Ford Fiesta 2.0 Duratec: a história do PC#40, de Luciano Falconi

Luciano Falconi 2 agosto, 2014 84
Ford Fiesta 2.0 Duratec: a história do PC#40, de Luciano Falconi

Olá! Sim, eu sou um dos atrasados no Project Cars! Assim como vocês, eu sou um apaixonado por carros e posso conversar por horas sobre isso. Mas escrever… Meu nome é Luciano Falconi, tenho 35 anos, e produzo vídeos e fotos para a Revista Fullpower. Para alguns pode parecer legal, né? Mas trabalhar todo dia com carros e projetos cada vez mais insanos traz um grande problema: sua referência e exigência aumentam e você passa a não querer qualquer coisa na sua garagem. Você quer brincar com algo extremamente legal também! Mas… e se o bolso não acompanhar seu gosto?

A minha saída dessa sinuca aconteceu quando fiquei sabendo de uma promoção da Ford onde estavam vendendo motores Duratec 2.0 16v (que equipam o Focus de geração anterior e Ecosport) por míseros R$ 1.551,00. Eu não tinha ideia do que fazer com ele, mas sabia que um apaixonado por carros como nós arrumaria uma ótima “dor de cabeça” para se enfiar. Como minhas posses se resumiam a uma moto e um motor de carro, sabia que precisaria de uma base confiável para andar no dia a dia, viajar, e me divertir em track days. Ou seja, o carro teria que me atender em todas as situações. Conforme comentei lá em cima, queria algo diferente. Algo que ninguém tivesse.

pc40-post1-foto01

Nisso, a frase “…esse motor não cabe no Fiesta mk3 (o espanhol)…”, que ainda é dita em fóruns “especializados”, soava quase como desafiadora. Depois de cinco meses de busca, achei o carro que tanto me tem dado alegrias nos últimos dois anos e meio. O projeto já é uma realidade. Após o swap foram cerca de 50 mil km rodados entre ruas, estradas, dois track days na Capuava, três track days em Interlagos, um hot lap e um dia de treino em Interlagos.

O projeto de ter um carro customizado ou preparado nunca acaba. Você coloca um objetivo e quando o alcança já tem uns três novos alvos. Por isso, mesmo com ele rodando, tem muita coisa por fazer e é isso que deve me ajudar nos próximos posts por aqui depois que eu detalhar tudo o que já foi feito.

Mas vamos voltar um pouco nesse história. “Não cabe? Então é ele mesmo que você vai comprar!”, me disseram os colegas de trabalho. Teco Caliendo (hoje com oficina própria) e Emerson Gordo (Fat Motors) estavam tão empolgados quanto eu. Desde então eu aprendi que tudo é possível com duas coisas: boa mão de obra e dinheiro. A primeira estava resolvida porque esses caras (e mais alguns que vou citar ao longo do Project Cars) são doentes e mestres no que fazem. A segunda eu resolveria diluindo o projeto em longo prazo (de acordo com o bolso).

pc40-post1-foto02

Claro que ter um Fiestinha mais antiguinho tem lá seu charme, mas a verdade é que não tinha dinheiro para comprar uma base mais nova e um carro ainda mais antigo me deixaria chato… Com dó de moer!

O primeiro passo foi encontrar uma boa base. O problema é que o Fiesta de 3ª geração era importado e só veio em 1995 para o Brasil. Desses poucos rodando por aqui, achar um duas portas e bom de lata exigiu paciência. Olhei vários carros pessoalmente por um bom tempo, no mínimo dois por semana, até achar este exemplar das fotos em São Bernardo do Campo, SP. Segundo dono, 89 mil km, por R$ 7.500… Zeeeeero! O carro estava parado na rua e o dono nem abriu o cadeado do portão – eu já tinha me enfiado embaixo do carro para ter certeza de que seria ele. “Boa tarde! Tem alguma coisa pra fazer? Documento está em ordem? É meu!”, eu disse. E ele nem tinha pisado na calçada. “Você não quer dar uma volta? O motor está redondinho!” Sabe nada, inocente!!!

pc40-post1-foto06pc40-post1-foto07pc40-post1-foto08

Usei ele todo dia por dois anos até juntar algum dinheiro e as peças que seriam certas na adaptação, como câmbio, motor de arranque, alternador… Não usei nada da mecânica antiga. Daqui pra frente vocês saberão quais as maiores conquistas e desafios em ter um projeto assim. Sem querer sair um pouco da ordem dos acontecimentos, por enquanto vocês podem assistir o vídeo abaixo (nota do editor: não percam este outro onboard do Fiesta de Falconi, que publicamos em dezembro!). Um dia inesquecível para mim!

