A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Audi mostra novo A4, Shell lança gasolina de alta octanagem no Brasil, Mercedes Classe A de cara nova e com 381 cv, a nova Ferrari GTO e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Quinta geração do Audi A4 é revelada

2084680971010052381

O B9, ou o Audi A4 de quinta geração, foi apresentado oficialmente hoje, na Alemanha. Ainda que seu estilo seja do tipo evolutivo, sem algo visualmente marcante para diferenciá-lo do anterior, o novo A4 tem números impressionantes para exibir.

124600350822022015

Para começar, ele é maior que o anterior. Tem 4,73 m de comprimento (contra 4,70 m do anterior), 2,82 m de entre-eixos (2,81 m), 1,84 m de largura (1,83 m) e tem a mesmíssima altura, de 1,43 m. Mas é até 120 kg mais leve que o modelo anterior, com um coeficiente aerodinâmico de apenas 0,23, para o sedã, e 0,26, para a perua. Essas características, combinadas aos motores de ciclo Miller, também chamados pela marca de ciclo B, tornam o novo A4 um possível campeão de economia em sua categoria.

18372908661240020172

O modelo terá sete motores à disposição quando começar a ser vendido, em setembro. Serão três a gasolina, TFSI, e quatro a diesel, TDI. As potências variam de 150 cv, para o 1.4 TFSI e o 2.0 TDI, a 272 cv, do TDI 3.0 de seis cilindros (que tem uma versão mais mansa, com 218 cv). No modelo 2.0 TDI, que pode chegar a 190 cv, o consumo é de apenas 27 km/l. O motor 2.0 TFSI pode ter 190 cv ou 252 cv, ambos com o tal ciclo B e consumo de 20,8 km/l. Para um carro de quase 5 m, é impressionante.

Outras novidades são o painel de instrumentos totalmente digital, chamado de Virtual Cockpit, que vem acompanhado de uma tela de 12,3 polegadas no console central. A A4 Avant tem 505 litros de porta-malas e tampa do porta-malas elétrica, que se abre com um movimento dos pés.

 

Mercedes-Benz exibe reestilização do Classe A; A45 AMG vai a 381 cv!

2016-MB-A45-AMG-4

O novo Mercedes-Benz Classe A trouxe mais novidades do que apenas um rostinho diferente. Além dos novos para-choques e conjuntos ópticos, com faróis diurnos de LED, iguais aos do A45 AMG, mas opcionais para as versões da linha a não ser para a de topo, e um escape diferente, há uma nova versão de entrada.

2016-Mercedes-A-Class-4

Chamada de A 160, ela traz um motor 1.6 de 102 cv de 2.750 rpm a 4.000 rpm, com torque de 24,5 mkgf de 1.700 a 2.500 rpm. É comportamento de motor turbinado, mas a potência é muito baixa. A marca não informa se esse novo 1.6 usa indução forçada. No A45 AMG, porém, a potência pulou de 360 cv para 381 cv a 6.000 rpm e 48,4 mkgf de 2.250 rpm a 5.000 rpm.

2016-MB-A45-AMG-15

O sistema multimídia COMAND agora é oferecido com tela de oito polegadas e é compatível com o Apple CarPlay e com o Mirrorlink. Os bancos são novos e o painel de instrumentos agora é o mesmo usado no CLA e no GLA.

Para finalizar, o novo Classe A agora tem um sistema de amortecimento adaptativo, com quatro modos de condução: Comfort, Sport, Eco e Individual.

 

Shell passa a oferecer gasolina de alta octanagem no Brasil

2

Com o aumento no teor de álcool anidro na gasolina brasileira, os carros importados de alto desempenho ou nacionais não flexíveis passaram a depender das gasolinas “premium” para funcionar sem afetações no motor. Até agora somente Petrobras e Ipiranga oferecem esse tipo de gasolina — a Petrobras com a Pódium, de 95 octanas, e a Ipiranga com a sua Premium, de 92 octanas (ambos IAD) —, mas a Shell está entrando com o seu produto para abocanhar um pedaço desse mercado.

