A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

BMW M3 flagrado, Troller T4 ganha retoques no visual e nos preços, Hyundai Azera terá cara nova e mais!

Bom dia, caros leitores! Bem-vindos ao Zero a 300, a nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere conosco.

O Zero a 300 é um oferecimento do Autoline, o site de compra e venda de veículos do Bradesco Financiamentos. Nesta parceria, o FlatOut também apresentará avaliações de diversos carros no canal de YouTube do Autoline – então, clique aqui e se inscreva agora mesmo (e não esqueça de ativar o sininho)!

 

Novo BMW M3 é fotografado sem disfarces

A BMW ainda não diz quando o novo M3 será lançado. Mas, pelo visto, agora sabemos como ele será – ou ao menos parte dele. Uma página no Facebook chamada Evolve Automotive postou ontem (22) uma foto daquilo que parece ser a traseira do M3 G80, aparentemente na linha de montagem.

Embora seja um ângulo limitado, podemos ver os para-lamas alargados, um spoiler do tipo lipna tampa traseira, e um novo para-choque traseiro com difusor na cor da carroceria. Também nota-se as saídas de escape duplas, uma em cada extremidade. Não é possível averiguar a autenticidade da imagem, mas ela parece legítima – ainda que, na opinião da maioria dos comentaristas, o difusor colorido estrague a harmonia do visual.

Por mais que o novo M3 não tenha data certa para chegar (e nem o M4, até porque o Série 4 ainda não foi mostrado), já é dada como certa a adoção do motor seis-em-linha que já é usado na dupla X3M e X4M, com três litros de deslocamento e até 510 cv na versão Competition. (DH)

 

Troller T4 2020 é apresentado com novidades estéticas, parte de R$ 140.900

O Troller T4, jipe brasileiro fabricado em Horizonte/CE, enfim chega à linha 2020. A fabricante, que atualmente pertence à Ford, não realizou mudanças técnicas no modelo, apenas alguns leves retoques estéticos.

Agora o Troller T4 vem com a grade dianteira, o para-choque, o teto, os estribos e a tampa do porta-malas em Cinza Londres, assim como as molduras dos para-lamas. As rodas de 17 polegadas ganharam acbamento em preto “Ebony”. Por dentro, o cinza escuro também foi aplicado no painel de instrumentos, no console central, nos apoios de braço laterais e nas molduras dos alto-falantes.

Obviamente, a mecânica permanece a mesma – o motor continua sendo o turbodiesel de cinco cilindros e 3,2 litros emprestado da Ford Ranger, com 200 cv  47,9 kgfm de torque, acoplado a uma caixa manual de seis marchas. A tração é 4×4, obviamente, com seletor e reduzida.

Como bom off-roader, o Troller T4 vem equipado com protetor de cárter, estribos nas laterais, faróis e lanternas com vedação reforçada, bagageiro no teto e snorkel. Ele ainda oferece, de série, ar-condicionado digital dual zone, central multimídia com tela sensível ao toque de 6,75 polegadas, computador de bordo e trio elétrico.

As cores disponíveis são Vermelho Arizona, Branco Diamante e Amarelo Dakar (sólidas); Prata Geada (metálica); Verde Maragogi e Cinza Moscou (perolizadas). Se pintado em uma cor sólida, o Troller T4 2020 sai por R$ 140.990. Caso o comprador opte por uma tonalidade metálica ou perolizada, o preço sobe para R$ 141.778. (DH)

 

Facelift do Hyundai Azera é flagrado na Coreia

O Hyundai Azera mal chegou à sua sexta geração e já está prestes a ganhar um facelift a partir de 2020. O modelo foi flagrado em um ambiente fechado que parece ser uma clínica com consumidores ou mesmo uma concessionária, e tem dianteira e traseira completamente diferentes do atual modelo, lançado em 2016 na Coreia.

Os carros fotografados têm uma grade que ocupa praticamente toda a dianteira e se integra aos faróis por meio das luzes diurnas (DRL) que são afixadas ainda na grade, próximo aos faróis principais. Na traseira as lanternas têm um ar mais conceitual e formam uma peça única, remetendo aos atuais Audi.

