Fiat encerra produção de cinco modelos de uma só vez, a primeira imagem do hipercarro Mercedes-AMG, a volta do Ford Bronco e mais!

Leonardo Contesini 10 janeiro, 2017 0
Fiat encerra produção de cinco modelos de uma só vez, a primeira imagem do hipercarro Mercedes-AMG, a volta do Ford Bronco e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Fiat encerra produção de Idea, Linea, Bravo, Doblò Cargo e Freemont

linea_t-jet_0031

Com a virada do ano e uma estratégia de reformulação de sua gama em curso, a Fiat retirou de seu site oficial seis modelos de uma só vez. Desde o início desta semana os modelos Bravo, Idea, Linea, Freemont, Doblò Cargo e Palio Fire já não aparecem mais como parte da gama da fabricante ítalo-mineira.

Segundo apuração dos nossos camaradas do Autos Segredos, os carros já não constavam na tabela de preços de janeiro e foram tirados de produção ao longo de 2016, apesar da negativa da fabricante. Ainda segundo o Autos Segredos, Bravo, Doblò Cargo, Idea e Linea tiveram sua produção encerrada no primeiro semestre de 2016, e continuaram a figurar no site oficial devido ao volume de estoque.

Já o crossover Freemont sequer ganhou uma linha 2016 e, por isso deixou de ser fabricado. Quem também saiu de linha em 2016 foi o Siena EL, que já havia sido retirado do site em outubro passado. Dos “desaparecidos” somente o Palio Fire ainda continua em produção, porém será oferecido apenas para clientes corporativos (frotistas) e o Fiat 500, embora não tenha sido importado em 2016, continua oferecido no site.

O encerramento da produção de tantos modelos de uma só vez se deve à reformulação da gama da Fiat. Com o fim do Palio Fire o modelo de entrada passa a ser o Mobi, com o Uno posicionado logo acima. Na intermediária estão o Palio, o Grand Siena e o Punto, que acabaram muito próximos e serão substituídos pelos novos X6H e X6S, uma nova família de sedã e hatchback inspirada no Fiat Tipo europeu, porém com porte menor e mais próximo ao dos dois hatches produzidos atualmente.

 

Mercedes-AMG começa a revelar seu hipercarro

15977385_1408305039193572_970230180834274736_n

O 50º aniversário da AMG está chegando e com ele veremos o hipercarro da marca, desenvolvido para comemorar a data. Até agora o chefe da AMG, Tobias Moers, e seus funcionários se limitaram a dizer que ele usará o motor do W07 de Fórmula 1 exatamente como usado nas pistas, apenas com uma marcha lenta mais baixa para torná-lo utilizável nas ruas. Isso significa que além do V6 biturbo de 1,6 litro, o supercarro também usará as unidades elétricas dos bólidos de corrida. Agora a divisão aproveitou as atenções voltadas para Detroit para lançar o primeiro teaser do carro, junto com algumas novas informações.

A principal novidade é que ele usará um eixo dianteiro com motores elétricos, o que significa que ele terá tração nas quatro rodas por demanda (4WD), um modo 100% elétrico com até 25 km de autonomia, e vetorização de torque. Junto com a “unidade de força” do carro de Fórmula 1, que será instalada na traseira, a potência combinada será superior aos 1.000 cv.

mercamg

Quanto ao design, a primeira imagem do carro mostra uma parte da traseira, com um par de dutos NACA logo acima de um par de respiros aletados, algo que deve arrefecer os intercoolers do powertrain. Também fica evidente que a admissão do motor será feita pelo scoop sobre o teto, como o já clássico CLK GTR. Diferentemente do seu antecessor, contudo, ele aparentemente não terá uma asa traseira — que não foi retratada no primeiro teaser (o desenho da silhueta acima), tampouco aparece na foto. O que sabemos é que a linha que inicia na parte posterior do duto de admissão é uma barbatana aerodinâmica.

