A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Sessão da manhã

FuguZ: veja o Datsun 240Z de Sung Kang em ação e sua chegada ao SEMA Show 2015

Há pouco mais de um mês contamos aqui no FlatOut que Sung Kang, o Han Lue de “Velozes e Furiosos”, estava fazendo um Datsun 240Z para o SEMA Show. Pouco depois, mostramos aqui o progresso do carro e a contagem regressiva para o evento. Agora, finalmente chegou a hora de ver como foi a apresentação do carro na maior feira de carros modificados do planeta!

Você deve ter acompanhado as partes anteriores da minissérie de cinco episódios feita pelo Speed Channel. Nos três primeiros, Sung Kang contou como encontrou o carro (e como decidiu montar um 240Z); explicou suas intenções e influências e começou a colocar a mão na graxa com a ajuda de seus amigos e do pessoal da GReddy Racing. O que aconteceu depois está nos episódios 4 e 5, sendo que o último deles foi divulgado há apenas algumas horas.

O quarto episódio traz o momento que todos esperávamos: a primeira volta do FuguZ — o famoso shakedown antes do SEMA Show. Para refrescar sua memória: o carro é um Datsun 240Z 1973 equipado, originalmente, com um seis-em-linha de 2,4 litros e 151 cv. Muito bem conservado para um carro que estava parado havia anos, o 240Z custou a Sung Kang US$ 5.000 (cerca de R$ 18,8 mil) e, ao chegar à oficina da GReddy Racing em Irvine, na Califórnia, foi totalmente depenado para começar sua nova vida.

sung-kang-datsun (13) sung-kang-datsun (2)

A pintura marrom deu lugar ao mesmo tom de branco que era usado no Datsun 240Z na década de 1970, e o motor continuaria sendo um seis-em-linha da Nissan: um RB26DE, versão naturalmente aspirada do famoso RB26DETT do Skyline GT-R. Sem sobrealimentação, o motor desenvolve 217 cv originalmente — o que, honestamente, já seria um belo avanço em relação à mecânica original. Kang e o pessoal da GReddy decidiram que o motor continuaria naturalmente aspirado, e que o principal objetivo seria atingir algo entre 10.000 e 12.000 rpm.

Visualmente, o carro traz influências dos Datsun 240Z de competição da década de 70 — tendência que, aliás, tem sido muito forte entre os adeptos do “JDM”: para-lamas alargados, rodas de tala generosa e pintura clean, além de um interior que une acessórios de época e equipamentos de competição. Foi instalada té mesmo uma gaiola de proteção homologada pela SCCA, o Sports Car Club of America, e teoricamente pode participar de corridas de turismo promovidas pela organização.

dat-sung-kang

O carro foi comprado em abril deste ano, o que torna ainda mais impressionante a transformação do carro para o SEMA. Depois de pronto, a ideia era levá-lo rodando de Irvine a Los Angeles para o SEMA Show, mas Sung Kang decidiu que o melhor era conseguir um trailer, a fim de garantir que o carro chegasse lá com segurança.

No entanto, não houve meio de resistir, e Kang acabou encontrando uma estrada vazia, com uma longa reta e asfalto impecável, para curtir o FuguZ pela primeira vez. Mesmo que a gente só tenha acompanhado pela Internet, a milhares de quilômetros de distância, não há como não ficar feliz por ele.

Mas não acabou por aí: o quinto episódio mostra como foi a recepção do carro no SEMA Show. Sung Kang faz questão de dizer, algumas vezes, que a ideia original não tinha nada a ver com levar o carro para o SEMA Show — e que foram os próprios organizadores do evento que entraram em contato com ele para convidá-lo, há pouco mais de três meses.

11220797_1634816083434430_5240671915459417167_n

Isto acelerou bastante a conclusão do projeto, que a partir dali começou a ser o principal foco da atenção de todos os envolvidos. Foi um trabalho intensivo que durou pouco mais de dois meses — com diversas noites em claro dedicadas ao FuguZ. Mas, aparentemente, valeu a pena: o carro foi o centro das atenções em uma das áreas mais movimentadas do SEMA Show, e mais de 20.000 pessoas se juntaram para vê-lo funcionando no evento.

O ponto alto da noite, no entanto, foi a premiação. Desde 2003 o SEMA Show recebe Kazunori Yamauchi, da Polyphony Digital. O criador de Gran Turismo presenteia o melhor carro do evento com um troféu e a oportunidade de eternizá-lo em um título da série. Para a surpresa de Kang, seu Datsun foi o escolhido — o que significa que, em breve, você também poderá acelerar o carro dele… no PlayStation. Foi muito bacana a forma como Sung Kang compartilhou seu projeto com o mundo todo através da Internet — esta é uma das coisas legais que o fato de estarmos conectados o tempo todo nos traz. Só não gostamos de uma coisa: a GReddy Racing colocou o carro no dinamômetro mas não revelou o resultado… a gente adoraria saber quanto que o RB26 está rendendo. Até porque o ronco dele ficou animal!

Matérias relacionadas

Eau Rouge, 1991 a 2013: duas décadas na curva mais famosa de Spa Francorchamps

Dalmo Hernandes

Será que o Civic Type R é páreo para o Audi RS3 e o BMW M3?

Dalmo Hernandes

Leveza a 435 km/h: como nasceu o Hennessey Venom GT, o (outro) carro mais rápido do mundo

Dalmo Hernandes
error: Direitos autorais reservados