Fiat 124 Sport Spider à venda: um clássico italiano a céu aberto na sua garagem

Dalmo Hernandes 12 março, 2018 0
Fiat 124 Sport Spider à venda: um clássico italiano a céu aberto na sua garagem

Não foram apenas os britânicos que fizeram roadsters esportivos nos anos 60 e 70. Eles eram referência, claro – e foram a maior inspiração para o atual rei dos roadsters esportivos, o Mazda MX-5 Miata. Mas os italianos também sabiam o que estavam fazendo, e o Fiat 124 Sport Spider, produzido entre 1966 e 1980, é uma bela evidência disto. Com direito a uma carroceria projetada pela Pininfarina. E este exemplar laranja é nosso Achado meio Perdido de hoje, anunciado no GT40.

O Fiat 124 Sport Spider era um projeto inteligente: ele aproveitava a plataforma e o conjunto mecânico da versão sedã, apresentada alguns meses antes. Apesar de ser um carro de família, espaçoso e confortável, o Fiat 124 sedã tinha motor longitudinal, câmbio manual de cinco marchas e tração traseira. Além disso, era muito leve, pesando no máximo 950 kg. Desde o início a Fiat planejou criar uma versão esportiva do 124, e isto se concretizou com o Sport Spider.

IMG_4139

O roadster tinha entre-eixos mais curto, com 2,28 metros em vez de 2,42 metros, mas empregava a mesma suspensão: McPherson na dianteira e um eixo rígido three link na traseira (substituído por um arranjo mais convencional, com barra Panhard, em 1968). Já a carroceria era completamente diferente, adotando uma identidade visual mais clássica e, apesar de ter sido desenhada pela Pininfarina, quase britânica. O carro tinha faróis elevados em relação ao capô e uma grade hexagonal na dianteira. A traseira era baixa, com lanternas retangulares e para-choques bipartidos.

IMG_4104 IMG_4131

O interior tinha um painel de instrumentos típico dos esportivos europeus, com todos os instrumentos concentrados no cockpit do motorista, conta-giros em destaque e um enorme volante com dois raios de metal e aro de madeira. A alavanca do câmbio manual de cinco marchas (todas sincronizadas, algo não muito comum na época) ficava bem à mão do condutor, garantindo uma experiência envolvente na hora de dirigir.

IMG_4129

Este exemplar em especial tem motor de 1,6 litro, disponível a partir de 1970

O grande destaque do 124 Spider, contudo, era o motor. O quatro-cilindros de 1,4 litro (1.438 cm³) à mesma família do motor usado no sedã, porém trazia uma diferença fundamental: em vez de comando simples no bloco, ele tinha comando duplo no cabeçote de fluxo cruzado. Era alimentado por um carburador Weber e entregava 90 cv a 6.000 rpm. Considerando que seu peso era de pouco mais de 900 kg, era força suficiente para levá-lo de zero a 100 km/h em 12 segundos, com máxima de 170 km/h. Não parece muito, mas o quatro-cilindros projetado por Aurelio Lampredi tinha potencial: versões posteriores, com deslocamento ampliado para 1,8 litro chegava aos 118 cv. A versão de rali preparada pela Abarth era ainda mais interessante: com dois carburadores, tinha 128 cv.

O carro anunciado no GT40, à venda na Vintage Garage em Curitiba/PR, é um exemplar de 1971, quando já estava disponível o motor de 1,6 litro (1.608 cm³) com dois carburadores de corpo duplo e 110 cv. De acordo com Bird Clemente Jr., responsável pela venda, o carro já passou por uma restauração, embora existam registros de quando foi que isto aconteceu.

IMG_4106 IMG_4107 IMG_4111 IMG_4124

A pintura já foi refeita, assim como o revestimento de couro dos bancos, mas Bird diz que a grande maioria dos itens de acabamento são originais: grade, faróis, lanternas, emblemas (da Fiat e da Pininfarina), para-choques e rodas. O rádio também é original, assim como toda a instrumentação do painel.

IMG_4120 IMG_4118 IMG_4117

Bird observa que, apesar do bom estado de conservação geral, o carro não está impecável – para isto, ele precisa de alguns cuidados. A pintura, de acordo com ele, tem algumas manchas que não saíram com o polimento, mas caso haja interesse por parte do comprador, é possível negociar a correção destes detalhes na hora da negociação.

Se você ficou interessado, é só clicar aqui para acessar o anúncio e pegar os contatos do anunciante, que pode esclarecer melhor quaisquer dúvidas.

inbanner-fim-post


“Achados Meio Perdidos” é o quadro do FlatOut! no qual selecionamos e comentamos anúncios do GT40.com.br de carros interessantes ao público gearhead, como veículos antigos, preparados, exclusivos e excêntricos. Não se trata de publieditorial. Não nos responsabilizamos pelas informações publicadas nos anúncios nem pelas negociações decorrentes – todos os detalhes devem ser apurados atenciosamente com o anunciante!