A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Guia de Compra

Guia de compra: BMW M3 E36

O mercado de usados está repleto de esportivos que dividiam sua estante de revistas com as gatas da sua adolescência. O problema é que sem orientação você pode transformar seu carro dos sonhos em um pesadelo, e é por isso que preparamos este guia de compra de esportivos usados. O carro da vez é BMW M3 E36.

O BMW M3 chegou ao Brasil pouco depois do seu lançamento, em 1993. Na época as importações independentes já eram bem comuns, e por isso você encontra modelos de especificação americana e europeia dividindo o mercado de usados.

Se você quer o melhor M3 E36, fique com o europeu — que é mais caro, mas também é muito mais carro. Além das diferenças estéticas (volante e para-choques), o europeu vinha de fábrica com 286 cv e 32,5 mkgf. O americano era submetido às leis de emissões de poluentes dos EUA, que reduziram a potência para 243 cv e o torque para 31 mkgf. Na prática a arrancada é a mesma: o americano chega aos 100 km/h em 5,6 segundos enquanto o europeu precisa de 5,4. Mas a velocidade final é significativamente reduzida a apenas 220 km/h, enquanto o europeu chega aos 250 km/h — o que não faz muita diferença no Mundo Encantado dos Radares de Trânsito.

Em 1995 o BMW M3 parou de ser importado, e só voltou em 1998, seu último ano de vida, com o renovado motor 3.2 de 321 cv (a 7.400 rpm) e 35,6 mkgf (a 3.250 rpm) e câmbio semi-automático sequencial de seis marchas.

BMW-M3-E36-guia-de-compra-001-640x391

Os preços variam de R$ 40.000 a R$ 60.000, e embora o carro tenha ficado mais acessível, é preciso ter em mente que sua manutenção continua compatível com o nível de desempenho que o carro entrega.

Como todo carro usado, você precisa ter alguns cuidados na hora de escolher o modelo a arrematar. Por ser um esportivo de alto padrão (para a época) uma volta com o carro e atenção aos ruídos de funcionamento não é suficiente para encontrar o carro certo. Ao comprar um esportivo importado, é essencial que você conheça a fundo o carro que está comprando. Por isso vamos explicar quais os problemas mais comuns no M3 E36 e o que você deve ficar de olho ao inspecionar o carro.

Fique de olho

BMW-M3-E36-guia-de-compra-004-640x381

Sistema de arrefecimento

O encaixe da mangueira do radiador é feito de plástico, e se ele estiver fragilizado ou quebrado, a mangueira se solta e ocasiona o vazamento do líquido, deixando o motor sem arrefecimento, o que pode levar à queima de juntas, que causa danos severos ao motor. Verifique o estado das mangueiras, da bomba d’água (que dura, em média 60.000 km) e da carcaça do termostato, que também é de plástico e pode se quebrar.

Transmissão

Verifique os suportes do câmbio e a regulagem do trambulador. Engates imprecisos ou duros e marchas arranhando podem ser indícios de que há alguma folga ou ajuste mal realizado. Quanto à manutenção pergunte ao vendedor quando é feita a troca do óleo e filtro do câmbio e do diferencial, mas não deixe ele perceber que você sabe os prazos, assim você desmascara um vendedor pseudo-entendido/desonesto.

Suspensão

A suspensão, em conjunto com os pneus, é responsável por boa parte do comportamento dinâmico do carro. Para isso a divisão M adotou molas e amortecedores especiais para a M3.  Os amortecedores originais geralmente passam dos 100.000 km, mas isso não impede que você encontre um carro que “só precisa trocar os amortecedores”. Verifique se eles ainda são originais (eles são pretos, com etiqueta da BMW na qual consta o nome do fornecedor (Sachs). Se não forem, pergunte para o vendedor qual o motivo da troca, e a marca e o modelo das peças novas.

Verífique também os coxins dos amortecedores e as buchas dos braços de controle traseiros, dois pontos que exigem atenção nos M3.

Motor

O motor S50 é uma variação do robusto e confiável M50, aprimorado com borboletas individuais para cada cilindro, taxa de compressão aumentada para 11,3:1, pistões mais leves, volante bimassa, válvulas de admissão maiores, bomba de óleo auxiliar, e o sistema de variação de comando das válvulas de admissão e escape desenvolvido pela BMW, chamado VANOS. É comum encontrar relatos de falhas no anel de vedação ou ainda ruído excessivo no VANOS.

