A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Gasolina com mais álcool “não afeta carros não-flex”, 250 concessionárias fechadas em 2015, Lamborghini prepara Huracán SV e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Carros não-flex podem usar gasolina com 27% de álcool sem danos, segundo fabricantes

gasolina

Desde o último dia 16 de março a gasolina comum brasileira (com ou sem aditivos) passou a ter 27% de álcool em sua composição e trouxe preocupações aos proprietários de veículos não-flex — novos ou antigos. A dúvida é quanto às consequências que o aumento no percentual de álcool poderiam trazer aos motores que não foram projetados para rodar com tal mistura.

A Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos (Anfavea) realizou testes com o novo “blend” da gasolina e enquanto os resultados não eram divulgados, recomendou que os carros não-flexíveis em combustível fossem abastecidos com as gasolinas premium, de maior octanagem e também mais caras, pois essas não tiveram o teor de álcool elevado.

Agora a Anfavea divulgou os resultados e afirmou que os carros não-flex podem usar a gasolina com 27% de etanol sem riscos, incluindo os modelos de injeção direta. Os testes foram realizados pela Comissão Interna de Energia e Meio Ambiente da Anfavea e a conclusão é que não foram encontradas evidências que impeçam o uso da gasolina com até 27,5% de álcool anidro “desde que o combustível tenha as mesmas caracaterísticas do combustível fornecido pela Petrobras para os testes”.

Os testes avaliaram o desempenho dos motores em vários aspectos, como partida a frio e a quente, temperatura do conversor catalítico, níveis de emissões e consumo e durabilidade do conjunto. Contudo, não foi esclarecido se há um aumento na carbonização no interior do motor, nem se houve variação no consumo de combustível.

 

Fenabrave diz que 250 concessionárias já foram fechadas só neste ano

carros-patio

As vendas de carros novos, que serão informadas amanhã pela Anfavea, fizeram mais vítimas do que apenas na indústria e seus metalúrgicos demitidos ou em férias. Os revendedores, obviamente, também sentem o baque.

Só neste ano, segundo Alarico Assumpção Júnior, presidente da Fenabrave (Federação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores), já foram fechadas 250 concessionárias, com a demissão de 12 mil pessoas.

O impacto entre fornecedores de peças e outras pontas da cadeia automotiva também devem ser impressionantes, mas ainda não ouvimos nenhum balanço vindo do Sindipeças a respeito. Assim que surgirem, a gente conta por aqui.

 

Lamborghini Huracán poderá ter versão Super Veloce

2017-Lamborghini-Huracan-SV-3

Recentemente a Lamborghini apresentou a versão Super Veloce do Aventador, uma variante mais leve e mais potente de seu modelo topo de linha. Historicamente as versões Super Veloce são reservadas aos modelos V12 da marca, caso do Miura, Diablo, Murciélago e agora o Aventador. Mas parece que isso está prestes a mudar.

O pessoal do Carscoops flagrou os engenheiros da Lamborghini pilotando o que parece uma mula de testes do Huracán Super Veloce. O modelo fotografado tem novos respiros na traseira e canos de escape na grade traseira. Além disso, o carro parece ter freios maiores que os do Huracán.

2017-Lamborghini-Huracan-SV-9

As evidências apontam que a Lamborghini pode estar aplicando a mesma dieta do Aventador Super Veloce para reduzir o peso do Huracán e fazê-lo acelerar, frear e contornar curvas com muito mais agilidade que o modelo básico, que já conta com 610 cv produzidos por seu v10 5.2. Ainda não há estimativa de lançamento, mas apostaríamos no Salão de Frankfurt, em setembro.

 

Peugeot mostra seu conceito Vision Gran Turismo

Peugeot-Vision-Gran-Turismo-4

A Peugeot revelou seu novo conceito Vision Gran Turismo para o game Gran Turismo 6 depois de uma série de teasers publicadas nos últimos meses. O modelo, que se chama apenas Peugeot Vision Gran Turismo, pesa 875 kg e tem 875 cv, resultando na relação peso/potência ideal de 1 kg/cv.

