FlatOut!
Image default
Pensatas Zero a 300

Como o câmbio CVT evoluiu e se popularizou nos últimos anos

Há quase quinze anos tive meu primeiro contato com um câmbio CVT, quando dirigi um Honda Fit pela primeira vez. Como todo motorista acostumado aos automáticos da época, estranhei duas coisas: a facilidade em ganhar velocidade e o fato de isso acontecer em uma rotação fixa do motor. Não gostei e mantive minha opinião quando viajei com um Sentra dois anos depois, mesmo impressionado com o consumo rodoviário do carro além dos 16 km/l com o carro cheio. Eu não me importaria em trocar 2 km/l pela se

Matérias relacionadas

Forza Horizon terá pistas de Hot Wheels, Aston Martin coloca seus clássicos para acelerar lado a lado, Nissan irá produzir peças novas para seus Skyline R32, R33 e R34 e mais!

Leonardo Contesini

Velocidade será reduzida nas Marginais de SP no próximo dia 20 , robô mata funcionário da Volkswagen, BMW Série 1 terá injeção de água e mais!

Leonardo Contesini

Showroom Stock: quando carros originais de fábrica iam para a pista em uma corrida de verdade

Dalmo Hernandes