A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Grave acidente com Justin Wilson na Indy, avenidas de SP podem ser fechadas nos domingos, o novo super-blindado militar da Lockheed e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Piloto Justin Wilson fica em estado crítico depois de ser atingido por detrito de acidente

Um acidente inusitado no Pocono Raceway, pela IndyCar, deixou o piloto Justin Wilson em coma e em estado crítico neste domingo. Wilson estava bem atrás de Sage Karem, do carro número 8, quando este bateu no muro e perdeu, entre outras tantas peças, o nariz de seu carro. Feita de fibra de carbono, ela quicou na pista e acertou a cabeça de Wilson, que dirigia o carro 25, da equipe Andretti Autosport Honda. Apesar de ser uma peça leve, a alta velocidade atingida pelos carros da Indy nos ovais agravou o impacto com Wilson.

Wilson perde o controle instantaneamente e bate numa barreira de pneus. Foi levado de helicóptero para o hospital Lehigh Valley Health Network Cedar Crest, onde chegou inconsciente e sem apresentar reação a estímulos. Wilson está em coma e em estado crítico. Fica nossa energia positiva para que o cara saia dessa rapidamente. Aparentemente, ele vai precisar de toda corrente de boas vibrações que puder receber.

 

Prefeitura de SP pretende fechar algumas avenidas de toda a cidade nos fins de semana

Cicloviaavenida-Paulista-Fernando-Haddad-Foto-André-Tambucci-Fotos-Públicas-650x403

Neste fim de semana, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, participou do último teste antes da decisão final sobre o fechamento da Av. Paulista nos domingos – na qual a Companhia de Engenharia de Tráfego colheu informações nos hospitais, condomínios e clubes da região para analisar o impacto do possível fechamento.

Na ocasião, Haddad afirmou que a ideia de fechar a Paulista nos domingos faz parte de um projeto maior, que deve se estender para avenidas de todas as regiões da cidade e se tornar uma política permanente. A intenção da prefeitura é fechar ao menos uma via em cada uma das 32 subprefeituras da capital em todos os fins de semana para realização das “ruas de lazer”.

 

CEO da Aston Martin chama modo insano de velocidade do Tesla Model S de estúpido

Modo Insane, um pouco mais lento que o Ludicrous

Andy Palmer, que saiu da Nissan para comandar a Aston Martin, mostrou que não guarda o que pensa para si mesmo. Depois que a empresa britânica anunciou que fará uma versão elétrica do Rapide dentro de dois anos, com 812 cv, o executivo chamou o modo Ludicrous de velocidade do Tesla Model S, que promete 0 a 96 km/h em 2,8 s, de “estúpido” em uma entrevista ao site Automotive News.

“Não faremos Ludicrous (insano) porque velocidade insana é algo estúpido. Acho que o fato de você poder dar algumas voltas em um circuito decente ou botar seu carro no Norschleife é muito mais interessante do que andar 500 metros no modo Ludicrous”, disse Palmer.

 

Humvee será substituído pelo JLTV

O reinado do Humvee no Exército americano pode estar próximo de chegar ao fim. O governo americano agora quer o desenvolvimento do JLTV, sigla de Joint Light Tactical Vehicle, ou veículo tático leve, em tradução livre. O programa, que prevê a construção de 55 mil blindados médios, com investimento de US$ 30 bilhões, é disputado por três empresas: AM General, que ainda constrói os Humvee, a Oshkosh e a Lockheed Martin, fabricante dos aviões Boeing e do caça F-35.

O protótipo desta última vem equipado com motor turbodiesel Cummins de quatro cilindros e 4,5 litros, que consegue uma economia de 6 km/l, este blindado médio de 11 toneladas atinge a velocidade máxima de 110 km/h.

Capaz de portar metralhadoras de 7.62 mm ou 12.7 mm, o modelo já foi testado por 100 mil milhas. Ao contrário do Humvee, ele é blindado, como já dissemos, mas tem a mesma capacidade off-road do predecessor. E era esse seu objetivo final: ser um veículo capaz de proteger seus ocupantes, mas também de chegar aonde poucos outros modelos poderiam.

A escolha final do fabricante do novo JLTV será feita em 1º de outubro.

 

Concessionária Rolls-Royce em São Paulo amanhece pichada

11223895_859144820842224_8455440711595494456_n

A ofensiva contra o automóvel em São Paulo ganhou contornos no mínimo tristes nesta segunda-feira. A única concessionária Rolls-Royce do país amanheceu hoje pichada de ponta a ponta. Para quem gosta de belos automóveis pelas nossas ruas, ainda que apenas para uns poucos privilegiados, olhar a fachada da revenda deste jeito, como flagraram nossos amigos do site Exclusivos do Brasil, é de dar um nó na garganta.

 

Prefeitura de SP abre mão de sua parte do IPVA para carros não poluentes

bmw-i3-brasil-04

Sabia que 50% do valor do IPVA é revertido para a prefeitura em que o carro é emplacado? Pois é desse montante que a Prefeitura de São Paulo resolveu abrir mão para estimular as vendas de “veículos automotores movidos à base de energia elétrica ou a hidrogênio”.

Com a medida, assinada pelo prefeito Fernando Haddad e publicada no Diário Oficial do Município no último sábado, a lei municipal 15.997, promulgada em maio do ano passado, foi regulamentada e começa a produzir seus efeitos. Ela inclui entre os modelos movidos por energia elétrica os híbridos, como o Toyota Prius, vendido hoje a R$ 114.350, e o Ford Fusion Hybrid, que custa R$ 142 mil.

O único elétrico oficialmente à venda no Brasil, o BMW i3, que tem preço de R$ 199.950, fica de fora do benefício, limitado pela prefeitura para carros que custam até R$ 150 mil. Neste limite, a prefeitura já estaria abrindo mão de R$ 3.000, ou 2% dos R$ 150 mil. No caso do BMW, o valor ficaria próximo de R$ 4.000.

A medida vale apenas para os primeiros cinco anos de uso do veículo, de acordo com a lei 15.997, provavelmente para estimular a compra de novos modelos alternativos. Se o valor dos veículos não sofresse depreciação, a isenção representaria uma economia de 10% do valor de compra. No limite, de R$ 15 mil, mas não é assim que a coisa vai funcionar. Os que tiverem mais de cinco anos de uso, por outro lado, devem perder um bocado de valor na hora da revenda.

Matérias relacionadas

Os carros mais vendidos em maio, Porsche terá pinturas clássicas em Le Mans, a volta dos Alfa Romeo GTV e 8C e mais!

Leonardo Contesini

Rio de Janeiro terá circuito em Forza 6, o golpe da multa falsa, o trailer do novo game Need For Speed e mais!

Leonardo Contesini

Alonso vence as 6 Horas de Spa, Pietro Fittipaldi sofre grave acidente e está fora da Indy 500, interior do novo BMW Série 8 é flagrado e mais!

Leonardo Contesini