FlatOut!
Image default
Zero a 300

Ferrari 488 terá versão GT3, taxistas agridem passageiros do Uber, as versões do Porsche 911 reestilizado e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Ferrari 488 terá versão GT3

ferrari-488-gt3-1

Projeção feita pelo MDStudio

Parece que a Ferrari 488 está prestes a se tornar ainda mais semelhante às suas antecessoras turbinadas — a 288GTO e a F40. A Ferrari confirmou ao site TopGear.com que apresentará uma versão de corrida do novo modelo nos próximos 18 meses. Segundo o site, sua fonte na Ferrari revelou que se trata de uma versão GT3 pronta para disputar os campeonatos mundo afora na temporada de 2017 — o que significa que ela será lançada no fim de 2016.

Além da versão GT3, o informante também disse que “as versões Challenge são lançadas aproximadamente um ano depois dos carros de rua”. Como os modelos Challenge e GT3 são desenvolvidos juntos, a 488 “Challenge” deve chegar no fim de 2016 ou no começo de 2017. Esperamos que façam uma versão Stradale.

Ainda não há detalhes sobre o visual, mas pode imaginar a 488 mais baixa, mais larga, com as cores tradicionais da AF Corse e uma asa traseira. Quanto ao motor, o regulamento da GT3 permite o uso de turbos, mas alguns fabricantes preferem usar motores aspirados — a Mercedes, por exemplo, trocou o 4.0 V8 turbo do AMG GT pelo 6.2 V8 aspirado no AMG GT3.

 

Sindicato paralisa fábrica da GM em São José dos Campos

FlatOut 2015-08-10 às 11.34.17

O Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos decretou greve para todos os 5 mil funcionários da fábrica da GM na cidade. O motivo foram as cerca de 250 demissões que a empresa efetuou no último sábado.

As demissões foram de um terço dos 750 funcionários da fábrica que já estavam em lay-off desde março deste ano. A medida é a última que se toma antes de uma demissão, visando regular a produção à demanda de mercado. Se não há retomada de procura pelos produtos, a empresa pode efetuar o desligamento dos funcionários imediatamente. Quando estão em lay-off, os funcionários são obrigados a passar por cursos de recapacitação profissional justamente pela possibilidade alta de serem demitidos.

A greve, por tempo indeterminado, ajuda a GM a esvaziar seus estoques e dá ainda mais motivo à empresa para efetuar uma medida que o mercado todo espera acontecer há tempos: o fechamento da unidade de São José dos Campos. Ela produz hoje apenas 180 veículos, entre S10 e TrailBlazer. Considerando sua quantidade de funcionários, é uma produtividade baixíssima. E não terá um tostão dos cerca de R$ 13 bilhões que a GM prometeu investir no país até 2019. Para bom entendedor…

 

Todas as variações do Porsche 911 reestilizado são flagradas

porsche-911-991-facelift-spyshots-18-e1439197682746-630x308

O pessoal do site Paultan.org conseguiu o inimaginável: fotos de todos os novos modelos reestilizados do Porsche 911 de sétima geração, o 991. Cabriolet, Targa, Carrera e Turbo.

porsche-911-991-facelift-spyshots-6-e1439197623311-630x325

As mudanças já foram mais do que descritas por aqui, mas se resumem à dianteira e à traseira do carro. Na frente, o para-choque traz com tomadas de ar invertidas em relação ao modelo atual; na traseira, novos piscas e lanternas e um novo arranjo de escape, com as saídas centralizadas, porém um pouco afastadas entre si na traseira.

porsche-911-991-facelift-spyshots-15-e1439197726455-630x306 porsche-911-991-facelift-spyshots-2-850x567

O novo arranjo pode denunciar a principal novidade do 911: motor turbo mesmo na versão de entrada, a Carrera, um 2.7 de seis cilindros boxer com 407 cv, e em toda linha dele em diante. A popularização do turbocompressor pela gama 911 deve trazer mudanças ao Turbo. Estamos curiosos para ver a solução de nomenclatura que a Porsche dará ao caso.