Peugeot-Vision-Gran-Turismo-1 Peugeot-Vision-Gran-Turismo-2

O motor é um 3.2 V6 em posição central-traseira combinado a uma caixa manual de seis marchas e a um sistema de tração integral que move as rodas de 22 polegadas na frente e 23 polegadas atrás. Com isso, o carro é capaz de acelerar de zero a 100 km/h em apenas 1,73 segundos (no game, claro).

Os freios são Brembo de carbono-cerâmica e medem 380 mm na frente e 337 mm atrás. Diferentemente de seus rivais da série Vision Gran Turismo, o Peugeot não tem apêndices aerodinâmicos além da asa móvel na traseira. Segundo a fabricante, a carroceria de apenas 1,04 m de altura é suficiente para “grudar o carro na pista”.

O Peugeot Vision Gran Turismo será oferecido em seis combinações de cores, e será lançado em uma futura atualização de Gran Turismo 6.

 

Nova geração do Linea estreará dia 22

fiat-viaggio_2

A nova geração do Fiat Linea já tem data marcada para estrear. Será em 22 de maio, para o público do Salão de Istambul, na Turquia. Isso porque aquele país será o primeiro a produzir o sedã, que deve se tornar verdadeiramente médio. Tanto que sua versão hatch deverá ser a substituta do Bravo.

Para os fãs de peruas, ele também terá uma versão station wagon, de acordo com o site Omniauto.it. Chamado por ora apenas de Fiat Compact Sedan, o modelo deve adotar um nome diferente de Linea, adotando o nome Bravo ou mesmo Panda. Aparentemente, ele não tem relação nenhuma com o Punto nem com sua próxima geração, desenvolvida sob o código X6H, que deve estrear no Brasil no fim de 2016 ou início de 2017, segundo o site Autos Segredos.

 

Os carros mais vendidos em abril de 2015

fiat_palio_sporting_14-620x380

As más notícias não dão trégua. As vendas no acumulado de janeiro a abril caíram 18,4% em 2015 em relação ao mesmo período do ano passado. Comparado a abril do ano passado, as vendas foram 24,4% mais baixas. Um mês para esquecer.

Em relação aos mais vendidos, o campeão foi o Fiat Palio, com 8.841 unidades, seguido por Chevrolet Onix (8.783), Hyundai HB20 (8.753), Fiat Strada (8.598), Fiat Uno (8.011), Ford Ka (7.845), VW Gol (7.524), Renault Sandero (7.328), Chevrolet Prisma (7.238) e Toyota Corolla (5.760).

Entre os SUVs pequenos, Honda HR-V ganhou de lavada, com 4.957 unidades. Quem aparece mais perto é o Ford EcoSport (2.920) e o Renault Duster (2.893), que venderam, juntos, 5.813 carros. Evitaram o vexame que o meio do mês antevia, de juntos não igualarem o Honda, com as promoções que os finais de mês e a necessidade de bater metas conseguem materializar.

 

Chevrolet faz recall do Captiva por falha no motor

captiva2011-1_960_640

A Chevrolet convocou ontem 16 unidades do Captiva, com motores 2.4 e V6 3.0, para inspeção e eventual troca do módulo eletrônico do chassi. Sujeito a curto circuito nestas unidades, ele pode provocar o desligamento do motor durante a utilização do carro, com consequências que nem é preciso citar para você, especialmente em um veículo automático.

Apesar do número baixo de unidades envolvidas, a Chevrolet não especificou quais são as unidades que devem comparecer às concessionárias. Fala apenas que são dos modelos 2011, 2012 e 2014, com chassis compreendidos entre BS557921 e ES538346 e fabricados de 27 de outubro de 2010 a 3 de setembro de 2013.

Para saber se seu Captiva está entre eles, verifique o número de chassi de seu carro neste link. Para ter mais informações sobre o recall em si, acesse o site de recalls da Chevrolet.

Matérias relacionadas

Mercedes lança Classe C conversível, Honda mostra novo Civic Hatchback, Fiat apresenta Tipo hatch e perua e mais!

Leonardo Contesini

Volkswagen envolvida em nova polêmica, Porsche 911 híbrido terá modo elétrico, BMW Série 8 Gran Coupé flagrado e mais!

Leonardo Contesini

Hipercarros em Le Mans: o que sabemos até agora sobre o novo regulamento e quais serão os futuros competidores

Leonardo Contesini