  • Angelo_Jr

    Rapaz, turbina e bota no dinamômetro da revista!

    já adianto, vai ser mais de 9000!!!!

    • GSB

      Já tava esperando as piadinhas haha

    • Luciano Falconi

      Boa, Angelo! hahaha
      No dino da revista veio 176 cv e no dino da Union vieram 179 cv. Gostei mais do da Union! :p
      Abraço!

      • Angelo_Jr

        hahaha, tu realmente botou?!?!?!!?! E olha, nada mal hein, considerando que o motor 2.0 com injeção direta tem 178 declarados no Focus, o teu tá bem saudável!

  • Krempel

    Um dos projetos mais top’s do Brasil, no meu Ka Duratec tomei como base esse Fiesta do Falconi.

    Parabéns man!!!

    • joaoalbertoborelli .

      ñ vejo a hora de ver o seu projeto, usou o ka da 1ª geração.?

      • Krempel

        2° geração, to lá na lista pra votação hahaha

    • Luciano Falconi

      Valeu, Krempel! O seu Ka está lindo! Parabéns!

      • Krempel

        Valeu man, seu carro é uma excelente referência.

  • PedroTelles

    Galera, tava pensando em pegar um focus hatch Ghia com esse motor, vocês têm algumas recomendações pra me dar, como peças que dão problema, preço salgado, disponibilidade, etc.. ?

  • Gui Braga

    Projeto muito mas muito interessante…

  • Phillipe Viana

    Dupla sorte: achar um Fiesta 95 inteiro assim, e não ter histórias de terror a respeito desse Duratec de 1500 reais, como várias que li por aí… (Esteja à vontade pra me corrigir se estiver errado)

    • Eduardo Mateus Klein

      Mas ele foi vendido barato porque tinha defeito?

      • Phillipe Viana

        Leia o comentário acima para entender

    • ThiagoVerdona

      Tambem ouvi dizerem bem mal !
      A história que ouvi, é que eram motores que tinham nadado em uma enchente em uma fábrica ou estoque de algum lugar sei lá,…sei que lembro de ter visto na internet reportagem de motor com lodo dentro,…enferrujado por dentro…
      #Tenso.

      • Phillipe Viana

        Pois é, foi isso que eu ouvi também

    • Kleber Amorim

      Já me falaram que a Ford tava se livrando deles por causa da entrada do duratec flex, mas se alguns tinham defeito o cara teve sorte mesmo .

    • Luciano Falconi

      Oi, Phillipe! Ouvi muitas histórias de motores com problemas, mas nunca conheci alguém que teve. Até onde sei os motores foram vendidos devido ao lançamento da versão Flex. Alguns que enfrentaram enchente foram leiloados. ACHO!

  • Bom eu acho que cabe por que o Fiesta espanhol já usou o Zetec 1.816V na Europa e lógico o Duratec 2.nada 16V(zero atrás do ponto é nada) com o peso do Fiesta deve ser um canhão e fora o bônus: ainda bem que você tirou o motor Endura original dele para mim o pior motor que existe.

    • nicolas pancheski

      2.nada/2.0 correto nao seria 2000/2l/2L

      • Pé de Pano

        Tanto faz cara…

        • Obrigado percebi que você sacou a minha parada. hehehe

      • Cada um faz da maneira como pode o 0 atrás do ponto para mim é nada. hehe (mas isso não quer dizer ruim).

  • Parabéns pelo Fiesta está bonito(para um Fiesta é claro).

  • felipereira

    o Duratec de R$1500 até hoje tenho remorso de não ter tanto acesso a internet naquela época….teria comprado e adaptado num Uno! no Focus ja anda super bem, imagina num carrinho leve!

    • Igor

      Amigo meu comprou 5 blocos, só que tem que ter cuidado pois muitos estavam bixados

      • Fla3D

        Só o bloco ou o motor inteiro?

        • Igor

          Pistão empenado, biela com trincos … parte interna toda estava com coisas a fazer, mas levando em conta que pagou nem 2.000 reais por bloco completo + cambio ainda assim valeu a pena.

      • Filipe Machado

        Bixados como ??

        • Lucas

          A Ford vendeu barato porque uma inundação pegou parte do lote. Como ficaria caro demais abrir todos e arrumar, foi mais lucro vender todo o lote.
          Tenho um amigo que pego um bixado… Tinha ferrugem e lodo bem dentro do motor…Teve que retificar inteirinho.

          • Filipe Machado

            Ahhh entendi mas após retificar e os escambau o motor funciona ??

