A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture Cinema

Filmes que você deve assistir: Night on Earth / Uma Noite Sobre a Terra

Nem todo filme sobre homens e carros precisa ter uma perseguição alucinante ou uma história envolvendo pilotos e o mundo do automobilismo. Às vezes, em um bom filme sobre rodas, os carros são meros coadjuvantes.

American Graffiti (Loucuras de Verão) é um deles, mas acho que ele é suficientemente conhecido para que eu possa acrescentar algo. Por isso, decidi falar sobre um outro filme sobre pessoas dentro de carros: Night on Earth (Uma Noite Sobre a Terra, no Brasil), do alternativo diretor Jim Jarmusch.

Se você gosta de pegar seu carro e sair sem destino pela noite, este é o filme certo para você. À noite as cidades revelam sua personalidade, seja com a badalação da vida noturna ou com o silêncio do sono. Dizem que você não conhece uma cidade por completo enquanto não mergulhar na escuridão de suas noites.

Dentro de um carro essa escuridão nos coloca em um mundo diferente daquele iluminado pelo sol e pelas pessoas acordadas, indo e vindo em suas vidas. No escuro, dirigimos em um mundo criado pela nossa imaginação e delimitado pelo facho dos faróis e das poucas luzes acesas; um mundo mais simples e libertador — o que não vemos, não existe.

Essa é exatamente a atmosfera na qual se passa Night on Earth. O filme de 1991 mostra cinco taxistas em cinco cidades diferentes — Los Angeles, Nova York, Paris, Roma e Helsinque — e suas relações momentâneas porém profundas e reveladoras com seus passageiros noturnos.

Todas as situações acontecem ao mesmo tempo, separados apenas pelo fuso horário. A primeira sequência se passa em Los Angeles uma jovem Winona Ryder interpreta Corky, a taxista moleca que sonha em ser mecânica e seu gênio bate de frente o de com sua passageira bem-sucedida, uma “caça-talentos” que a oferece a chance de ser atriz. Em Nova York temos a história de um taxista que não sabe dirigir e um casal suburbano em crise; em Paris o taxista africano e discriminado encontra uma passageira cega, e enxerga um outro tipo de discriminação desconhecido por ele. Em Roma, a mais divertida delas, o taxista de óculos escuros não para de falar e enlouquece o padre do banco de trás com suas peripécias sexuais da juventude; e em Helsinque o taxista desiludido depara com um trio de bêbados tentando voltar para casa.

Não espere um filme com sequência lógica, nem grandes lições ou mensagens grandiosas. A beleza do filme é exatamente retratar uma noite qualquer em um lugar qualquer e as relações humanas nessa hora do dia em que as pessoas estão mais despreocupadas e vulneráveis e propensas a externar o que estão pensando e sentindo — essa estranha relação amistosa e fácil de se desenvolver durante as breves corridas de táxi.

Night on Earth aparentemente está fora de catálogo há algum tempo, mas você pode encontrar o filme em boas locadoras ou naqueles sites de torrents espalhados por aí.

E como sempre, se você quiser sugerir algum road movie ou qualquer outro filme sobre carros, viagens e pessoas, a caixa de comentários é toda sua.

Matérias relacionadas

Os capacetes mais bonitos e icônicos já usados na Fórmula 1

Dalmo Hernandes

O Fiat 147 #0000001: este foi o primeiro carro da Fiat produzido no Brasil

Dalmo Hernandes

Os componentes automotivos mais bonitos que existem

Dalmo Hernandes