A empresa lançou na última sexta-feira (26) a V-Power Racing, com 91 octanas IAD, desenvolvidas para carros não flexíveis ou com alta taxa de compressão. O combustível inicialmente será oferecido em São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre e em um total de 200 postos destas cidades, possivelmente como avaliação de demanda. Não há estimativa oficial de preços, mas considerando que os combustíveis “premium” custam entre R$3,70 e R$ 4,70, a V-Power Racing deve ficar nessa faixa de preços, dependendo da região.

 

Ferrari F12 GTO “vaza” na internet

1077333351298235416

Já faz alguns meses que a imprensa europeia fala em um novo modelo Ferrari para o segundo semestre – possivelmente para o Salão de Frankfurt, o principal evento da segunda metade deste ano. Mas como você sabe, a internet não espera e por isso o novo modelo aparentemente foi divulgado antes da hora. Trata-se do mais novo GTO da marca, baseado na F12berlinetta e sucessor da 599 GTO — que foi em sua época o carro de rua mais rápido da história da Ferrari.

17999457641242009565

Para honrar o sobrenome, a F12 GTO terá um V12 de 6,2 litros — o mesmo da F12berlinetta — com 788 cv e HY-KERS, além de uma redução de 100 kg no peso total, o que deverá colocá-la muito perto da LaFerrari em termos de desempenho. Serão produzidas apenas 650 unidades que devem ser vendidas antes mesmo da apresentação oficial, como toda Ferrari especialíssima.

 

Honda terá um SUV menor do que o HR-V, o BR-V

Honda-BR-V-1

A Honda anunciou que venderá na Ásia um SUV menor do que o HR-V. Chamado de BR-V (Bold Runabout Vehicle), o carrinho terá motor 1.5 e provavelmente a mesma plataforma do Brio. Com apresentação marcada para o Salão da Indonésia, entre os dias 20 e 30 de agosto deste ano, o modelo já mereceu até projeção oficial.

Honda-BR-V-2

Curioso é que, apesar de menor do que o HR-V, o modelo será oferecido com sete lugares, dispostos em três fileiras de bancos. As chances de ele ser vendido no Brasil são pequenas, apesar do BR-V de seu nome. A não ser que a Honda finalmente se decida a ter um carro de volume para nosso mercado, como a Hyundai com o HB20 e a Toyota com o Etios.

 

Hyundai Creta é apresentado oficialmente na Índia

hyundai-creta-1

O SUV compacto mundial da Hyundai realmente só mudou de nome. Agora chamado de Creta, este ix25 mundial tem as mesmas dimensões do modelo vendido exclusivamente na China, ainda que a Hyundai não confirme a informação: são 4,27 m de comprimento, 2,59 m de entre-eixos, 1,78 m de largura e 1,63 m de altura.

hyundai-creta-2

Os motores serão um 1.6 a gasolina de 122 cv, possivelmente o mesmo que equipa o HB20, no Brasil, e dois motores turbodiesel, um 1.4 sem potência divulgada e um 1.6 de 128 cv. As transmissões são automática e manual de seis marchas.

hyundai-creta-3

Equipado com rodas de aro 17, seis airbags, câmera de ré, controle de estabilidade, freios ABS, volante multifuncional e sistema multimídia com tela de 7 polegadas, o Creta começa a ser vendido no mercado indiano em em 21 de julho.

Matérias relacionadas

Velozes e Furiosos 7 estreia hoje nos cinemas, Mercedes lança GLA 250 com 211 cv no Brasil, os carros mais vendidos em março e mais!

Leonardo Contesini

A primeira foto e a suposta potência do Dodge Demon, Porsche poderá vender 911 com motor central, o novo crossover médio da Volkswagen e mais!

Leonardo Contesini

Volkswagen apresenta novo Tiguan no Brasil – com cinco e sete lugares

Dalmo Hernandes