A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Salão de Frankfurt 2015

Alfa Giulia Quadrifoglio Verde, Fiat Abarth-Yamaha e 695 Biposto Record: os esportivos italianos em Frankfurt

Entre as marcas do grupo Fiat Chrysler, o maior destaque de Frankfurt foi o novo super-sedã da Alfa Romeo, o Giulia Quadrifoglio Verde. Já falamos sobre quando a Alfa o apresentou pela primeira vez em junho passado, mas agora ele volta aos holofotes com algumas novidades.

A primeira delas é a confirmação da cilindrada do motor V6 Ferrari, que realmente terá 2,9 litros como se especulava. Outra informação importante é o peso seco do carro (sem fluidos), que aponta 1.524 kg na balança. Foi em Frankfurt, também, que o mundo descobriu o potencial do Giulia QV em Nürburgring Nordschleife — o sedã italiano virou o Inferno Verde em 7:39, superando o BMW M4 e até mesmo o Porsche 997 GT3.

O preço do Giulia também foi revelado: 79 mil euros pela versão de entrada da QV, e 95 mil euros pelo modelo completo, com bancos de fibra de carbono e freios de carbono-cerâmica, capazes de frear o Giulia a 100 km/h em menos de 32 metros.

_AAA6847_AAA6870

Também pudemos ver pela primeira vez o cofre do motor aberto — aparentemente o V6 fica bem recuado no cofre, quase em posição central-dianteira — e novamente vimos o interior e um detalhe bacana: os pedais de freio e embreagem têm o formato do cuore da marca.

_AAA6906

_AAA6959 _AAA6951

Na Fiat o destaque é a leve reestilização do Fiat 500, com luzes diurnas maiores, grade inferior maior e pequenos canhões de farois de neblina, com moldura cromada, e uma faixa cromada em sua base. Há também uma nova régua cromada pouco abaixo da que ladeava o emblema da Fiat. Os faróis principais também ficaram mais alongados, colocando o 500 original em linha com seus derivados, como a minivan 500L e o crossover 500X.

_AAA7527

Por dentro o compacto também mudou sutilmente, ganhando novo volante, um painel de instrumentos digital e uma nova central multimídia Uconnect, que ajudou a deixar o ambiente mais refinado. A faixa na cor do carro felizmente foi mantida, assim como o câmbio em posição elevada.

_AAA7551

A turma “nervosa” da Abarth também levou suas criações a Frankfurt: a primeira delas é o 595 Yamaha Factory Racing Edition, que é uma edição especial em referência à equipe Fiat Yamaha Team da Moto GP, que tem como pilotos o italiano Valentino Rossi e o espanhol Jorge Lorenzo.

newabarth001

O 595 Yamaha ganhou um upgrade de potência, de 140 para 160 cv, um filtro de ar esportivo da BMC, suspensão retrabalhada com amortecedores Koni, escape Record Monza e rodas de 17 polegadas.

newabarth002

O outro é o Abarth 695 Biposto Record, que comemora o 50º aniversário do recorde do monoposto Abarth 1000 na Classe G em Monza, estabelecido por Carlo Abarth.

_AAA7542

Por fora o modelo tem pintura Amarelo Modena com detalhes em “Tar Cold Grey”. Ele é identificado pelo emblema 695 Record na lateral e no capô de alumínio. As rodas são ainda maiores que a do 595, e têm 18 polegadas e freios Brembo.

newabarth004 newabarth005

O escape é da Akrapovic. Por dentro ele tem bancos de fibra de carbono e uma plaqueta numerada. O motor é o mesmo do 695 Biposto “comum”, com 190 cv, e trabalha com o câmbio manual de seis marchas com diferencial autoblocante.

 

Matérias relacionadas

Novo AMG C63 DTM, um conceito do futuro e o novo Classe S Cabriolet são os destaques da Mercedes-Benz no Salão de Frankfurt

Dalmo Hernandes

Lamborghini Huracán Spyder, Aventador SV Roadster e Ferrari 488 Spider: os super conversíveis italianos em Frankfurt

Leonardo Contesini

M6 GT3, novos Série 7, o futuro X1 nacional e Mini Clubman: as novidades da BMW no Salão de Frankfurt

Dalmo Hernandes