A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture Zero a 300

GM anuncia investimento de R$ 10 bilhões em SP, Mercedes GLC Coupé de cara nova, Equinox disfarçado no Brasil e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas (ou não) do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

Ainda não é assinante do FlatOut? Considere fazê-lo: além de nos ajudar a manter o site e o nosso canal funcionando, você terá acesso a uma série de matérias exclusivas para assinantes – como conteúdos técnicoshistórias de carros e pilotosavaliações e muito mais!

 

FLATOUTER

Membro especial, com todos os benefícios: acesso livre a todo o conteúdo do FlatOut, participação no grupo secreto no Facebook (fique próximo de nossa equipe!), descontos em nossa loja, oficinas e lojas parceiras!

A partir de

R$20,00 / mês

ASSINANTE

Plano feito na medida para quem quer acessar livremente todo o conteúdo do FlatOut, incluindo vídeos exclusivos para assinantes e FlatOuters.*

De R$14,90

por R$9,90 / mês

*Não há convite para participar do grupo secreto do FlatOut nem há descontos em nossa loja ou em parceiros.

 

General Motors anuncia investimento de R$ 10 bilhões em São Paulo

Depois de ameaçar sair do Brasil, a General Motors nunciou ontem (19) um plano para investir R$ 10 bilhões em suas fábricas paulistas. O comunicado aconteceu durante uma reunião do presidente da General Motors da América Latina, Carlos Zarlenga, com o governador do Estado de São Paulo, João Doria.

A General Motors vai aproveitar o programa IncentivAuto, anunciado há alguns dias, que concede descontos de até 25% no ICMS sobre bens produzidos em São Paulo. Para ter direito ao benefício, as empresas devem investir pelo menos R$ 1 bilhão e gerar ao menos 400 empregos.

Dos R$ 10 bilhões, metade será aplicada na unidade da Chevrolet em São José dos Campos, onde será fabricada a nova geração da picape S10. Segundo a GM, a medida criará os 400 empregos exigidos pelo governo de SP, e também preservará outros 13 mil. (DH)

 

Novo Fiat 500 só terá motor elétrico – e será um “Tesla Urbano”

Com 12 anos de idade, o Fiat 500 recebeu em 2016 um facelift (que nunca chegou ao Brasil). Fora isso, é praticamente o mesmo desde 2007. Mas os italianos estão, enfim, planejando uma nova geração. Só tem um detalhe: o novo 500 será exclusivamente elétrico.

O diretor de marketing da FCA, Olivier François, revelou à revista britânica AutoExpress que o novo 500 passará por uma mudança de filosofia. Ao menos na Europa, o atual 500 atende a quem procura um segundo carro estiloso e acessível. O próximo 500, porém, migrará para o segmento premium. François o definiu como um “Tesla urbano”, com uma nova plataforma, feita especialmente para um powertrain elétrico. No entanto, ele manterá sua essência, trazendo um visual inédito, porém ainda inspirado pelo 500 clássico.

A Fiat já tentou eletrificar o 500 uma vez: o Fiat 500e (o carro que aparece nas fotos) foi lançado em 2013, mas não emplacou – na verdade, cada unidade vendida trouxe prejuízo à FCA. (DH)

 

Peugeot considera fusão com Fiat Chrysler Automobiles

Por falar em FCA: a Peugeot declarou nesta semana que o grupo PSA pode se fundir com a gigante ítalo-americana. O anúncio veio durante uma entrevista do jornal francês Les Echos com Robert Peugeot.

Questionado sobre uma possível manobra de fusão com da PSA com a FCA, Peugeot afirmou: “com eles, assim como com outras empresas, os planetas podem se alinhar”. A ideia de fusão ganhou força após a compra da Opel, antiga divisão alemã da General Motors, concretizada entre 2016 e 2017. Peugeot descreveu a manobra como “um sucesso excepcional” – e, de fato, sob o guarda-chuva da PSA, a Opel voltou a gerar lucro, e o grupo tornou-se o segundo maior da Europa em participação no mercado em 2018, com 3,78 milhões de automóveis vendidos.

Caso decida comprar a FCA, a PSA terá à disposição marcas como Fiat, Jeep, Dodge, Alfa Romeo e Maserati. No entanto, será preciso disputar a atenção da Fiat Chrysler com outra gigante: a Hyundai, que já anunciou que tentará um acordo com a FCA em maio deste ano. (DH)

 

Cadillac não quer dividir seu novo motor V8 com outras marcas do grupo

A Cadillac apresentou no mês passado seu novo sedã esportivo, o CT6-V, movido por um V8 biturbo de 4,2 litros com 558 cv e 86,7 kgfm de torque. O motor, chamado Blackwing, também será disponibilizado no CT6 Platinum, versão de topo mais voltada ao luxo. E a Cadillac não quer emprestá-lo a nenhuma outra marca do grupo.

Porém, em uma entrevista aos americanos da Motor Trend, o presidente da Cadillac, Steve Carlisle, foi categórico quanto a esta possibilidade. “Só por cima do meu cadáver”, declarou.

