A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Achados meio perdidos GT40 Classificados Zero a 300

Este BMW M5 E34 feito à mão, raro e muito bem cuidado, está à venda

Para muitos entusiastas, Mercedes-Benz e Audi não tem vez: quando se trata de sedã esportivo, o negócio é BMW. Em uma das rivalidades mais bacanas da indústria, as três vivem se cutucando. Mas, de fato, a Bayerische Motoren Werke é responsável por um dos sedãs esportivos mais lendários de todos os tempos: o BMW M5 que teve sua primeira geração, a E28, lançada em 1984 e acabou de ganhar sua sexta geração, a F90.

Dito isto, nosso Achado meio Perdido de hoje é um BMW M5 E34, anunciado no GT40. Trata-se da segunda geração do BMW M5, que é considerada a melhor por boa parte dos fãs do sedã.

bmw-m5-gt40 (6)

As duas primeiras gerações do BMW M5 são especiais por uma razão simples: elas foram as únicas a serem fabricadas de forma artesanal, em uma unidade especial da BMW em Garching, na Baviera. Tal qual o M5 E28, o E34 era baseado no sedã fabricado em Dingolfing, porém o monobloco era enviado para Garching para que uma pequena equipe de engenheiros pudesse montar o carro.

O processo de fabricação de cada exemplar levava algo entre 15 e 20 dias. Depois disto, o BMW M5 passou a dividir a linha de montagem com os outros carros da marca – começando pelo M5 E39, primeiro a contar com motor V8.

bmw-m5-gt40 (14)

Já o BMW M5 E34 utilizava uma versão melhorada do motor do M5 E28, que por sua vez era derivado do seis-em-linha do BMW M1, o M88. Ou seja, era praticamente um motor de supercarro, com virabrequim de aço forjado, uma válvula borboleta no coletor de admissão, controlada eletronicamente, que dava mais força ao motor em baixas e médias rotações e novo volante do motor. A potência era 310 cv e o torque, de 36,7 mkgf, e esta força era moderada por uma caixa manual de cinco marchas. O carro alcançava os 100 km/h em 6,3 segundos, com máxima limitada eletronicamente a 250 km/h.

bmw-m5-gt40 (3)

O carro anunciado no GT40 pertence a Rogério Moreno, que comprou o M5 há cerca de três anos e faz questão de dizer que não se trata de uma garage queen: o carro é usado com certa frequência em viagens e já foi para a pista algumas vezes. Por isto mesmo, é sempre mantido em ordem pelo proprietário. A última revisão foi feita em março deste ano e incluiu um acerto no sistema de injeção (que é programável, instalada pelo dono anterior) e a troca dos injetores, além de alguns retoques na pintura.

bmw-m5-gt40 (8)bmw-m5-gt40 (13)

Os mais atentos vão notar que a suspensão (independente nas quatro rodas, McPherson na dianteira e braços arrastados na traseira) é um pouco mais baixa que o de costume. Isto porque o M5 recebeu molas esportivas Eibach e amortecedores Boge na dianteira e Bilstein na traseira. O carro também tem discos de freio ventilados e filtro esportivo K&N. As modificações são discretas e não muito invasivas. Além disso, os para-choques dianteiro e traseiro são do kit aerodinâmico M-Tech, com entradas de ar maiores na dianteira e desenho mais imponente.

bmw-m5-gt40 (1)bmw-m5-gt40 (7)bmw-m5-gt40 (5)

Considerando que este é um dos poucos exemplares do BMW M5 E34 no Brasil, esta pode ser uma opção interessante para quem quer um sedã esportivo alemão de visual clássico, desempenho para lá de satisfatório e bom estado de conservação.

Se você gostou da ideia e quer saber mais, é só acessar o GT40.com.br para conferir o anúncio e pegar todos os detalhes e contatos do dono.

inbanner-fim-post


“Achados Meio Perdidos” é o quadro do FlatOut! no qual selecionamos e comentamos anúncios do GT40.com.br de carros interessantes ao público gearhead, como veículos antigos, preparados, exclusivos e excêntricos. Não se trata de publieditorial. Não nos responsabilizamos pelas informações publicadas nos anúncios nem pelas negociações decorrentes – todos os detalhes devem ser apurados atenciosamente com o anunciante!

Matérias relacionadas

Ferrari 225S de R$ 10 milhões e outros clássicos atemporais: FlatOut em Águas de Lindóia 2017, parte 1

Juliano Barata

Interlagos terá radares de velocidade média, Force India tem problemas com o suporte central do Halo, BMW terá Gran Cupê duas portas e mais!

Leonardo Contesini

A história do mítico Honda NSX-R GT feito pela Spoon Sports

Dalmo Hernandes