A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Esportivos ilegais são apreendidos em São Paulo, Renault Kaptur já está em testes no Brasil, a volta da Ferrari Dino e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Esportivos importados ilegalmente são apreendidos em São Paulo

carros-apreendidos

A polícia civil apreendeu seis esportivos importados ilegalmente nesta última quinta-feira (31), além de um Mercury clássico, encontrados em um depósito em Araçariguama/SP. O valor total dos seis carros pode chegar a R$ 2 milhões.

Os carros eram comprados nos EUA e levados ao Uruguai de navio. De lá, eles seguiam para o Paraguai e entravam no Brasil rodando, com pessoas contratadas para se passar por turistas paraguaios. No Brasil eles recebiam documentos falsos e eram vendidos.

 

O esquema foi descoberto pela polícia durante uma investigação sobre falsificações de documentos. No galpão a polícia encontrou dezenas de carros comuns, antigos e veículos militares, além dos modelos apreendidos: dois Dodge Viper de primeira geração, um Viper de segunda geração, um Corvette C4 e um Mercury ParkLane conversível do fim dos anos 1960. Além da apreensão dos carros, o dono do galpão e o empresário que trazia os carros do Paraguai foram presos.

 

Renault Kaptur já roda em testes no Brasil

Renault-Kaptur-orange-front-three-quarters

A Renault apresentou nesta semana na Rússia o novo Kaptur, um crossover médio desenvolvido para os modelos emergentes. Se você está achando o nome familiar ou um pouco estranho, é porque ele é baseado no Renault Captur já vendido na Europa, embora seja ligeiramente diferente.

Captura de Tela 2016-04-01 às 12.24.53

O modelo será posicionado acima do Duster, e tem 4,33 m de comprimento, 1,81 m de largura, 1,61 m de altura e 2,67 m de entre-eixos. As dimensões são ligeiramente maiores que a do Captur, por isso ele terá pouco mais espaço interno e porta-malas maior, com volume de 387 litros.

image2

Diferentemente so que se especulava há alguns meses, será este o modelo produzido e vendido no Brasil, e não o Captur europeu. E como mostram estas fotos enviadas por um leitor do FlatOut, o modelo já está circulando em testes no país. O lançamento está previsto para o Salão do Automóvel deste ano, com as vendas iniciando em 2017.

 

Tesla revela Model 3 e diz que venderá o modelo no Brasil

Tesla-Model-3-4

Depois de um estranho hype que levou algumas pessoas literalmente a acampar em frente a algumas lojas da Tesla, a marca de elétricos americana finalmente revelou o Model 3, e ainda disse que ele será vendido no Brasil.

O Tesla Model 3 mostrou um visual diferente dos irmãos Model S e Model X, abandonando a grade dianteira (afinal, ele não precisa de uma por ser elétrico) e faróis de formato diferente dos outros dois modelos. O estilo da dianteira lembra vagamente o do Porsche Mission-E, com o bico pronunciado e limpo — que também lembra um Aston DB11 sem grade. Mas essa impressão dura até você chegar às laterais, onde o perfil remete ao do Model S com sua traseira truncada.

Captura de Tela 2016-04-01 às 12.24.09

Por dentro o visual é ainda mais limpo, sem o tablet gigante embutido, porém com uma tela que mais parece um monitor de computador pendurado no painel. Além das linhas, o visual “limpo” é reforçado pela ausência quase total de comandos físicos — aparentemente o Model 3 usa superfícies capacitivas e gestos para ativar funções de áudio, multimídia, computador de bordo e modos de condução.

O modelo custará US$ 35.000 mais os impostos locais e poderá rodar até 345 km com uma única carga em sua versão mais básica, com baterias menores. Quanto ao desempenho, Elon Musk, o CEO da Tesla, disse que “não faz carros lentos” logo após anunciar a aceleração de zero a 100 km/h em seis segundos na versão mais lenta — ou menos rápida, no caso.

Captura de Tela 2016-04-01 às 12.37.48

O porte do modelo é o mesmo dos sedãs médios premium como o Audi A4, BMW Série 3 e Mercedes Classe C, os principais rivais da Tesla em sua faixa de preços nos EUA. Segundo Musk, o Model 3 começará a ser entregue aos primeiros compradores inicialmente na Califórnia, a partir de janeiro de 2017, e depois será oferecido no resto do mundo. Em um tweet do CEO publicado ontem, o Brasil está incluído nos planos da marca para o Model 3.

 

A volta da Ferrari Dino

ferraridinomule1

Há alguns meses dissemos por aqui que a Ferrari estava planejando o relançamento da Dino — não exatamente com este nome, mas sim com o mesmo caráter de versão de entrada. Agora, o CEO da Ferrari Far East Hub, Dieter Knechtel, disse ao site The Motor Report que a fabricante irá lançar um quinto modelo que será a versão de entrada ao lado do California T.

Ainda não se sabe se o carro será realmente uma nova Dino, mas considerando as mulas de testes flagradas nos últimos meses, o modelo terá motor central-traseiro e será baseado em uma nova arquitetura modular. Além disso, o motor poderá ser um V6 biturbo, especialmente se considerarmos que a Ferrari já desenvolveu um V6 desses para a Maserati e para a Alfa Romeo.

 

Volvo revela S60 e V60 Polestar com novos motores

Polestar exterior static dark shots

Depois de trocar o seis-em-linha das versões T6 do S60/V60 por um 2.0 turbo, a Volvo agora anuncia os novos Polestar com a motorização downsized.

Os modelos agora são movidos pelo motor 2.0 twin-charged — ou seja, com turbo e compressor de polia. Apesar da redução da cilindrada, a potência subiu de 350 para 367 cv e o torque foi de 44,3 para 47,8 mkgf. Com o novo motor, o tempo de aceleração caiu 0,2 segundos, e agora o modelo precisa de apenas 4,7 segundos para chegar aos 100 km/h. A velocidade máxima, contudo, continua limitada em 250 km/h pela ECU da Polestar.

Polestar detail shots

A transmissão também foi revisada pela Polestar, tanto o câmbio de oito marchas quanto o sistema de tração integral. Além disso, o carro também ficou 20 kg mais leve e agora o sedã pesa 1.751 kg enquanto a perua é 45 kg mais pesada, chegando a 1.796.

Matérias relacionadas

Dodge Demon traz de volta o clássico Air Grabber dos anos 1970, GM e VW paralisam produção por quase 30 dias, Onix terá versão “esportivada” e mais!

Leonardo Contesini

Lamborghini Huracán ganha tração traseira, Porsche culpa Paul Walker e Rodas por acidente fatal, o novo Honda Civic Coupé e mais!

Leonardo Contesini

Lamborghini lança novo Aventador S, Amazon “censura” episódio de The Grand Tour, Indy estuda proteção de cockpit e mais!

Leonardo Contesini