Preço das peças

O BMW M3 é um esportivo de alto desempenho para os padrões da época, por isso as peças de reposição também precisam ser de alto desempenho — pneus e amortecedores, inclusive. Falando nisso, aqui vai uma dica: repare no jogo de pneus usados no carro. Marcas de segunda linha podem indicar que o proprietário economiza na manutenção do jeito errado.

Antes de falar em preços, anote outra dica: as peças mecânicas são bem mais baratas se compradas em lojas especializadas ou importadas diretamente (veja como fazer isso neste post). Já os filtros são apenas sensivelmente mais caros na autorizada,  mas como se tratam de peças originais do fabricante, vale a pena pagar por elas. Os fluidos você pode comprar os mais baratos que encontrar, desde que atendam às especificações do manual/fabricante.

Jalopnik-2013-07-10-às-19.51.53

Amortecedores: usar modelos genéricos para os Série 3 comuns matará o desempenho do carro. Um par de amortecedores dianteiros da Bilstein custa, em média, US$ 450 (R$ 615 + impostos) e o par traseiro é encontrado por volta de US$ 350. Também há kits mais radicais, que variam entre US$ 700 e US$ 1.100. Se precisar de coxins e batentes, reserve mais US$ 50 por cada par.

Jogo de pneus: em um carro como o M3 os compostos dos pneus são essenciais para aproveitar todo o potencial do conjunto mecânico. Lembre-se que este é um carro que chega a 250 km/h, por isso você precisa de pneus de índice de velocidade W (até 270 km/h). Felizmente esta é a especificação mais comum dos pneus nas medidas originais do M3: o par de 225/45 R17 usado na dianteira custa entre R$ 1.600 e R$ 3.000, enquanto o par traseiro, de medidas 245/40 R17, responsável pela tração do carro, vai de R$ 2.000 a R$ 4.000.

Embreagem: é outro componente específico do M3. O volante bimassa exclusivo da versão esportiva tem a função de suavizar a vibração do motor, mas exige um kit de embreagem diferente dos demais. A substituição por um volante convencional permite o uso da embreagem dos modelos mais simples da BMW, mas você perde desempenho e conforto. Um kit original custa cerca de US$ 300. Da mesma forma que os amortecedores, há várias opções de kits cerâmicos de alto desempenho, que custam a partir de US$ 500.

Filtros: os componentes que você trocará com mais frequência serão os filtros. O filtro de ar do motor é o mesmo usado por vários modelos da BMW, e custa R$ 150 na rede autorizada. Se você curte modificações leves, um filtro esportivo K&N fica entre R$ 250 e R$ 300.

O filtro de óleo do motor também é comum a vários modelos. Ele pode ser encontrado por R$ 75, em média, também na rede autorizada, e deve ser trocado junto com o óleo. Depois há o filtro de combustível, vendido por R$ 210 nas autorizadas.

BMW-M3-E36-guia-de-compra-006-640x480

Óleo: o motor precisa de 6,5 litros de óleo 5w40 para manter-se lubrificado, e é trocado, em média, a cada 7.500 km (a ECU indica o momento da troca por meio de um gráfico em barras no painel, que leva em consideração algumas variáveis como horas de funcionamento e quilometragem rodada). Custando R$ 55 por litro, você precisará desembolsar R$ 360 pelos 6,5 litros.

O óleo do câmbio tem seu prazo de troca variado de acordo com o uso, mas em geral recomenda-se a troca a cada 50.000 km ou dois anos. Você precisará de 1,2 litro de óleo 75w90 vendido a R$ 250 por litro na autorizada.

Conclusão

BMW-M3-E36-guia-de-compra-005-640x365

Como você pôde notar, o M3 E36 está bem mais barato, mas sua manutenção continua cobrando caro pela capacidade do conjunto mecânico. Tenha em mente também que um carro de segunda mão sempre estará mais sujeito a problemas que um carro usado desde novo por você, e esses problemas podem sair bem caros em um BMW M3. Porém, se bem cuidado, a engenharia alemã dos anos 90 garantirá um casamento duradouro, e muita diversão ao volante.

 

Matérias relacionadas

Guia de compra: Porsche 911 — tudo o que você precisa saber para comprar um usado

Leonardo Contesini

Guia de compra: Subaru WRX 2000 a 2007

Leonardo Contesini

Quais são as peruas mais legais que você pode comprar gastando entre R$ 30 mil e R$ 40 mil?

Dalmo Hernandes