A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture Carros Antigos Projetos Gringos

Esta incrível coleção de Alfa Romeo foi esquecida em um castelo na Bélgica – e agora será leiloada

Há alguns anos a Internet trouxe ao mundo uma descoberta preciosa: uma coleção de clássicos da Alfa Romeo, todos fabricados nas décadas de 60, abandonados às implacáveis marcas do tempo, no porão de um castelo na Bélgica. Na verdade, foi um fotógrafo quem revelou os carros que ficaram conhecidos como “Os Alfas Perdidos”.

Depois de circularem, por meio das fotos, por sites automotivos de tempos em tempos, os carros agora serão vendidos. E isto, por si só, já é incrível. Dizemos isto porque, desde que apareceram pela primeira vez em novembro de 2012, os Alfa Romeo da Bélgica fizeram por merecer o apelido que têm.

Tudo começou quando o fotógrafo Tim Knifton, de Newport, no Reino Unido, fez uma visita a um castelo abandonado “em algum lugar da Bélgica” e, em novembro de 2012, publicou as fotos em seu blog.

feeling-blue

Knifton se define como um “explorador urbano”, algo que ele mesmo define como alguém dedicado à “captura de imagens de lugares abandonados e escondidos, documentando a decadência que a maioria das pessoas não teria a chance de ver”. Pois o mundo todo viu a coleção de Alfa Romeo abandonados no castelo belga, sujos e enferrujados, não deixando dúvida de que estavam ali, parados, havia décadas.

longterm-parking1

Ao total, seis carros foram encontrados pelo fotógrafo. Knifton não sabia dizer quais eram os modelos, mas logo a internet encarregou-se de identificá-los: um Giulia SS Sprint Speciale 1600, um Giulietta SS Super Sprint 1300, dois Giulia 1600 Spider e um 1300 Sprint, todos fabricados entre 1961 e 1964.

b

dash

Knifton conta que entrou no castelo com alguns amigos, e que o proprietário não sabia disso. Ele ainda não sabia, mas tratava-se do Castelo de Heers (ou Kasteel van Heers, em belga). Construído no século 13, o castelo foi a moradia da família Rivière d’Arschot, famosa localmente, até o século 18. Seu mais famoso morador foi Raes van Heers, que em 1467 foi derrotado e exilado por Carlos, o Terrível, o Duque da Borgonha, depois da Batalha de Brustem, uma das mais importantes da história da Bélgica.

belgica kasteel-van-heers

Quando morreu Barbara Rivière d’Arschot, a última descendente da família, em 1744, o castelo foi desocupado e abandonado no tempo. De acordo com o site Anonymous Decay, especializado em propriedades históricas abandonadas, em 1757 o castelo foi comprado por um homem chamado Jan Herman van Stokkem e restaurado. Avançando alguns séculos, os donos últimos donos do castelo foram os viscondes Michel e Ricardo Desmaisières, que o abandonaram em 2005 por falta de recursos financeiros para manter o local — e provavelmente os carros. Por isso, em 2008 a propriedade foi confiscada pelo governo Belga, que começou a restaurá-lo outra vez, mas nunca terminou.

anfas-shoot-2 (1) anfas-shoot-2 (2) anfas-shoot-2 (3)

É aí que a história começa a ficar um tanto confusa. Em novembro de 2012, um dos membros do fórum AlfaBB, dedicado exclusivamente aos Alfa Romeo, disse que os carros já não estavam mais no castelo, enquanto outro ia mais longe e dizia que alguns deles já haviam sido até mesmo enviados para a Holanda e restaurados (o tópico pode ser conferido aqui) – e apontavam como evidência um link do site holandês Autojunk.nl.

o-x-901 opentop

O link – que, curiosamente, datava de alguns meses antes da postagem no blog de Knifton – dizia que a propriedade havia sido confiscada pelo governo Belga e que o acesso até lá era “estritamente proibido”. Contudo, o próprio Knifton contou ao site Classic Driver, especializado em carros clássicos à venda, que o castelo foi “fechado permanentemente” desde a visita, e que provavelmente os carros foram trancafiados para sempre.

past-its-best pull-up-to-my-bumperscuderiaspare-parts

Desde então, até mesmo um vídeo, que provavelmente foi feito por um dos amigos de Knifton, também foi publicado na internet. A garagem escura, a luz da lanerna e a câmera trêmula dão um ar meio sinistro ao registro, mas também é possível ter uma noção do estado em que os carros se encontravam, acompanhados de caixas com peças sobressalentes como portas, pára-choques, lanternas, itens de acabamento e até motores inteiros.

O fato é que hoje, em 2015, os carros serão leiloados. A informação é do site Autoblog.nl, que diz que um companhia de leilões chamada Lussis está tomando conta da venda, que acontecerá no dia 20 de junho. O site da Lussis traz mais uma boa leva de fotos que, apesar de não serem tão bonitas quanto as de Tim Knifton, revelam mais detalhes dos carros e mostram que ao menos dois deles não estão em um estado tão ruim quanto pareciam.

Infelizmente o site não dá mais informações sobre os carros. Em compensação, as fotos mostram que além dos Alfa Romeo e das peças (que são muitas, muitas mesmo), havia no local outros três carros – um protótipo de competição que, de acordo com informações do mesmo fórum, foi usado por um dos membros da família em corridas nos anos 60 e um Honda Accord Coupe de segunda geração – e até algumas lanchas amarelas com o cavallino rampante da Ferrari.

20150605_9001397945571901127088

Aparentemente o dinheiro do leilão será usado na restauração do castelo, que de acordo com um orçamento realizado pelo governo belga há alguns anos custaria cerca de € 28 milhões. O que esperamos, de verdade, é que o novo dono decida restaurar também o carros. Com tantas peças sobressalentes, talvez fique um pouco mais fácil…

20150605_121470746255718b84441a6 20150605_29237869155718b9cbac2e 20150605_96730760955718bab40f3d 20150605_175368038455718ba4b3adb 20150605_2775018655718bc0cba3220150605_164825467155718bce0e39b 20150605_23918488255718bd39fa28 20150605_167345136455718bd9b4cfe 20150605_85600618055718bef9a66a 20150605_131299602655718bfba6af9 20150605_32110463955718c02abcab20150605_79491367955718c23c5f6d 20150605_16885296555718c426dbb0 20150605_58106114855718c6031872 20150605_210623129255718c8887d2c 20150605_157327867555718cdaed5b7 20150605_176276241455718d0f3166c 20150605_205173583455718d5d0e80120150605_190687675455718d3cdc13c 20150605_208976424255718e68752f8 20150605_152656457055718e47c203d 20150605_163832945355718fa7b01b0 20150605_93953291155718fe55f81d 20150605_102222361355719020beb2e

Matérias relacionadas

As versões do Fiat Uno mais interessantes (e curiosas) que não tivemos por aqui

Dalmo Hernandes

Um Toyota Prius com motor V8! Mas espera só um minuto…

Dalmo Hernandes

Vovô gearhead: conheça Arthur, que tem 75 anos de idade e um Golf de 600 cv

Dalmo Hernandes