A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

BMW Z4 revelado, Alonso fará novo teste na Indy, Focus ST flagrado e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas (ou não) do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

BMW Z4 revelado em imagens oficiais

d91f1d7e-2019-bmw-z4-2

Vejam só… enquanto a Toyota continua abusando dos protótipos, teasers e conceitos do Supra, a BMW já está revelando as primeiras imagens oficiais do novo Z4, seu irmão de projeto.

aee4eb0e-2019-bmw-z4-5

As fotos mostram o roadster por vários ângulos na versão M40i, mas não a dianteira do carro. Como já havíamos visto nas fotos vazadas de terça-feira, o modelo final acabou bem próximo do conceito, com as lanternas horizontalizadas como nos demais cupês da marca, um grande respiro na parte posterior dos para-lamas dianteiros e a silhueta tradicional dos roadsters da série Z, com o capô alongado, para-brisa inclinado e traseira curta, com os bancos quase sobre o eixo traseiro. Também ficam evidentes o sistema de freios M Performance — algo esperado em um modelo com a letra M à frente do nome —, o para-choques traseiro com respiros e a saída dupla de escape.

880f91a7-2019-bmw-z4-4

 

A maior novidade trazida pelas fotos é o interior do carro, que ganhou um quadro de instrumentos digital, volante de três raios, um sistema multimídia com uma tela “ultrawide” integrada na porção superior do painel e até uma base de recarga de celulares por indução.

Os motores não foram confirmados, mas o carro das fotos usa um seis-em-linha que, como a BMW já confirmou, “será extremamente potente”. Ainda não se sabe se ele será uma versão mais potente do 3.0 turbo do M340i ou se ele terá uma versão amansada do 3.0 biturbo do M2 e M4, com algo em torno de 385 cv.

ee8ef1e1-2019-bmw-z4-7

Também não há dados de desempenho, mas a BMW já confirmou que ele terá um diferencial com bloqueio e suspensão com amortecedores ajustáveis eletronicamente. A estreia oficial do modelo acontece no próximo dia 23, em Pebble Beach.

 

Fernando Alonso fará novo teste na Indy

20175393760_FernandoAlonsoIndy12_II

Na terça-feira Fernando Alonso surpreendeu o mundo do automobilismo com uma verdadeira campanha pessoal para anunciar sua retirada da Fórmula 1. O espanhol, contudo, não anunciou seus planos futuros, mas considerando suas novas investidas na Indy e no WEC, estava claro que ele tem uma carta na manga. E esta carta, aparentemente, chama-se “teste em circuitos mistos da Indy”.

Ao menos é o que diz o site americano Racer. Segundo a matéria assinada por Marshall Pruett, Alonso fará um teste com um Andretti Dallara DW-12 com motor Honda e o pacote aerodinâmico para circuitos mistos. O site não conseguiu confirmar a data e o local exato do teste, mas sabe-se que será no próximo mês. Ainda de acordo com o Racer, a hipótese mais provável é que seja no Barber Motorsports Park em Atlanta, no dia 2 de setembro.

A notícia vai ao encontro dos rumores de que a McLaren pretende disputar a temporada completa da Indy no ano que vem por meio de uma parceria com alguma equipe já estabelecida. O candidato mais provável é a Andretti Autosport, uma vez que a parceria já aconteceu na Indy 500 do ano passado e também porque Michael Andretti é sócio de Zak Brown em outras equipes na Europa e Austrália.

Como sabemos, Alonso está em busca da tríplice coroa do automobilismo, que consiste na vitória nas três provas mais tradicionais do automobilismo mundial, a 24 Horas de Le Mans, a 500 Milhas de Indianápolis e o GP de Mônaco. O único piloto a vencê-la até hoje foi Graham Hill, e atualmente Alonso e Montoya são os pilotos mais próximos de repetir o feito, com duas conquistas cada um: Alonso com as 24 Horas de Le Mans de 2018 e o GP de Mônaco de 2006 e 2007; e Juan Pablo Montoya, com a Indy 500 de 2000 e 2015 e o GP de Mônaco de 2003.

Considerando essa situação e a agenda espaçada do Mundial de Endurance, não estranhe se Alonso decidir disputar as duas categorias simultaneamente a partir de 2019.

