A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Vídeo WTF?

Caixa de cerveja motorizada é a nova tendência de transporte urbano (ou quase isso)

Imagine que você está dirigindo tranquilamente em uma manhã de domingo, depois de um sábado de farra, e de repente topa com esta cena: uma caixa de cerveja rodando pela rua, pilotada por um cara sentado em cima dela. Ressaca brava, hein? Bom, acontece que o negócio é de verdade.

A história contada pelo uploader do vídeo na descrição do YouTube é exatamente a que contamos acima. Ele, que mora em Belo Horizonte/MG, diz que estava a cerca de 40 km/h e que esta caixa de cerveja estava andando bem na sua frente. Ele também deixa claro que não era uma descida, e que “aquela moto não está puxando ele”. É bizarro, mas muito divertido:

O dono do vídeo acha que o inventor do veículo alternativo de transporte individual urbano adaptou um motor e rolamentos (o famoso rolimã). De fato, esta nos parece a hipótese mais plausível.

O melhor da história é que este brasileiro não foi o primeiro a criar uma caixa de cerveja motorizada. A gente deu uma zapeada rápida pelo YouTube e encontrou vários outros projetos — alguns bem parecidos, como o deste dinamarquês. O início do vídeo até mostra os componentes utilizados: uma caixa de cerveja, uma estrutura tubular, um motor de moto (com o acelerador original), rodas de plástico com pneus de borracha e um volante improvisado. É bem provável que a versão brasileira tenha um projeto semelhante:

Se você quiser algo mais sofisticado e minimamente mais seguro, você pode usar a caixa apenas como “cofre” para o motor, empregando uma estrutura maior e mais elaborada para fazer um triciclo com guidão, transmissão por corrente e tração na roda traseira:

Não vamos recomendar algo assim como brinquedo para o seu filho, mas você sabe que ele iria gostar. Só não esqueça decisão é sua. Não te influenciamos em nada.

Por fim, o último passo da evolução é este kart, com quatro rodas e mecânica cedida por uma Yamaha V80, scooter lançada no fim da década de 70 e que usava um motor monocilíndrico de 80 cm³:

Ele tem acelerador manual, ativado por uma borboleta do lado direito. À esquerda fica o acionador do freio e, logo ao lado, a alavanca do câmbio. Na frente, um filtro de ar cônico e, na traseira, fica o tanque de combustível. O vídeo abaixo traz o veículo em movimento. Parece divertido demais!

Mas a gente tem uma queda por coisas bizarras, e para nós, os mais legais são os que mantêm toda a mecânica e as rodas dentro da caixa. É o veículo perfeito para deixar as pessoas com cara de ponto de interrogação, se perguntando se realmente viram aquilo. Só que talvez não seja uma boa ideia rodar com um destes em vias públicas… embora seja o veículo perfeito para chegar no churrascão com a galera!

Você tem ou já fez um veículo parecido? Mostre para a gente!

Dica do parceiro Bruno Guerreiro!

Matérias relacionadas

Spa, 25 anos depois: filho de Schumacher comemora primeira vitória do pai pilotando Benetton do 1º título

Dalmo Hernandes

Ops… esse cara ficou sem volante no meio da corrida – e continuou a prova!

Os envelopamentos e revestimentos automotivos mais curiosos e inusitados que você já viu

Dalmo Hernandes