FlatOut!
Image default
Car Culture Vídeo

Autostadt: a maior fábrica da Volkswagen é uma verdadeira cidade dos carros no coração da Alemanha

A Volkswagen é uma das maiores fabricantes de carros do mundo, dona de algumas das marcas mais importantes e adoradas do planeta — Porsche, Lamborghini e Audi, só para ficar nas mais conhecidas — e criou um dos maiores ícones automotivos do mundo, o Fusca. Mas o que essa fábrica de carros tem de tão especial?

Autostadt significa, literalmente, “cidade dos carros” — e o lugar, que mede nada menos que 250 mil m², é praticamente isto. Além de abrigar a maior das mais de 100 unidades de produção que a VW tem atualmente, o Autostadt tem um museu, um centro de atendimento ao cliente onde seu carro é entregue da forma mais legal possível, cinemas, restaurantes e até escolas de pilotagem.

Autostadt_Zeit_Haus_VW_2012_05 Autostadt_Zeit_Haus_VW_2012_01

O Autostadt foi idealizado em 1994, quando a VW percebeu que seria legal mostrar como a fábrica funcionava e como era o processo de desenvolvimento e produção dos carros. Quatro anos depois, em 1998, as obras começaram em uma propriedade adjacente à fábrica, e em maio de 2000 o pavilhão principal foi aberto ao público. Os prédios, que incluem um pavilhão para cada marca do Grupo Volkswagen, foram projetados em conjunto por mais de 400 arquitetos.

A maior atração do lugar, sem dúvida, é o centro de entrega. Qualquer um que more na Alemanha e queira comprar um VW pode, em vez de retirá-lo em uma concessionária, ir até o Autostadt e ter seu carro entregue em duas torres de vidro com 20 andares de pequenas “garagens” . Elas recebem carros novos direto da fábrica — que, afinal, fica ali ao lado. Um sistema totalmente automatizado fica encarregado de organizar os veículos nessas garagens e retirar cada um deles para entregá-lo a seu primeiro dono.

Agora, esta pode ser a maior atração do Autostadt, mas definitivamente há muito mais para ver. E foi por isso que os caras do The Fast Lane Car foram até Wolfsburg para um passeio exclusivo.

Se você não quer comprar um VW da torre de vidro, pode simplesmente visitar o museu mantido no complexo — e o mais legal é que você não vai só encontrar carros da Volks por lá. O museu é dividido em duas seções, Design e Motores, e assim, há representantes de diversas fabricantes de todo o planeta: há um Citroën 2CV, um DeLorean DMC-12 e até um Trabi. É uma maneira de mostrar como os carros e a indústria automotiva evoluíram.

Autostadt (6)

Autostadt (8)

O milionésimo Fusca fabricado no mundo

Mas é claro que há destaque para os Volkswagen e todos os outros carros fabricados pelas companhias que pertencem ao grupo. Desse modo, é possível ver um trator Porsche ao lado de um Carrera GT; um Fusca dividindo espaço com um protótipo do Bugatti Veyron, ou até um Lamborghini Countach a alguns metros de um par de motos BMW.

11117019815_7ff8ff28a9_z

Também é lá que está o protótipo do W12 Nardò, o supercarro da Volkswagen que jamais foi produzido, mas serviu de inspiração ao VW Tarek, um dos carros mais incríveis a disputar o Rali Dakar.

Sendo assim, não é difícil entender porque o complexo Autostadt, que fica no coração de Wolfsburg, é a segunda maior atração turística da Alemanha — recebendo nada menos que dois milhões de visitantes por ano. Em que outro lugar do mundo você pode ter aulas de pilotagem, comer comidas alemãs típicas, divertir as crianças e ainda sair de lá com um carro novo em folha?

[ Fotos: Volkswagen, European Tourist Guide ]

 

Matérias relacionadas

De volta à garagem secreta da BMW Motorsport

Dalmo Hernandes

Adeus, Miss Belvedere: o que aconteceu com o Plymouth enterrado há mais de 50 anos?

Dalmo Hernandes

Tema da Vitória: os 35 anos da música que celebrava as conquistas brasileiras na Fórmula 1

Dalmo Hernandes