Já rolaram boatos de que o Chevrolet Corvette C8, previsto para ser revelado ainda este ano, traria o V8 Blackwing atrás dos bancos dianteiros – agora, sabemos que isto provavelmente não vai acontecer. Com comando duplo no cabeçote, o motor Blackwing é bem mais sofisticado que o atual V8 LS usado pelo Corvette C7, que ainda usa comando no bloco atuado por varetas – algo que, na verdade, é considerado parte da essência do Corvette. Com a mudança no layout do esportivo, porém, esta seria a hora perfeita para adotar algo mais atual. (DH)

 

Mercedes apresenta facelift do GLC Coupé

Depois do GLC, agora é a vez do Mercedes GLC Coupé ganhar retoques estéticos, novos motores e o novo sistema multimídia da marca. O modelo foi revelado nesta quarta-feira (20) com mudança sutis na dianteira e na traseira, novas rodas e um interior renovado.

Na dianteira as mudanças se limitam ao para-choques que foi redesenhado, com novos dutos e tomadas de ar e uma nova grade. Na traseira, as lanternas são novas, bem como o difusor de ar e as saídas de escape.

As mudanças mais significativas aconteceram na cabine, que passou a adotar o sistema MBUX, que integra o quadro de instrumentos digital à tela central e conta com um programa assistente pessoal, com comandos por voz, além dos controles dos sistemas auxiliares e dos modos de condução do carro.

Sob o capô o GLC também tem mudanças extensas: dois motores a gasolina do tipo híbrido leve (o sistema EQ Boost da Mercedes) e três motores a diesel convencionais, todos combinados ao sistema de tração nas quatro rodas 4Matic.

O modelo de entrada (lá fora) é o GLC200, que combina um motor 1.5 turbo com um motor elétrico de 48 volts para produzir 194 cv e 32,5 kgfm. Acima dele vem o GLC300, que usa o mesmo 2.0 turbo do C300, também combinado ao motor de 48 volts para produzir 257 cv e 37,5 kgfm.

A linha diesel vem com o GLC200d, que usa um motor 1.6 biturbo de 160 cv e 36,5 kgfm; o GLC220d e o GLC300d, ambos com um 2.0 turbodiesel de quatro cilindros. O primeiro tem 190 cv e 40,5 kgfm, enquanto o segundo tem 240 cv e 50,5 kgfm.

No Brasil, é provável que a Mercedes ofereça o GLC300 como opção a gasolina e o GLC300d como opção a diesel. O modelo ainda não tem data para chegar. (LC)

 

Chevrolet Equinox é flagrado com disfarces em SP. Facelift a caminho?

O Chevrolet Equinox mal entrou em seu segundo ano no mercado brasileiro, mas aparentemente está prestes a ganhar retoques visuais na dianteira. Nos EUA ele terá um facelift extenso, com novos faróis, grade, lanternas e parachoques. Por aqui, ele parece mais discreto, como mostram as fotos feitas pelo leitor Walther Nucci.

O modelo flagrado estava parcialmente coberto, com a capa do disfarce solta na traseira (parecendo ter atropelado uma sacola de supermercado gigante), o que nos permitiu ver que não haverá novidades na lanterna, tampa do porta-malas e saídas de escape, diferentemente do modelo americano. O que é particularmente intrigante é que a dianteira, apesar de coberta, permitiu vermos o formato das luzes diurnas e elas parecem exatamente as mesmas do atual.

Será este um facelift local ou alguém decidiu passear com a proteção usada nos navios que transportam os carros do México para o Brasil? (LC)

 

BMW Série 2 Gran Coupé não terá tração traseira

A BMW divulgou hoje o primeiro teaser do seu novo Série 2 Gran Coupé, a versão de quatro portas da Série 2, que concorrerá com o Mercedes CLA e com o Audi A3 Sedan. O modelo será revelado somente em novembro, mas já é sabido que ele irá compartilhar a plataforma com a próxima Série 1 e com os modelos da Mini. 

Isso significa que o cupê-sedã não terá tração traseira como sua versão cupê verdadeira. Em vez disso, ele terá tração dianteira (sDrive) nas versões de entrada e tração nas quatro rodas (xDrive) nas versões de topo.  Embora fosse uma tradição da BMW, a tração traseira já foi abandonada pela marca no Série 2 Active Tourer e na atual geração do BMW X1, o que ajuda a reduzir os custos e tornar os modelos mais competitivos frente à concorrência. (LC)

 

Novo Lister LFT-C é um roadster que pode passar de 330 km/h

A Lister apresentou hoje (20) o LFT-C, seu roadster mais rápido já feito. Ele é baseado no Jaguar F-Type e é a versão aberta do Lister LFT-666. O LFT-C compartilha o motor V8 5.0 supercharged de 666 cv do coupé, 124 cv mais potente que o F-Type SVR.

A Lister não divulgou números de desempenho, apena revelou que o carro fará de zero a 100 km/h em pouco mais de três segundos e terá velocidade máxima acima de 330 km/h. O LFT-C tem painéis da carroceria feitos em fibra de carbono e kit aerodinâmico novos.

Apenas 10 unidades serão feitas, todas numeradas. Quem tiver um F-Type pode comprar o body-kit, o conjunto de preparação ou a suspensão da Lister separados. (ER)

Matérias relacionadas

Gear Knobs pode ser o nome do novo programa de Clarkson, Hammond e May, Honda NSX e novo Camaro ZL1 em Nürburgring, um supercarro V12 da Mercedes-AMG e mais!

Leonardo Contesini

Um Lamborghini Countach e um Diablo à venda na mesma loja – e você só pode comprar um. Qual vai ser?

Dalmo Hernandes

O Aston Martin original de James Bond pode ter sido encontrado depois de 20 anos desaparecido

Leonardo Contesini