A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

As primeiras imagens do Mercedes-AMG GT R, Mini revela JCW Challenge voltado para pista, o novo Ecto-1 dos Caça-Fantasmas e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Este é o novo GT R… da Mercedes-AMG

A Mercedes começou a revelar aos poucos seu GT R, a versão mais agressiva e potente do AMG GT que será lançada no próximo dia 24 de junho no Goodwood Festival of Speed. Como já dissemos anteriormente, ele será uma espécie de versão de rua do AMG GT3, com direito a mais potência e redução de peso.

 

Isso significa que o AMG GT R ficará posicionado acima da AMG GT S de 510 cv, mas precisará deixar espaço para a futura Black Series. Por isso, especula-se que seu motor V8 biturbo de quatro litros terá algo em torno de 570 cv. Em relação ao visual, ele terá a carroceria mais larga, como o GT3, com para-lamas salientes e uma nova grade dianteira com barras verticais em homenagem ao lendário W194 asa-de-gaivota de corrida dos anos 1950 — que também é a mesma dos AMG GT3.

Mesmo maior, o GT R será cerca de 100 kg mais leve que o GT S, de 1.645 kg. Além das mudanças visuais e no motor, o GT R da Mercedes terá também novos freios e uma asa traseira fixa. O câmbio será automatizado de embreagem dupla, recalibrado para trabalhar melhor com o novo torque do motor, e junto com a potência maior deverá levar o carro aos 100 km/h na casa dos 3,5 segundos.

 

Mini revela novo JCW Challenge

2016-MiniJCWChallenge-05

Outra novidade programada para o Goodwood Festival of Speed é o Mini John Cooper Works Challenge. Inspirado no modelo de corrida da série Challenge, ele ganhou uma série de upgrades no chassi, freios e pneus para conseguir uma dinâmica ainda mais afiada que seu irmão JCW (veja nossa avaliação do modelo aqui).

Sob o capô está o mesmo 2.0 turbo de 231 cv do JCW comum, mas as diferenças começam antes mesmo de abri-lo: os para-choques têm tomadas de ar maiores e os para-lamas têm arcos alargadores para acomodar as novas rodas Team Dynamics Pro Race 1.2, que têm meia polegada a mais de tala. Apesar de mais largas, o conjunto é 6 kg mais leve que as rodas de 17 polegadas originais do JCW. Os pneus são Michelin Pilot Sport Cup 2 nas medidas 215/45.

2016-MiniJCWChallenge-19

Mesmo com as rodas mais leves, o Mini JCW Challenge acabou 15 kg mais pesado que a versão comum, e agora chega aos 1.215 kg. O desempenho permaneceu inalterado, segundo a fabricante, mérito dos pneus e do diferencial de deslizamento limitado eletrônico que foi reprogramado para o Challenge. A aceleração de zero a 100 km/h é feita em 6,2 segundos e a velocidade máxima é 246 km/h.

2016-MiniJCWChallenge-27

A suspensão do Challenge usa coilovers NTR R1, com ajuste de compressão, rebote e altura. Os amortecedores são feitos a mão e usam titânio e componentes anodizados. Ela também adota uma geometria diferente do JCW comum, com direito a camber plates na dianteira e um ajuste padrão de – 2º de câmber nas quatro rodas.

2016-MiniJCWChallenge-11

Agora a má notícia: a Mini fará apenas 100 exemplares do JCW Challenge e todas elas terão volante no lado direito, pois serão exclusivas para o mercado britânico.

 

Conheça o novo Ecto-1 das Caça-Fantasmas

Talvez você esteja por fora, mas os Caça-Fantasmas estão prestes a voltar aos cinemas. Desta vez o filme será um pouco diferente daqueles que aprendemos a gostar (ou detestar) nos anos 1980 e 1990: em vez dos quatro marmanjos, uma secretária maluca e seu namorado nerd, os caça-fantasmas agora serão quatro mulheres que acabam se juntando para, bem, lutar contra fantasmas que subitamente começaram a ameaçar Manhattan.

É claro que não poderia faltar um carro para elas: o Ecto-1 está de volta, mas assim como as garotas, ele também será um pouco diferente. Enquanto o original era uma ambulância Cadillac Miller-Meteor Fleetwood 1959, desta vez o carro é um Cadillac Series 355 1984 convertido em rabecão funerário! Coincidentemente (ou não), é um carro de 30 anos como seu antecessor. O vídeo acima mostra alguns detalhes do novo carro — e também do filme. Quem sabe ele consiga se tornar tão icônico quanto o Ecto-1 original (aliás, por que não batizaram o carro de Ecto-2?).

 

O Ford Sierra de Jeremy Clarkson está a venda

Ford-Sierra-9

Lembra quando Jeremy Clarkson, Richard Hammond e James May foram à Alemanha com sedãs familiares capazes de participar de um track day? May comprou um Mercedes-Benz 190E Cosworth, Hammond foi com um BMW M3 E36 sedã e Jeremy Clarkson se rendeu à sua paixão por Fords e comprou um Sierra Cosworth RS. Pois agora o Ford de Clarkson está à venda.

O Sapphire Cosworth em questão tem 131.966 km rodados com seu motor 2.0 turbo de 201 cv, e parece ter o escape original de inox. O carro originalmente deveria acelerar de zero a 100 km/h em 6,1 segundos e chegar à máxima de 241 km/h, mas nas mãos de Clarkson ele só chegou a 228 km/h durante o desafio em uma Autobahn.

Segundo o Classic Car Auctions (que também vendeu o BMW M3 do mesmo desafio) o carro “tem seu valor histórico” e por isso espera-se que ele seja vendido por entre US$ 18.000 e US$ 22.000.

Matérias relacionadas

Guerreiros sobre rodas: os carros que duraram (ou ainda duram) décadas com o mesmo projeto – Parte 2

Dalmo Hernandes

Novo Porsche 911 flagrado quase sem disfarces, Corvette Shooting Brake aparece pela primeira vez, os carros mais vendidos de janeiro e mais!

Leonardo Contesini

Dodge Demon foi revelado “sem querer” por Vin Diesel em dezembro, McLaren lança relógio de US$ 1 milhão, Shelby Super Snake faz 50 anos e ganha 760 cv e mais!

Leonardo Contesini