FlatOut!
Image default
Achados meio perdidos

Este Peugeot 205 Cabriolet é raríssimo no Brasil, só teve um dono e está à venda

O Peugeot 205 GTi está na nossa lista dos melhores hot hatches já feitos por uma boa razão: ele juntava uma plataforma de dinâmica excelente a um motor potente na medida certa para criar um dos hatches de tração dianteira mais divertidos de sua época. Pois o Achado Meio Perdido de hoje não é um 205 GTi, mas pode ser tão atraente quanto: um 205 CJ, de único dono e com apenas 46.000 km rodados à venda no Brasil.

O 205 foi um dos modelos mais bem sucedidos da Peugeot, vendido por 15 anos (de 1983 a 1998) com 5,3 milhões de unidades fabricadas. Disponível como hatchback de duas ou quatro portas e conversível, o compacto francês teve diversas opções de motorização acabamento — dos básicos, com acabamento bem simples, motor de um litro e 44 cv; ao GTi, com bancos de melhor apoio, painel completo, suspensão diferenciada e um brilhante motor de 1,6 litro e 105 cv (havia uma versão com motor de 1,9 litro e 128 cv, mas o 1.6 era mais girador e elástico e, assim, mais ágil).

205-cabrio (7)

Isto sem falar no Peugeot 205 T16, versão de homologação para o Grupo B de Rali que tinha o visual do 205, mas era equipado com motor central-traseiro de 1,8 litro e 200 cv (chegando a 500 cv na versão de competição). Ele não tinha muito do 205 normal além do nome e do visual, mas certamente contribui para dar ao modelo sua boa fama entre os entusiastas.

205-cabrio (8)

Entre as diversas versões do 205 em seus 15 anos de vida, estava o 205 CJ — a versão conversível do modelo fabricada entre 1986 e 1984. Ele era idêntico ao hatch em todos os aspectos técnicos: motor dianteiro transversal — no caso, um quatro-cilindros de 1,4 litro que, alimentado por um sistema de injeção eletrônica, entregava 79 cv a 5.800 rpm e 11,1 mkgf de torque a baixas 2.800 rpm —, suspensão McPherson na dianteira e por barra de torção na traseira e câmbio manual de cinco marchas.

205-cabrio (10) 205-cabrio (5)

A diferença óbvia era é a capota elétrica de tecido. O desenho da carroceria foi feito pelo estúdio Pininfarina, na Itália, que também cuidava da produção. Houve até uma versão chamada CTi, conversível que tinha os arcos de roda e o motor de 1,6 litro do GTi. Não é o caso do CJ, mas os 79 cv eram o suficiente para puxar os pouco mais de 850 kg do carro com bastante agilidade.

O carro que encontramos à venda no OLX é um 205 CJ fabricado em 1992, e só rodou cerca de 42 mil km nestes 23 anos de idade. O anunciante diz que é o único dono do carro, que está no Brasil desde que era 0km.

205-cabrio (3)

Pelas fotos, dá para ver que a carroceria está em boas condições, embora o vendedor tenha dito que há pequenos amassados típicos de motoristas descuidados no estacionamento. Por dentro, os bancos de couro são originais, e também tem algumas poucas marcas de uso, como vemos nas fotos.

O proprietário conta que realizou todas as revisões em concessionária até o ano 2000, quando conheceu uma oficina especializada no Rio de Janeiro, cidade onde o carro se encontra. Todos os anos o 205 passa por uma revisão preventiva — o que indica que mecânica, suspensão, freios e elétrica devem estar em perfeita ordem.

205-cabrio (11)

O único detalhe, segundo o dono, é o sistema de ar-condicionado que, por falta de uso, precisa de uma carga de gás. No mais, “está pronto para rodar para qualquer lugar”, como ele mesmo diz.

E quanto o dono quer por ele? Para nós, um valor até razoável, dado o estado de conservação e a raridade do modelo em terras brasileiras: R$ 19.500. Pode ser uma boa pedida para quem procura um conversível colecionável, estiloso e bem cuidado que promete diversão ao volante. Que tal?

[ OLX ]


“Achados Meio Perdidos” é o quadro do FlatOut! na qual selecionamos e comentamos anúncios de carros interessantes ao público gearhead, como veículos antigos, preparados, exclusivos e excêntricos. Não se trata de uma reportagem aprofundada e não nos responsabilizamos pelas informações publicadas nos anúncios – todos os detalhes devem ser apurados com o anunciante.

Matérias relacionadas

O ronco deste Romi-Isetta com motor de Honda CB 750 Four deve ser incrível – e ele está à venda!

Dalmo Hernandes

Este raro Peugeot 407 Coupé é o nosso Achado Meio Perdido de hoje

À venda: Audi A6 Allroad quattro com motor V6 biturbo de 315 cv e tração integral

Dalmo Hernandes