A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Games Top

As aberturas de games de corrida mais fodásticas de todos os tempos – Parte 2

Você provavelmente sente saudade do tempo em que sua única preocupação depois de voltar da escola era qual seria a próximo carro que você compraria no videogame. Movidos por este sentimento de nostalgia, perguntamos aos leitores quais eram as aberturas de games de corrida mais fodásticas já feitas. A primeira parte da lista com a respostas você conferiu há alguns dias. A segunda, vamos ver agora!

 

R4: Ridge Racer Type 4 (1998)

Sugerido por: André Oliveira

Ridge Racer Type 4 é um arcade para Playstation lançado em 1998 no Japão e em 1999 no resto do mundo. Desenvolvido e publicado pela Namco, o game tem um belo modo história, carros muito carsmáticos apesar de fictícios, trilha sonora bacanuda e ótima jogabilidade. Além, é claro, da mascote Reiko Nagase, a grid girl do game. Ela é a protagonista da sequência de abertura, feita no melhor estilo anime e já foi até tema de vários remakes feitos por fãs.

 

Gran Turismo (1997)

Sugerido por: Rubens Fronza

Gran Turismo 2 pode ser o grande clássico da era 32-bit, mas foi este aqui que começou tudo. Seja com o clássico tema Moon Over the Castle na versão japonesa, ou Everything Must Go, gravada pelo Manic Street Preachers e remixada pelos Chemical Brothers, aqueles quase três minutos são emblemáticos. Para muitos de nós (ou, bem, alguns de nós), foi o primeiro contato com todos aquelas marcas e nomes de carros esportivos que hoje sabemos que são ícones absolutos. Precisa mais?

 

Road Rash (1994)

Sugerido por: Erico Reis

Desenvolvido pela Electronic Arts, o primeiro Road Rash foi lançado em 1991 para o Sega Genesis (o famoso Mega Drive) e, ao longo dos anos, recebeu versões para diversos consoles e portáteis, como o Sega Saturn, o Playstation e, o finado 3DO (para a maioria dos gamers, a melhor versão) e Game Boy Color, além do Windows. A introdução da versão de Playstation, Sega Saturn e 3DO – um filme tosco, feito com baixo orçamento e cenas exageradas de perseguições e violência entre motociclista, é a cara do início da era 32-bit. Sem falar na trilha sonora: Rusty Cage, do Soundgarden, que foi uma das maiores bandas da cena grunge noventista.

 

Need for Speed II (1997)

Sugerido por: Doge

O segundo título da franquia Need for Speed deixou o estilo grand tourer de lado para ganhar uma jogabilidade mais arcade, circuitos mais curtos e corridas mais emocionantes. E o filme de abertura, com um pega entre o Jaguar XJ220 e o Lamborghini Italdesign Calà (sim, um carro conceito sendo usado em uma abertura de game!) que aceleram tanto a ponto de dar a volta ao mundo, é simples e eficiente. Dava muito mais vontade de jogar!

 

Top Gear (1992)

Sugerido por: muita gente, muita gente mesmo

O primeiro Top Gear, de 1992, não tinha uma intrudução. Ia direto para a tela de título. Mas você estará mentindo se disser que, pelo menos uma vez, não ficou esperando a música acabar antes de começar a jogar.

 

Race Driver: Grid (2008)

Sugerido por: Caê Sabino

Race Driver: Grid é um spin-off da clássica série TOCA Touring Car, da Codemasters, que já foi considerada a melhor dos simuladores leves até a chegada de Gran TurismoGrid, de 2008, seguiu uma direção mais arcade, o game diversificou os modos de pilotagem ao incluir provas de drift, touges japonesas e até corridas de demolição. Seu filme de introdução, contudo, foi o que roubou a cena: em vez de uma animação feita especificamente para abertura, a Codemasters decidiu usar a engine do próprio gameplay, que era absurdamente realista para a época e demonstrava o incrível sistema de colisão do jogo, com pedaços de carros voando por todos os lados.

 

Gran Turismo 4 (2004)

Sugerido por: Breno Ribeiro

O melhor título da franquia para o Playstation 2 ganhou também uma das aberturas mais bacanas: começa dramática, com cenas dos boxes e Moon Over the Castle tocando ao fundo, e de repente vem a pancadaria com Panama, clássico da era David Lee Roth do Van Halen.

 

Need For Speed: Porsche Unleashed (2000)

Sugerido por: ZéhGabilão

O quinto título da franquia Need for Speed abriu a década de 2000 surpreendendo a todos ao ser licenciado oficialmente pela Porsche e contar apenas com os modelos da marca alemã. O filme de abertura, muito bem feito, mostra um piloto de testes da Porsche pilotando alguns dos maiores ícones de Stuttgart, como o 550 Spyder e o icônico 959. Ainda que o contrato da Electronic Arts com a Porsche firmado para este jogo tenha dificultado as coisas para outras desenvolvedoras de games que quisessem colocar o 911 em sua lista de carros, há de se respeitar o cuidado como os lendários esportivos com motor boxer foram retratados.

Matérias relacionadas

Os carros mais legais que você pode comprar gastando entre R$ 30 mil e R$ 35 mil – parte 2

Dalmo Hernandes

Touros perdidos: os carros conceito que a Lamborghini jamais produziu – mas deveria

Dalmo Hernandes

Skunkworks: os carros que foram projetados escondidos dos chefes – parte 2

Dalmo Hernandes
error: Direitos autorais reservados