FlatOut!
Image default
FlatOut

Feliz 2019 amigos! Qual a sua meta ou sonho automotivo para este ano?

Feliz ano novo, queridos leitores! Alguns de vocês estão curtindo uma praia, outros estão na casa de campo, alguns estão em família, outros estão sozinhos – mas vale sempre lembrar, solitário você não está, pois você está com a família do FlatOut. Agradecemos de coração por estarem conosco nesta jornada de pouco mais de cinco anos (oito, se contarmos os anos do Jalop), por todo o carinho, pelos comentários, pelas críticas que nos ajudaram a evoluir e a amadurecer. Pelo tempo que vocês dedicaram a nos acompanhar. Por nos ajudarem a atravessar o mar mais difícil que nosso barquinho já atravessou em sua história. Estamos aqui por vocês e por causa de vocês.

Com ou sem os seus amigos gearheads por perto, sabemos que em algum momento da noite (ou da ressaca do dia seguinte) você vai pensar no seu projeto automotivo – esteja ele na garagem, esteja ele habitando os seus sonhos.

Por isso, como é tradição aqui no FlatOut, vamos compartilhar as nossas resoluções de ano novo. E convidamos vocês a compartilhar as suas metas e sonhos para 2019, tanto pessoais quanto automotivas! Se a galera se empolgar na participação, dá até pra fazer um post listando as mais votadas – vamos lá, galera!

 

Novos caminhos, por Juliano Barata

Caramba! 2019 começa, antes de mais nada, com uma sensação de alívio misturada com determinação. O alívio de ver a ameaça do fim do FlatOut se transformar em um objeto no espelho retrovisor, não adiante do para-brisa. E a determinação de, mais do que nunca, nos focarmos em buscar um nível mundial neste site de car culture e oferecer cada vez mais e melhor para vocês, leitores que nos acompanham e que são assinantes ou FlatOuters. Que nos deram este voto de incentivo e de continuidade. Do meio para o fim de janeiro vocês já verão a primeira novidade – algo para se saborear lambendo os beiços!

Acho que esse é o maior drive que eu sinto para 2019. A garra de levarmos o FlatOut para um novo nível, algo que não fique só no discursinho bonito de autopromoção, mas sim algo concreto. Que seja um “cacete, olha o que estes caras fizeram!”. Daqui a 365 dias, espero que vocês possam nos confirmar essa impressão. Vamos batalhar pra caramba para merecer isso.

Passando para a minha vida pessoal, como um entusiasta de encontrinhos de posto de gasolina como tantos aqui, o meu grande sonho é poder ver o K20 pulsando dentro do cofre do meu Honda Prelude. Como tinha previsto nas resoluções para 2018, este foi um ano bem complicado e mal pude dar atenção a ele. Mas no fim do segundo semestre, vendi o último conjunto de peças do meu Dart (o Dart Games, cuja história vocês viram aqui). Como um gesto de encerramento para o futuro, seu último lampejo alimentou um dos passos mais importantes do novo projeto!

Na foto aí em cima, vocês estão vendo a única Fiat Fiorino com motor K20 central-traseiro da história! Aluguei este carro para uma viagem de três horas com o Daniel Soares, da Home Garage, para buscarmos o powertrain completo que irá para o meu Prelude: temos aí um motor 100% OEM, com transmissão completa e todos os acessórios. O Daniel estava no meio da correria da mudança para o novo endereço da oficina (R. Américo Brasiliense, 1510, próximo ao Shopping Morumbi, SP), mas topou na hora a aventura. Chegamos na oficina pra lá das quatro da manhã (note a cara de cansaço do Daniel!), com direito a uma blitz da Polícia Rodoviária (tudo ok, pois o motor é todo documentado… mas lá se vai meia hora madrugada adentro…) e ainda descarregamos sozinhos o motor com transmissão montada e tudo.

Sinto que é cedo para poder afirmar se esse swap é uma meta mesmo ou se é um sonho para 2019. Swaps de motor são uma atividade bem complexa e custosa. A única certeza que eu tenho: cada etapa dessa aventura, do planejamento à execução, será compartilhada com vocês, em textos, fotos e vídeos. O legado do Dart Games – transformar minhas aventuras e desventuras em conhecimento – vai continuar com o Project Berger!

Em resumo, 2019 vai ser o ano que iremos trilhar vários novos caminhos. Mas com o bom e velho amor a estas máquinas de lata, borracha, tecido, couro e ferrugem.

 

Olhando para 2021, por Leo Contesini

Para 2019 minha resolução é modesta: tenho planos maiores para 2021, então pretendo apenas dar um trato no Focus, com umas rodas bacanas (Scorro S222), um sistema Apple Carplay da Pioneer e um detailing completo com o pessoal da Redentora.

No âmbito familiar, temos um Chevette 1979 esperando a conclusão (e os próximos capítulos do Project Cars). Ele já está quase pronto, faltando apenas uns detalhes e retoques para ficar do jeito que deve para começarmos a curtir. Vai ganhar um escape 4×1 e uma nova carburação.

Agora… sobre o projeto de 2021, tudo o que posso dizer por ora é que ele envolve a aposentadoria do Focus como daily driver e uma transformação para, digamos, aproveitar melhor o potencial do modelo. Quem sabe um motor de maior deslocamento, ou mais cilindros…. quem sabe?

 

Agora, nos conte você: quais as suas resoluções para este ano? Sejam elas profissionais ou pessoais, mande bala nos comentários!

Matérias relacionadas

Crowdfunding do FlatOut. A queda continua.

Juliano Barata

Aniversário do FlatOut: cinco anos de cultura automotiva. O que nos move.

Juliano Barata

FlatOut Sunset Meet: galeria-bônus do 1º encontro oficial do FlatOut!

Juliano Barata