FlatOut!
Image default
Project Cars Project Cars #103

Da sala de aula para a lama: a história da equipe Baja Velociraptor UDESC

Olá, galera do Flatout! Meu nome é Matheus Rizzieri, sou estudante de Engenharia Mecânica e represento a Equipe UDESC Velociraptor Baja SAE. Neste primeiro post estarei apresentando um pouco sobre o projeto Baja e o carro que estamos construindo para a competição regional, que ocorre entre 14 e 16 de novembro deste ano.

 

O QUE É O PROJETO BAJA

O Projeto Baja é um projeto universitário, disputado em etapas regionais, nacionais e internacionais entre alunos de engenharia. A competição, organizada pela SAE (Sociedade de Engenheiros Automotivos) consiste em criar um protótipo off-road com estrutura tubular de aço e com viabilidade de mercado. O objetivo é colocar em prática os conteúdos aprendidos em sala, ou seja, embora muitas pessoas pensem que nós apenas “brincamos de fazer carrinho” este é um projeto sério e que envolve muita engenharia.

A competição é dividida em duas etapas. A primeira inclui as provas estáticas de segurança, motor e apresentação de projeto. Abaixo, vemos uma apresentação de projeto do Nacional. Nesta prova um a equipe apresenta todo o projeto do veículo, abordando suspensão/direção, powertrain, elétrica, estrutura e design, freio e validação (simulações cálculos, testes).

ANEXO1

E aqui prova de segurança:

unnamed

Além de estar sujeito a perder pontos, nenhuma equipe pode prosseguir para as provas dinâmicas sem atender todos os requisitos de segurança.

A segunda etapa inclui as provas dinâmicas, que são as provas de aceleração, velocidade, tração, manobrabilidade, suspensão e por fim um enduro de resistência com quatro horas de duração. Abaixo, o Baja puxa um utilitário na prova de tração.

SONY DSC

Abaixo temos um vídeo do Suspension and Traction do Baja Sul 2013 (melhor volta), esta prova é feita para quebrar os carros para validar a transponibilidade de obstáculos e a resistência dos carros

E aqui como o carro ficou no fim da corrida:

ANEXO5

Patrocínio, OMO, porque se sujar faz bem.

Por padrão da competição, todas as equipes devem seguir um conjunto de regras bastante complexo, mas o principal é que todos devem ser impulsionados por motor estacionário (Briggs Sttraton) de 305cc e 10hp (não são permitidas modificações), isso torna os aparelhos de cozinha da sua mãe mais potentes que um Baja a competição mais nivelada incentivando as equipes a pensar e desenvolver outros sistemas do carro, como transmissão freios e suspensão, todos eles livres desde que atendam requisitos mínimos de segurança. Parece que essa potência é pouca coisa certo? Bem, em uma competição onde não a restrição de peso acaba não sendo tão pouco assim…

ANEXO7

Nosso protótipo 2012 pesava aproximadamente 180 kg mas algumas equipes têm carros com menos de 150 kg. 

 

A EQUIPE

A equipe UDESC Velociraptor Baja SAE foi formada em 1998 e atualmente conta com pouco mais de 20 alunos de Engenharia Mecânica e Elétrica, que são distribuídos em sete diferentes áreas de projeto: transmissão, suspensão, freio, direção, eletrônica, ergonomia/design e administração.

Cada área de projeto é responsável por estudar e desenvolver seu sistema, mantendo ao máximo a interação entre os outros sistemas e integrantes da equipe. Já passamos por altos e baixos, mas sempre nos esforçamos por melhores resultados, depois de um hiato entre 2008 e 2009 no qual nossa equipe sofreu uma pausa, viemos competindo fortemente, na ultima competição nacional obtivemos um expressivo 6° lugar geral, e na competição regional o 1° lugar geral.

 

O PROTÓTIPO 2014

Como cada veículo não pode competir por mais de dois anos, o projeto do carro de 2014 foi feito inteiramente novo. Assim, entre janeiro e junho deste ano trabalhamos exclusivamente no projeto do protótipo, dando foco a todos os sistemas: suspensão, freio, direção, transmissão e eletrônica, todos completamente novos em relação ao protótipo de 2012. Portanto o Project cars #103 não mostrará a modificação de um veículo, mas sim o seu nascimento.

ANEXO8

A cada novo projeto, buscamos cada vez mais aprimorar e refinar nosso veículo, sendo este o principio da competição. Assim nos próximos post iremos apresentar em mais detalhes o projeto e construção do carro, as ideias, problemas, soluções os acertos, os erros, os deslizes e as noites viradas projetando e construindo o carro que irá competir no Regional Sul 2014, junto com os Project cars #97 e #102. Até lá!

ANEXO9

Por Matheus Rizzieri, Project Cars #103

0pcdisclaimer2

Matérias relacionadas

BMW 325i Coupé de Track Day: os últimos acertos antes da triste despedida do PC #414

Leonardo Contesini

Um raríssimo Alfa Romeo 155 V6 2.5 é o Project Cars #01! Acompanhe sua restauração

Juliano Barata

Mitsubishi Pajero TR4 off-road: a primeira trilha e os primeiros upgrades no Project Cars #351

Leonardo Contesini