            Mesmo gastando em retíficia e ele ficar bala, não acho que foi mal negócio

  • Caio

    O interior tá novinho man! Parabéns pelo carrin!

  • Bruno Henrique Vale Oliveira

    Já conheço o projeto de outras fontes, muito bem montado! Inclusive tem um irmão gêmeo montado em Curitiba, só que com Zetec 2.0. Esse modelo de Fiesta tem muito potencial como track car.

    Aproveitando a deixa, pessoal do Flatout não vai traduzir a história do Ed, o mais novo recordista em atravessar os Estados Unidos? História incrível! Virei fã do cara! kkk

    • João Zanetti

      Essa historia é mto boa mesmo, muitos detalhes e muito bem contada! Podia rolar a tradução la do jalop.

  • GabrielF100

    Por 7,5 pilas dava pra encontrar um mk5, mas estaria bem judiado, não seria tão desafiador e, claro, não teria o mesmo chame do mk3. Sucesso nessa jornada!

  • GSB

    Um show! Por curiosidade, quanto pesa o Fiesta? É um foguetinho!

    • Kleber Amorim

      Acho que pesa no máximo uns 900kg.

  • Lamborghinista

    Rapaz, o cara pilota (e muito bem), hein! Vou acompanhar esse projeto do Fiestinha!

    • ovelho306

      Manda muuito…

  • Artur Afonso

    Cara tu ta mais sinistro que aquele que “não sabia que era impossível, e fez”. Nesse caso eu diria “falaram que era impossível, e ele fez só de sacanagem”.

    • Luciano Falconi

      hahahaha! Boa, Artur! Mas o mérito foi dos mecânicos. Talvez eu não teria apostado nesse carro. rs

  • Riashe

    Boa Noite.

    Saindo do assunto,a Chrysler e a Fiat fizeram uma fusão.

    Resumindo agora as 2 empresas são uma só,tanto que a Fiat esta se mudando para o Reino unido,agora o nome da empresa sera ” Fiat Chrysler AutomobilesNV ”

    mais infos:http://quatrorodas.abril.com.br/noticias/fabricantes/depois-115-anos-fiat-troca-casa-793278.shtml

  • ovelho306

    Ja vejo o seu carro a algum tempo e … massa… muuito legal!!

  • Victor Soares

    Uma adaptação como essa não se torna difícil, e talvez inviável, dada a dificuldade em encontrar peças da Ford? Me corrijam os mais experientes.
    O carrinho deve ser show!

    • Luciano Falconi

      Achei com uma certa facilidade as peças. O problema é achar peça do Fiesta 95 por ser importado. Mas câmbio, alternador, motor de arranque… foi fácil.

  • Hugo94

    Galera esse carro dos meus sonhos http://goiania.olx.com.br/renault-megane-2001-2-08vpreto-todo-original-iid-684606326 o Que vcs acham ? vale a pena ?

  • Bruno Reis

    Bem que podia dar uma enchente no patio da Ford e ela lançar uma dessas promoções novamente…. rss

    • CaioBoleta

      Ela e a dona GM! Queria taaaanto um 1.6 ou 2.0 pro Celta :(

    • Eduardo Yamane

      Estes motores estavam ”hidratados”? Muita gente comprou e reclamou depois da ferrugem encontrada.

  • André

    Parabéns pelo projeto e por ter passado aquele camaro logo no começo do vídeo!

  • Vitor Augusto Pança

    “Ah, é só um Fiestinha qualquer”.
    Sabe de nada inocente! kkkkkkkk Que Fiesta f*da!

  • Gedson Junior
    • Thiago Tatsch

      Acho louco a maneira como a propriedade é tratada lá fora! Se o cara comprou a fazendo, tudo que está nela é dele!

      • Fwlemos

        Mas essa é uma modalidade de venda. Aqui no Sul chamamos de venda com porteira fechada, onde você vende a propriedade rural, ou até mesmo uma casa por exemplo com tudo dentro, desde talheres, potes, móveis, tudo mesmo exceto itens pessoais como roupas e etc….

      • Alvaretts

        Em qualquer lugar do mundo civilizado, tudo depende do contrato…

    • dogmarley

      Ronaldo vendeu uma vez uma casa dele e “esqueceu” uma Ferrari dentro; se não me engano

    • Alvaretts

      BARN FIND do ano!