Por falar nisso, a Mercedes diz que o Project One (como o carro vem sendo chamado no site oficial da AMG) terá elementos aerodinâmicos avançados e extremamente eficientes — o que ajuda a explicar a ausência de uma asa traseira. Isso também faz do Project One o primeiro rival do Aston Martin AM-RB 001 – o outro hipercarro com tecnologia da Fórmula 1 que será lançado em um futuro próximo. Dito isso, quando a dupla chegar às ruas, teremos uma nova geração de hipercarros pronta para ir além de onde LaFerrari, McLaren P1 e Porsche 918 Spyder foram.

 

 

GM é condenada a devolver o valor pago por Onix defeituoso

Chevrolet-Onix-2014

A General Motors e a concessionária Rumo Norte Congonhas Distribuidora de Veículos foram condenadas pelo Tribunal de Justiça de São Paulo a ressarcir o valor integral corrigido a um cliente lesado na compra de um Onix 1.4 LT 2012/2013.

O exemplar apresentou um problema crônico no motor, que não solucionado dentro do prazo previsto pela lei do consumidor para produtos novos — 30 dias. Sem carro e sem solução para o problema, o cliente acionou a justiça para reaver o dinheiro pago pelo carro. Com o defeito de fabricação constatado pela justiça, o Tribunal determinou que o valor pago pelo veículo, R$ 38.370,00, deve ser devolvido com correções e juros de 1%.

 

Ford anuncia o retorno do Bronco para 2020 – e como modelo global

2020-Ford-Bronco

Embora seja quase desconhecido no Brasil, o Ford Bronco é um verdadeiro ícone automotivo americano. Foi um dos primeiros SUVs práticos o bastante para ser usado no dia-a-dia, e sua produção ao longo de 30 anos e cinco gerações só reforçou sua boa imagem com o público. Mas um dia, em 1996, a Ford achou que precisava de um SUV de quatro portas para encarar os rivais e tirou o Bronco de linha, substituindo-o pelo Expedition.

O sucessor deu certo e é produzido até hoje, porém o público não parece ter superado o fim do Bronco. No Salão de Detroit de 2006, por exemplo, a Ford apresentou um Bronco conceitual moderno, com visual meio retrô e proporções semelhantes às do modelo original. Foi bem recebido, claro, porém o projeto acabou engavetado pois a Ford decidiu lançar a segunda geração do Escape.

Mais recentemente, quando a Ford apresentou o novo Troller no Brasil, os americanos viram no jipe cearense uma certa semelhança com o Bronco original, e tanto imprensa quanto o público entusiasta chegou a fantasiar com a possibilidade de ver o Troller como um sucessor espiritual do Bronco — uma possibilidade pouquíssimo provável.

Mas agora, no Salão de Detroit a Ford finalmente anunciou o retorno do SUV: ele será lançado em 2020 com tração 4×4 e como um modelo global — o que não significa necessariamente que ele será vendido no Brasil. Segundo a Ford, o novo Bronco será um “utilitário médio 4×4 para consumidores que procuram liberdade e funcionalidade off-road, porém com o espaço e a versatilidade de um SUV”.

 

Audi lança novo SQ5 em Detroit

OPEN

A Audi levou ao Salão de Detroit o novo SQ5, a versão esportiva da atual geração do Q5, que desta vez não é equipado com um motor a diesel. Em vez disso o crossover ganhou um V6 3.0 a gasolina, com dois turbos, 360 cv e 59,9 mkgf, capaz de levá-lo do zero aos 100 km/h em apenas 5,1 segundos — 0,1 segundo mais rápido que o antigo SQ5 a diesel.

Audi-SQ5-3

Mas o desempenho não se resume ao tempo de aceleração, como bem sabemos. O novo SQ5 tem uma nova suspensão a ar, que rebaixa o carro em até 30 mm, e um novo diferencial esportivo traseiro, capaz de transferir até 100% da força para uma das rodas.

Audi-SQ5-11

Além do conjunto mecânico, o SQ5 se diferencia do seu irmão comportado por sua grade exclusiva, rodas com desenho exclusivo, volante com base plana e bancos esportivos.