A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Humor Top WTF?

As rodas mais bizarras e curiosas (ou só feias, mesmo) do mundo automotivo – parte 2

Há pouquíssimos dias, fizemos aqui no FlatOut uma lista bem descontraída com algumas das rodas mais esquisitas, curiosas ou simplesmente feias que já vimos. Se você ainda não conseguiu dormir depois de ver a lista, temos uma má notícia: esta é a segunda parte, com sugestões dos leitores!

 

As rodas “quadradas” do Fiat Uno Sporting

fiat_uno_sporting_20

A verdade é que esta aqui só não entrou na lista anterior por falta de espaço. Mas a verdade é que ela divide opiniões: usada no Fiat Uno Sporting, a roda de 14 polegadas dá sequência ao tema de “quadrado arredondado” do Fiat Uno Turbo — e também dá continuidade à tradição da Fiat de brincar com formas em suas rodas: quem não lembra daquelas usadas nos primeiros Uno 1.5 R, por exemplo?

fiat_uno_1.5r_2

Há quem admire a inventividade dos designs da Fiat, enquanto outros preferem suas rodas mais tradicionais. Ou ao menos redondas, não é?

 

Status Grinder

p1

S815_HOLDEN UTE (3)

OK, as rodas da Fiat dividem opiniões. Mas as Status Grinder não: elas são como uma versão ainda mais absurda das Envy Monolith, mas alguns leitores acham que ela é muito mais parecida com uma fatiadora de frios. O detalhe é que elas até que são populares aqui no Brasil e bastante comuns em picapes médias. E no Hyundai Veloster.

 

Forgiato Radurra

clear wheel two1

A verdade é que não dá para dizer que as Forgiato Radurra são feias — apenas não é assim que uma roda deveria se parecer. Aliás, uma roda feita de policarbonato não nos parece a melhor ideia do mundo. No entanto, elas já estão por aí desde 2008, quando foram apresentadas no SEMA Show, e a Forgiato garante que elas são 100% seguras.

E também são a melhor maneira de você mostrar os freios Brembo novos do seu carro. A gente sabe que não são capinhas de plástico, tá bom?

 

Rodas do Ford Ka

1306936636_F1130312-1022_w600_h600

Quando foi apresentado, em 1997, o Ford Ka chocou por seu visual bastante ousado para a época. No Brasil, demorou bastante para que ele decolasse — sua proposta era a de um carro urbano compacto e econômico com design descolado, e não de carro da família. Ou seja: talvez tenha sido uma boa ideia não oferecer estas rodas com o logo do Ka arranjado de forma simétrica. Aparentemente, elas só foram oferecidas no Reino Unido como opcional, e são bastante procuradas pelos fãs do modelo.

 

Forgiato Parlaro

1974cbfc4c600133

Mas quem é que precisa de simetria, não é mesmo? A Forgiato realmente gosta de ousar em seus designs, e a Parlaro é uma das maiores provas disso: não conseguimos entender direito a lógica por trás do design a não ser uma conversa do tipo “que tal a gente fazer uma roda assimétrica e ver se cola”? Na maioria das vezes, uma boa roda conversa com as linhas do carro. Estas, por outro lado, não parecem combinar com nenhum.

 

Arelli Assassyn

assass22

Só porque um design é interessante no papel, não significa que seja uma boa ideia transformá-lo em realidade. As Arelli Assassyn, que estão já descontinuadas há alguns anos, por exemplo: elas até ficariam boas em um carro conceito futurista da década de 1990, mas a gente não consegue curti-las em nenhum outro carro. Dito isso, é sempre bom lembrar que gosto é algo pessoal, não é?

 

Estas rodas com cifrões e notas de dólares

moneyspinners

Você pode até achar que boa parte das rodas usadas pelos adeptos do estilo DUB são pura ostentação, mas nenhuma bate estas aqui. Aparentemente, há diversas fabricantes de rodas que têm este modelo em suas linhas — talvez ninguém tenha coragem de assumir a propriedade intelectual delas… o fato é que elas existem e estão aí para mostrar que… bem… criatividade não tem limites, talvez?

 

Asanti AF 111 Ostrich

avestrus

E não tem mesmo. Um dos designs mais… excêntricos que já vimos é o das Asanti AF111 Ostrich. Não pelo desenho em si, que é até tradicional, mas pelo acabamento: toda a face da roda é forrada em couro de avestruz — aparentemente, couro natural. Existe, também, a variação Alligator, que usa couro de jacaré — neste caso, sintético.

asantmillion

Aliás, a Asanti é conhecida por usar materiais exóticos e preciosos em suas rodas: o modelo acima, por exemplo, é incrustada — 12.000 diamantes e 800 safiras, totalizando mais de 1.100 quilates de pedras preciosas. O preço de um jogo? US$ 1 milhão, ou cerca de R$ 3,7 milhões em valores atuais.

 

Status Hurricane

STATUS_S836Hurricane_CustomFinish2_Standard-500

Se você achava que a Status não poderia se superar depois da Grinder (que já saiu de linha há alguns anos), eis a Status Hurricane. O nome, que significa “Furacão” (bem, você provavelmente já sabia disso) entrega a inspiração. O que realmente pega são as combinações de cores — em especial, esta combinação de verde-limão e preto que só ficaria bem em um veículo promocional da Monster Energy. Que tal uma destas, Ken Block?

 

Isto aqui:

rims

Não conseguimos encontrar informações a respeito da fabricante destas rodas que, de longe, parecem as clássicas Minilites (ou Campagnolo, ou RS Watanabe), mas de perto revelam sua verdadeira “face”, digamos assim. A gente até ia fazer piada, dizendo que estas rodas são “do c*ralho”, mas vamos deixar esta na mão vocês…

Gr0DPt1

Sim, foi um trocadilho proposital.

Matérias relacionadas

Os componentes automotivos mais bonitos que existem

Dalmo Hernandes

Battle of the Builders: os dez melhores projetos do SEMA Show 2016

Dalmo Hernandes

É o fim do mundo! Os melhores veículos para um futuro pós-apocalíptico – parte 1

Dalmo Hernandes