 

BMW Série 3 será mais leve e terá o 2.0 mais potente da história da marca

9858d658-2019-bmw-3-series-12

Além das primeiras imagens do Z4 a BMW também revelou os primeiros detalhes sobre a nova geração da Série 3, que deverá estrear no Salão de Paris em outubro. O sedã será 55 kg mais leve que a geração anterior e terá um centro de gravidade mais baixo em 10 mm.

A marca também afirma que o carro tem um nível de rigidez significativamente melhorado para manter a distribuição de peso ideal (50:50) e também disse que a precisão da direção melhorou graças às bitolas mais largas e novas semi-árvores.

9a72345f-2019-bmw-3-series-29

O modelo também terá um novo sistema de suspensão ativa com amortecedores que operam “continuamente e progressivamente em relação ao curso da mola respectiva”, o que “permite a neutralização suave e precisa das imperfeições do piso”.  Já a suspensão M Sport será 10 mm mais baixa e será “muito mais esportiva, com buchas e estabilizadoras mais rígidas, molas mais firmes e reforços adicionais”. Os modelos M Sport também terão diferencial eletrônico com função de bloqueio influenciada pelo controle de estabilidade.

53f9ab1e-2019-bmw-3-series-27

Agora… sobre os motores não há um único número. Tudo o que se sabe é que ele terá o motor de quatro cilindros mais potente já usado em um BMW de rua, combinado ao câmbio automático de oito marchas.

 

Ford Focus ST flagrado

99b0bdd1-ford-focus-st-spy-shots-20-768x512

Quem também deu as caras nesta quinta-feira (16) foi a nova geração do Focus ST. Como esperado, o modelo tem um visual mais agressivo que faz dele a versão mais interessante do Focus até agora.

Apesar da camuflagem adesiva é possível ver que ele ganhou novos para-choques com tomadas de ar nas extremidades e uma grade redesenhada. Na traseira fica evidente o spoiler no teto, o para-choque também remodelado e um difusor com saídas de escape circulares. Visto de lado ele lembra, de certa forma, o BMW Série 1, especialmente nas janelas da porta traseira.

6d1c22f5-ford-focus-st-spy-shots-21

Ainda não há detalhes sobre o powertrain do ST, mas é provável que ele use o atual 2.0 turbo da Ford, com potência entre 250 cv e 275 cv despejada apenas nas rodas dianteiras.

ba1b5bba-ford-focus-st-spy-shots-14

Outro detalhe que permanece incógnito é a data de lançamento, mas é provável que ele seja apresentado somente em 2019 como modelo 2020, e deverá permanecer como modelo topo-de-linha até 2021 ou 2022, quando o novo Focus RS der as caras com mais de 400 cv.

 

Linha Mini é oferecida com descontos no Brasil

IMG_5153-620x465

A linha 2019 do Mini Cooper mal foi lançada no Brasil, mas já está sendo vendida com descontos expressivos de até R$ 20.000, como no caso do Mini Cooper Exclusive 3 portas.

O modelo equipado com o motor 1.5 turbo de três cilindros e 136 cv, que antes era oferecido por R$ 120.000, agora está a venda por R$ 100.000. O modelo Top, também na versão três-portas com motor 1.5, está a venda com desconto de R$ 15.000, passando de R$ 130.000 para R$ 115.000. Sua versão de cinco portas também tem o mesmo desconto de R$ 15.000, passando de R$ 136.000 a R$ 121.000.

O mesmo desconto foi aplicado ao Mini Countryman, este ainda na linha 2018: de R$ 150.000 o modelo passa aos R$ 135.000. Os preços promocionais valem até o dia 30 de setembro ou enquanto durarem os estoques.

Matérias relacionadas

Seguro obrigatório (DPVAT) mais barato em 2017, Corolla usará motor BMW, CNH muda a partir de janeiro e mais!

Leonardo Contesini

Sport Technologies: uma breve história dos modelos ST da Ford

Dalmo Hernandes

Uber poderá valer mais que Ford e GM, Fiat Chrysler irá vender Ferrari, Red Bull Racing usará motores TAG Heuer em 2016 e mais!

Leonardo Contesini