 

Taxistas agridem passageiro do Uber em Belo Horizonte

4loqptjsa26l50oh15jqbwe68

O músico Marcel Telles e sua esposa, a jornalista Luciana Machado, foram cercados e xingados por três taxistas ao entrarem em um carro do Uber. Ao tentar argumentar com os taxistas, Telles foi agredido e fez fotos e um vídeo para relatar a agressão.

A agressão só não foi maior porque um carro da Polícia Militar passou pelo local e os taxistas se dispersaram. Segundo a jornalista, os policiais nem pararam o carro nem recomendaram a eles que fizessem um boletim de ocorrência. Eles fizeram isso por conta própria e Telles já passou por exame de corpo de delito no IML.

Ao relatar o caso do Facebook, o músico recebeu nova ameaça de um taxista, que disse que “isso é apenas o começo”. Agindo com toda essa polidez, temos certeza de que os motoristas de táxi em breve contarão com apoio maciço da população contra o Uber. Só que não.

 

Tony Stewart será processado de novo pela família de Kevin Ward Jr.

Tony-Stewart

Ontem fez um ano que o tricampeão da Nascar, Tony Stewart, atropelou e matou o piloto Kevin Ward Jr. em uma prova de sprint car no circuito Canadaigua Motorsports Park. O caso, tratado como acidental pelo grande júri de Ontario County, em Nova York, onde o acidente aconteceu, não foi suficiente para que a família de Ward se conformasse. Por conta disso, ela contratou o escritório Lanier Law Firm para processar Stewart novamente.

O processo equivale a uma acusação de homicídio doloso, mas sem as implicações criminais. Como corre apenas na esfera civil, o objetivo da medida é o pagamento de indenização, sem risco de que Stewart vá para a cadeia. Como o processo criminal já foi arquivado, e Ward agiu de modo irresponsável ao invadir a pista, é possível que Stewart escape de mais essa acusação.

 

Porsche inicia operação própria no Brasil

911991gt3wht

Em março você leu aqui no FlatOut que a Porsche iria assumir as operações no Brasil, até então mantida pela importadora Stuttgart Sportcar, de São Paulo/SP. A subsidiária brasileira da marca é a primeira da América Latina, e iniciou suas atividades com a importação do seu primeiro modelo na semana passada.

O carro é um 991 GT3, oferecido por R$ 874.500. Por esse preço você leva uma das versões mais radicais e afiadas do esportivo, com motor 3.8 de 481 cv a 8.250 rpm e 44,9 mkgf a 6.250 rpm. O câmbio é somente o PDK de sete marchas com embreagem dupla, e ajuda o motor a levar o GT3 aos 100 km/h em 3,5 segundos e à máxima de 315 km/h. A primeira unidade importada já foi vendida — a Porsche está trazendo o GT3 somente sob encomenda.

 

Volvo deverá criar o XC40 sobre nova plataforma modular

FlatOut 2015-08-10 às 11.58.53

Depois de inaugurar o China Euro Vehicle Technology, ou CEVT, em Gotemburgo, na Suécia, em setembro de 2013, Geely e Volvo vêm trabalhando arduamente na criação da plataforma CMA, ou C-Segment Modular Architecture. Além do substituto do V40, que hoje utiliza a plataforma Ford EUCD, a mesma do Fusion, mas modificada, a empresa disse à revista Autocar que fará também um utilitário menor que o XC60, chamado de XC40. Provavelmente para o lugar do V40 Cross Country.

Modular, a nova plataforma poderá ser usada tanto em modelos Geely quanto Volvo, com módulos específicos para cada marca. Os da Volvo, com maiores exigências, serão mais sofisticados, enquanto os da Geely terão custo mais baixo, mas bons o suficiente para competir no mercado europeu.

O chefe de desenvolvimento da nova plataforma é o chefe do CEVT, Mats Fägerhag, que já trabalhou na Saab, onde tentou desenvolver uma plataforma parecida. Segundo a Autocar, a nova plataforma só deve aparecer dentro de dois anos e meio.

Matérias relacionadas

O que estes três Porsche 956 estavam fazendo no meio do trânsito?

Leonardo Contesini

Project Cars #481: o raro Opala Standard 82 com câmbio na coluna finalmente está pronto!

Leonardo Contesini

Proton: a fabricante de carros da Malásia e seus hot hatches “by Lotus” | Lasanhas sem Fronteiras

Dalmo Hernandes