A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Sessão da manhã

Chevrolet Corvette Z06 vs. Nissan GT-R Nismo: qual dos dois supercarros de motor dianteiro é o melhor?

Às vezes os fabricantes de automóveis usam meios diferentes para chegar a resultados parecidos. Por exemplo: o novo Chevrolet Corvette Z06 tem um V8 supercharged de 6,2 litros e 658 cv nas rodas de trás para entregar desempenho comparável ao de supercarros europeus custando três ou quatro vezes menos; já o Nissan GT-R Nismo tem um compacto V6 biturbo de 3,8 litros e 603 cv e também anda junto (ou até na frente) de superesportivos do velho mundo, embora já não seja mais uma barganha se comparado aos rivais grã-finos.

O Corvette tem tração traseira, o GT-R, integral. O Chevrolet, desde sempre, é feito de plástico e fibra de vidro, enquanto o GT-R usa aço de alta resistência e alumínio — ambos com componentes de fibra de carbono. E o GT-R custa quase o dobro. Dito tudo isso, em desempenho ambos se equivalem, e os caras da Motor Trend decidiram ver qual receita é a melhor em seu mais recente comparativo, e o resultado é desconcertante.

Assista ao vídeo primeiro, discuta depois:

Vette Zo6 e GT-R representam, ao menos até agora, o auge de seu desenvolvimento. O Corvette começa com um V8 de 6,2 litros com compressor mecânico que é capaz de levá-lo aos 100 km/h em 3,3 segundos e cobre o quarto-de-milha (402 metros) em  11,4 segundos a 200 km/h. O GT-R, por sua vez, usa seu câmbio de dupla embreagem e sete marchas mara moderar a potência e chegar aos 100 km/h em 2,9 segundos, cumprindo o quarto-de-milha em 11 segundos cravados a 203 km/h.

Testes em linha reta, porém, podem trazer resultados variáveis — o Corvette, por exemplo, estava equipado com o kit aerodinâmico Stage III, que tem extensões no splitter frontal e uma asa traseira consideravelmente mais alta. No ano passado a Motor Trend testou um Z06 sem o kit e chegou aos 100 km/h 0,1 segundo mais rápido — 3,2 segundos, como divulgado pela Chevrolet.

vette-nismo (5)

 

De qualquer forma, o que queremos dizer é que há muito mais para comparar entre estes dois carros do que seu poder de aceleração. Nas curvas, por exemplo, os pneus Michelan Pilot Sport 2 Cup são absurdamente grudentos e a suspensão magnética, que lê as condições da pista 100 vezes por segundo e se ajusta de acordo, fazem do ‘Vette um carro grudado no chão, mas a tração traseira e a distribuição de peso o fazem muito agressivo ao mesmo tempo. Randy Pobst, durante o teste no circuito de Willow Springs, na Califórnia, menciona o fato de ter que brigar constantemente com o carro para mantê-lo no traçado e conseguir um bom tempo.

vette-nismo (2)

Com o Nissan GT-R, as coisas são mais… fáceis, ainda que esta seja uma palavra perigosa de se usar quando se trata de pilotagem. Mas é fato que o carro tem uma estabilidade ímpar graças ao acerto da suspensão e à tração integral, que varia constantemente a divisão de torque entre os eixos para que a tração esteja sempre onde é necessária. O carro é mesmo um milagre da engenharia japonesa. Sendo assim, no final das contas o Vette virou 1:27,1, contra 1:25,7 do GT-R.

Além da maior estabilidade do GT-R, o Corvette acabou mais lento nas retas, e o Nismo conseguia carregar mais velocidade nas curvas, algo que a MT atribuiu novamente ao kit aerodinâmico, que produzia dowforce demais — bom para curvas em alta, porém ruim nas retas, pois gera mais arrasto.

vette-nismo (1)

Só que isto não importa muito quando se está ao volante dos dois carros, que foram elogiados pelo seu fator diversão. Além disso, o apresentador Carlos Lago foi categórico ao dizer que no Z06 você se senta em uma posição mais baixa e esportiva, que o ronco do Corvette e o zunido do supercharger fazem uma experiência muito mais empolgante, além de o fato de ele ser uma fera esperando para ser domada o torna especialmente atraente, mesmo que ele seja mais potente e mais lento.

Se você fosse escolher, ficaria com o Corvette Z06 ou com o Nissan GT-R Nismo?

Matérias relacionadas

Leveza a 435 km/h: como nasceu o Hennessey Venom GT, o (outro) carro mais rápido do mundo

Dalmo Hernandes

Super Street FF Battle: estes Honda provam que carros de tração dianteira também mandam bem nas pistas

Dalmo Hernandes

“Villain” é um Mustang 1968 pro-touring com um V8 moderno de 480 cv – e ficou animal!

Dalmo Hernandes