige.

Parece uma dica óbvia mas, acredite, tem gente fazendo isto. Quer, não é tão difícil assim de entender — se as pessoas usam o celular para fazer ligações, tirar fotos e consultar o GPS enquanto dirigem, por que não jogariam Pokémon Go? De vez em quando as pessoas são estúpidas.

Dá para jogar Pokémon Go dentro de um carro em movimento? Dá, como o vídeo abaixo, feito por um cara que atende por Boosted Boris, mostra. Boris senta no banco do carona de um BMW M3 no Nürburgring Nordschleife e, enquanto o piloto do Ring Taxi conduz o carro, captura alguns Pokémon com seu celular. Seria bem pior se ele estivesse dirigindo, vamos admitir. É até interessante de ver.

Acontece que tem gente fazendo besteira por achar que consegue dirigir enquanto captura Pokémon. Não é preciso muito mais que uma busca por “pokémon go car crash” no Google para encontrar algumas notícias, digamos, desanimadoras.

Há dois dias, um usuário do Reddit postou no fórum Just Rolled Into The Shop, no qual a comunidade posta cenas inusitadas em oficinas, a foto de uma nota de serviço que diz o seguinte:

pokemongoaudi

O cliente estava jogando Pokémon Go e passou por cima da guia. Inspecionar o assoalho do carro para procurar danos.

E esta ainda foi tranquila — a vergonha que o cara de ve ter passado na oficina deve ter sido maior que o prejuízo no conserto do seu Audi. Mas já tem gente se envolvendo em acidentes mais sérios, também.

Um morador de 28 anos da cidade de Auburn, estado de Nova York, nos EUA, jogava Pokémon Go enquanto dirigia e acabou acertando uma árvore. De acordo com o site Syracuse.com, o motorista não se feriu gravemente, mas a dianteira do carro ficou toda destruída.

De acordo com a polícia local, “o motorista admitiu estar jogando Pokémon Go enquanto dirigia, o que fez com que ele se distraísse, saísse da estrada e atingisse uma árvore”. A ocorrência também fez com que as autoridades de Auburn dessem algumas recomendações aos jogadores, como “não utilizar o aplicativo enquanto operam um veículo motorizado ou uma bicicleta”, “não ultrapassar propriedades privadas tentando capturar um Pokémon” e “ficar atento aos arredores enquanto andar e não olhar para o celular sem saber dos riscos à sua volta, como estradas, buracos e canais d’água”.

oanpkgpdkmxqphtjjmzr

O departamento de polícia de Auburn finaliza dizendo que, acima de tudo, é preciso ter bom senso antes de qualquer coisa e pensar se realmente é uma boa ideia jogar Pokémon Go dirigindo. Vamos nos adiantar na resposta: não é.

Matérias relacionadas

Dirt track racing: as insanas corridas em ovais de terra dos EUA

Dalmo Hernandes

FlatOut Sunset Meet: galeria-bônus do 1º encontro oficial do FlatOut!

Juliano Barata

Por que não temos carros de passeio movidos a diesel no Brasil?

Leonardo Contesini