A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Achados meio perdidos

Este Mazda RX-7 pode ser sua oportunidade de ter um esportivo com motor Wankel no Brasil

É difícil resistir à tentação de citar Gran Turismo agora que deparamos com este Mazda RX-7 de terceira geração (FD) à venda no Brasil. Afinal, é um dos carros que você mais curtia em Gran Turismo, e agora está perto de nós de uma forma que você talvez nunca tenha imaginado: à venda no Brasil.

Também temos certeza de que o RX-7 é um dos carros mais legais das suas memórias de infância/adolescência (especialmente se você cresceu na década de 90), seja por seu visual ou seu desempenho. Talvez até mesmo sem saber, você estivesse diante de um dos esportivos japoneses mais peculiares já feitos.

rx7-achados (7)

A razão está debaixo do capô: como todos os RX, a última geração do Mazda RX-7 é movida por um motor rotativo Wankel, que em vez de cilindros e pistões reciprocantes, têm rotores que giram em uma câmara elíptica. São mais suaves, giram mais e sua eficiência volumétrica é muito alta — para se ter uma ideia, o motor de dois rotores desloca apenas 1,3 litro e, com a ajuda de dois turbocompressores sequênciais, entrega de 255 a 280 cv — dependendo do ano de fabricação.

O visual arredondado e moderno e o alto padrão de desempenho contribuíram para que o RX-7 FD fosse produzido entre 1992 e 2002 — a tempo de se tornar um ícone dos anos 90 e ainda pegar uma última carona na onda dos esportivos japoneses tunados criada pela saga Velozes e Furiosos.

Sendo assim, é seguro dizer que boa parte dos entusiastas lendo o site neste momento ficariam bem felizes com um RX-7 da última geração na garagem. E ainda que ele não tenha 30 anos nem possa ser comprado novo, certamente existem alguns exemplares no Brasil, importados de forma independente. Este aqui, anunciado no Webmotors, é um deles.

rx7-achados (4)

Trata-se de um RX-7 1993 amarelo que, aparentemente, sofreu algumas modificações: os faróis são fixos, e não mais escamoteáveis, e a descrição diz que o motor foi “tunado pela Herrera Motorsports”, uma preparadora paulistana que traz, entre seus projetos, um RX-7 vermelho de 350 cv. Mesmo que não seja o mesmo carro, dá para ter uma ideia do potencial do exemplar à venda. Nada mau!

rx7-achados (8)

rx7-achados (9)

Segundo o anúncio, o carro tem 90.000 km rodados — baixa para um carro de pouco mais de 21 anos de idade, um pouco mais realista para um esportivo japonês “exótico” em terras brasileiras — que podem muito bem ter sido percorridos em asfalto fechado, e em alta velocidade. O interior traz alguns relógios extras para o motor preparado e acabamento muito bem conservado.

rx7-achados (3)

Em bom estado e com algumas modificações, o carro tem preço condizente com sua raridade por aqui: R$ 75 mil. Não é exatamente baixo mas, se formos parar para pensar, está mais em conta do que muitos nacionais ditos colecionáveis. O que você acha?

[ Webmotors. Sugestão de post pelos leitores Felipe e AstolphoGM6 ]


“Achados Meio Perdidos” é o quadro do FlatOut! na qual selecionamos e comentamos anúncios de carros interessantes ao público gearhead, como veículos antigos, preparados, exclusivos e excêntricos. Não se trata de uma reportagem aprofundada e não nos responsabilizamos pelas informações publicadas nos anúncios – todos os detalhes devem ser apurados com o anunciante.

Matérias relacionadas

À venda: este raro Chevrolet Chevette GP 78 muito original e pode ir para sua garagem

Dalmo Hernandes

Este Acura Integra com câmbio manual pode ser um belo project car – e está à venda

Dalmo Hernandes

Dose tripla: um Alfa Romeo e dois BMW clássicos da década de 1970 são os Achados Meio Perdidos de hoje!

Dalmo Hernandes