Ainda não há data para o lançamento do facelift do Azera (batizado Grandeur na Coreia, como está escrito na traseira dos carros das fotos), mas considerando o método germânico que a Hyundai adotou nos últimos anos, com ciclos de sete anos divididos em uma fase de quatro anos e outra de três anos, o Azera deve chegar em 2020 como modelo 2021. (LC)

 

Crossover elétrico da Mazda revelado em revista

Como alguns leitores perceberam no Zero a 300 de ontem (21), a mesma revista que revelou a nova geração do Honda Fit também revelou o novo modelo elétrico da Mazda. Nesta terça-feira (22) as fotos do modelo na mesma publicação foram compartilhadas na internet e confirmaram não apenas que ele será o crossover elétrico da Mazda, mas também seu nome: MX-30.

A imagem, contudo, tem alguma surpresa: repare as portas traseiras a la RX-8. A Mazda parece ter levado o conceito de “crossover cupê” além da traseira em queda e truncada. As portas traseiras não sugerem muito espaço para o banco de trás do carro.

Sabe-se que ele terá um motor elétrico de 143 cv, mas ainda não há menção ao uso do Wankel como extensor de autonomia. Mais detalhes serão revelados na quinta-feira (24). (LC)

 

Latin Ncap revela novo protocolo mais rigoroso

O instituto Latin Ncap havia revelado alguns itens novos do novo protocolo que será adotado a partir do dia 10 de dezembro, como a presença de controle de estabilidade e frenagem autônoma de emergência fazer parte da nota. Agora o instituto revelou o protocolo por completo, que valerá até 2023.

Além de fazer parte da nota, o controle de estabilidade será testado através do teste do alce, um teste de mudança rápida de trajetória. Outra mudança será a adoção do modelo europeu de classificação, que junta as notas para adultos e crianças em uma, acabando com a classificação separada.

Junto da nota principal que vai de zero a cinco estrelas, haverão notas separadas em forma de porcentagem parta as categorias de adulto, crianças, proteção para pedestres e assistentes de condução. As notas emitidas pelo instituto nos últimos nove anos, usando protocolos antigos, ainda serão válidas.0 Mas o fabricante só pode usar as notas por até quatro anos após a avaliação e precisa deixar claro no material publicitário sobre qual protocolo foi utilizado. (ER)

 

Kawasaki Ninja 1000 terá mudanças para ficar mais limpa

A Kawasaki já definiu as modificações que tornarão a Ninja 1000, uma de suas motos mais populares, econômica e limpa o suficiente para sua homologação em 2020. Um documento enviado pela fabricante à CARB (California Air Resources Board, orgão do governo californiano responsável por fiscalizar a qualidade do ar) comprova que a motocicleta ficou menos poluente graças a um novo motor.

Batizado 1.04AAJ, o novo motor possui as mesmas dimensões do anterior, o 1.04AAG, e os mesmos números de potência e torque: 142 cv a 10.000 rpm e 11,3 kgfm a 7.300 rpm. Entretanto, segundo o documento da CARB, ele emite 0,1 g/km de hidrocarbono; 0,1 g/km de hidrocarbono + óxido de nitrogênio; e 0,2 g/km de monóxido de carbono. São emissões consideravelmente mais baixas que a da Ninja atual, que produz 0,14 g/km, 0,2 g/km e 1 g/km, respectivamente.

O documento não revela quais as diferenças técnicas do novo motor em relação ao antigo, e a Kawasaki ainda não fala sobre uma data de lançamento para a nova Ninja 1000. (DH)

 

Mini confirma a vinda de Countryman JCW

A BMW traz para o Brasil atualmente a versão John Cooper Works apenas do Mini hatch de 2 portas, o fabricante confirmou que a linha JCW será expandida com o crossover Countryman. O Mini Countryman JCW vem com motor 2.0 turbo de 306 cv e tração integral.

O conjunto mecânico é o mesmo encontrado no BMW X2 M35i. O crossover esportivo faz de zero a 100 km/h em 5,1 segundos e tem velocidade máxima limitada a 250 km/h. Segundo a BMW o Countryman JCW chega ao Brasil em dezembro, o preço não foi revelado. (ER)

Matérias relacionadas

Juha Kankkunen: a bela carreira de um dos maiores recordistas do Mundial de Rali | Lendas do WRC

Dalmo Hernandes

Gol GTS e GTI: da evolução da espécie à morte por um erro estratégico | FlatOut 56

Juliano Barata

Seguro obrigatório (DPVAT) mais barato em 2017, Corolla usará motor BMW, CNH muda a partir de janeiro e mais!

Leonardo Contesini