    • Gedson Junior

      O Leonardo Contesini disse q aconteceu em 2011, chegou a aparecer no jalop. Apareceu na timeline do facebook, pensei q fosse recente, no site esta como como 1/8. Vai entender kkkkkkkkk

    • Leonardo Mendes

      Na verdade essa é só mais uma dentre tantas versões dessa história… segue a explicação, ou ao menos o que parece ser:
      http://www.maxicar.com.br/old/reporter/lendaportuguesa.asp

  • Aproveito já que estão falando sobre o Fiesta eu já tenho a história dele:

    http://falando-sobre-carros.blogspot.com.br/2013/10/plataforma-b-da-ford-o-fiesta-nacional.html
    e esse MK3 chegou a usar motor 1.816V que aqui equipou o Escort.

  • Julio GTB S2

    Show o PC. Parabéns mesmo!

    Bobeei e não peguei um Duratec desses quando tive a oportunidade. Agora ainda tem por aí por mais de 5k…

    Vontade de fazer isso num Fiesta 2004/5 (acho q é o Mk V) só pra track day.

  • xineis

    Muito legal o projeto! Simples e eficiente; e divertido, é claro! Assistindo o vídeo, ficou uma dúvida: o que é esse mostrador digital que aparece a partir de 5’48”?

  • Tales Cardoso

    Sabia que uma hora ou outra esse Fiesta ia aparecer por aqui ! Já li algumas reportagens sobre ele e acho esse carro fantástico ! É um Fiesta que anda junto com WRX e EVO mexido, não preciso dizer mais nada.

    E eu como apaixonado por Ford , ainda pretendo ter um carro leve com Duratec, de preferência um Corcel, para poder curtir um evento de antigos e pode moer num Trackday.
    PS: gostaria demais de saber com qual cambio esse caro anda.

    • Luciano Falconi

      Andar com wrx e evo é um pouco otimista.rs Mas é divertido sim. Eu uso o câmbio de eco. No próximo post eu vou entrar mais em detalhes. 😉

  • Rodrigo Sublime

    Belo exemplar… Parabéns… Teve amigo que comprou 3 duratec….

  • thiago de paula

    Bacana o carro!!! Comprar o Duratec novo pelo preço módico foi o sinal dos cosmos para o que era pra acontecer….

  • Bruno Brito

    Muito bom o projeto! Deve andar muito…

  • Bronoski

    Cara esse fiestinha é muito bonito.

  • Caio Cezar

    Passei uma vez por ele na av bandeirantes, muito bonito de longe se ouve o ronco rsrs não sabia que era do Falconi gosto muito das fotos dele

  • AstolphoGM6

    Esse carro é maneiro demais, desde que vi o vídeo que foi postado aqui, tenho interesse em conhecer melhor este carrinho… e Realmente, o MK III é Charmoso demais, bem mais que o IV e V.

  • Dieki

    sleeper… fodalhão.

  • Gus Loeffler

    Grande Falconi!! Legal demais teu carro, merece estar aqui! Abraço

    • Luciano Falconi

      Valeu, Gus! Quero conhecer o seu mais de perto uma hora! Abs!

  • Rodrigo Bastos

    Falconi fodástico o seu carro, tenho um espanhol igual o seu, só que com Zetec 2.0, o carro foi montado aqui no Rio e estava abandonado. Estou cheio de idéias malignas com o carrinho, esse carro é o Don Juan, não sei se você conhece o carro.
    Abraços e parabéns!!

    • Luciano Falconi

      Já tinha visto algumas fotos do seu carro, Rodrigo! Mas nunca soube detalhes! Bota ele pra rodar sim! Sempre rende muita diversão, neh! Abs!!!

      • Rodrigo Bastos

        Então Falconi, eu comprei ele montado, tem muita coisa a fazer, andei com ele em Bsb em julho como shakedown, agora vou devagar fazendo algo bacana.
        Abrs

  • Danilo Boros

    Opa, olha o Fiestinha Espanhol aí 😀

    Possuo um também, meu avó tirou ele 0Km e hoje está com 73000Km. Planejo deixa-lo original até receber placa preta, como já vi o pessoal comentando, algumas peças são até fáceis de se achar, mas tem algumas coisas impossíveis, tipo as calotas originais, as do meu foram roubadas em 2002, até agora consegui apenas 2 unidades, do modelo de 2 portas (o meu é 4).

    Muita gente comenta que o motor original dele é o Endura 1.3, mas pelo que andei pesquisando, o Fiesta Espanhol chegou no Brasil em 1995 com o HCS 1.3, que é uma revisão anterior ao Endura, mas também baseada no Ford Kent. Talvez por isso algumas peças sejam diferentes entre os modelos.

    Esse modelo do Fiesta tem um charme europeu muito especial hehe.

  • João Pensa

    Tava demorando pra aparecer por aqui….rs. Mais uma vez parabéns pelo capricho na montagem e pelos resultados…..e rumo aos 2:04 em Interlagos! 😉