Estes são alguns dos jipes old school mais bacanas anunciados no GT40

Equipe FlatOut 7 julho, 2018 0
Estes são alguns dos jipes old school mais bacanas anunciados no GT40

Os fora-de-estrada old school estão em alta – Mercedes Classe G, Jeep Wrangler e Suzuki Wrangler ganharam novas gerações e os entusiastas estão bem interessados. Aproveitando, decidimos separar alguns dos jipes mais legais, novos e antigos, anunciados no GT40.

É importante lembrar que esta é uma situação diferente das listas de anúncios de pessoa física, que seguem uma ordem cronológica: escolhemos a dedo os carros desta lista, e todos são interessantes em nossa opinião – há uma razão por trás de cada escolha. Entendido? Então vamos lá!

 

img_213652_4_9dfa058e-c424-4555-8df5-f080ff070d50

Para começar, que tal a versão da Toyota para o Jeep? Este é um Land Cruiser 1959, e é o jipe que deu origem ao nosso conhecido Toyota Bandeirante. Ele tem um motor a diesel Perkins de 3,3 litros e 70 cv e, segundo o anunciante, foi totalmente restaurado, apresentando excelente estado de conservação. Clique para ver o anúncio.

 

img_133412_4_705be234-aa04-442e-ab3e-78bb549ced9c

Embora fosse vendida como station wagon na época, a Willys Rural era feita sobre a mesma base do Jeep CJ, porém com entre-eixos mais longo. De acordo com seu proprietário, este exemplar fabricado em 1975 está há muitos anos na família, tem a pintura original e está muito bem conservado. O motor é um seis-cilindros de três litros e 132 cv e a Rural tem tração 4×4 com reduzida. Clique para ver o anúncio.

 

img_154536_4_c26ebaac-72f6-4aea-9004-56e1a2d7998e

Se você também está hypado pelo lançamento do novo Jimny, que tal um clássico na sua garagem? O Suzuki Samurai é nada menos que a segunda geração do mini-jipe japonês. No caso, estamos diante de um exemplar fabricado em 1998, modelo Canvas Top, conversível com capota de lona. O motor é um quatro-cilindros de 1,3 litro com injeção eletrônica e 64 cv, acoplado a uma caixa manual de cinco marchas e tração 4×4 com reduzida. O proprietário diz que o Samurai tem 88.000 km rodados e destaca diversos acessórios off-road, como snorkel, pneus Firestone Mud e guincho. Clique para ver o anúncio.

 

img_114632_4_848bf636-b5b3-46b9-acf0-c847d36ac2c9

O DKW-Vemag Candango é como a versão nacional do DKW Munga alemão, e foi lançado no Brasil em 1958. De acordo com o anunciante, este exemplar fabricado em 1959 recebeu um AP 1.6 no lugar do motor dois-tempos de três cilindros original. Ele também diz que o jipe teve mecânica, elétrica e suspensão revisados. Clique para ver o anúncio.

 

img_133636_4_8066362d-843a-4f8e-b1ef-9886d589d0fe

De acordo com o vendedor, este Jeep Willys 1967 passou por uma restauração completa, incluindo chassi, carroceria e tapeçaria, seguindo os padrões originais. A mecânica também é original, com motor seis-cilindros de 2,6 litros e 90 cv, tração 4×4 e câmbio manual de três marchas com reduzida. O anunciante diz que o Jeep não tem detalhes a acertar e que possui placa preta. Clique para ver o anúncio.

 

img_259988_4_9faa0b40-fd77-4b13-adba-a8bdc147a47f

Este é um Suzuki Jimny 2014, já produzido no Brasil. Trata-se de um exemplar da versão 4Sun, com teto solar panorâmico, que neste caso recebeu algumas modificações como pneus BF Goodrich T/A, para-choques de impulsão e suspensão levantada em 38 mm. Segundo seu proprietário o Jimny tem 60.000 km rodados. O motor é um quatro-cilindros de 1,3 litro com cabeçote de 16 válvulas e 85 cv. Clique para ver o anúncio.

 

img_222304_4_26b5d74f-1586-4609-afe2-758950ae11eb

Se você pensa em participar de competições off-road e quer um jipe já pronto, dê uma olhada neste Troller T4 2006, com pintura nas cores da Martini Racing e várias modificações, como gaiola de proteção completa, interior aliviado, suspensão preparada, freios redimensionados e ECU reprogramada – o motor turbodiesel de três litros agora entrega cerca de 300 cv. Clique para ver o anúncio.

 

img_31964_4_1b01e541-a510-484c-8e19-64e548684f74

Se você procura um Jeep mais antigo, vai curtir este exemplar de 1951 – em 2018 ele completa 67 anos. Segundo seu vendedor, o motor é o quatro-cilindros de 2,2 litros e 75 cv (brutos) original. Não fica claro se o utilitário foi restaurado ou se é todo origina, mas o estado de conservação é bom a julgar pelas fotos. Clique para ver o anúncio.

 

img_39676_4_416e6b6a-be7c-4f63-9185-e1bb62bedfd0

O sucessor natural do Jeep original foi o Wrangler, e este é um exemplar da terceira geração, fabricado em 2014. O modelo de entre-eixos longo e quatro portas tem, segundo o anunciante, 17.000 km rodados. Ele diz que todas as revisões foram feitas em concessionária e que o jipe, que tem motor V6 de 3,6 litros e 286 cv, está impecável. Clique para ver o anúncio.

 

img_266736_4_320da8c6-0034-48ec-b131-66cbbfdf52e5

A segunda geração do Troller T4, lançada em 2014, manteve a boa capacidade off-road enquanto ganhou identidade própria, deixando de ser um clone do Jeep Wrangler, e um conjunto mecânico mais atraente, dividindo o motor turbodiesel Duratorq de 3,2 litros e 200 cv com a Ford Ranger. Este exemplar, de acordo com o anunciante, tem 46.000 km rodados e está “impecável”. Clique para ver o anúncio.