A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Lançamentos Notícias

Hyundai lança novo Elantra no Brasil. Para brigar com quem?

A Hyundai está lançando no Brasil a sexta geração do Elantra, que não é exatamente uma nova geração, mas tem mudanças visuais suficientes para que a fabricante coreana a tratasse dessa forma.

O modelo ganhou visual mais conservador, o que não é ruim considerando o excesso de vincos e dobras do seu antecessor. A grade dianteira passou a adotar o formato hexagonal dos demais modelos da marca, novos faróis mais estreitos (e até parecidos com o do atual Ford Focus), e novas tomadas de ar integradas aos faróis de neblina. Na traseira as mudanças foram sutis, limitando-se às lanternas e para-choques.

melhor-traseira-do-mundo

Por dentro a mudança foi mais marcante: o painel adotou um estilo mais sóbrio e voltado para o motorista, chegando a lembrar vagamente o do novo Civic. Os materiais continuam de qualidade e são macios como no anterior.

Hyundai-Elantra-2017-7

A Hyundai oferece uma série de motores turbo downsized no Elantra em outros mercados, porém no modelo vendido no Brasil o motor continua o mesmo 2.0 flex do modelo anterior. A diferença é que agora ele perdeu 11 cv e 1,1 mkgf (sim, perdeu) e em vez dos 178 cv e 21,5 mkgf ele agora produz 167 cv e 20,6 mkgf. O motivo? Redução de emissões — algo que também poderia ser resolvido com um motor turbo downsized.

O novo Elantra (que a Hyundai chama de melhor sedã do mundo “New Elantra”) será oferecido em três versões. A versão de entrada (que não tem nome próprio) custa R$ 85.000 e vem equipada com ar-condicionado, retrovisores externos elétricos com aquecimento, seis airbags (frontais, laterais, e de cortina), cruise control e volante multifuncional.

Hyundai-Elantra-2017-3

 

Logo acima está a versão intermediária Special Edition, de R$ 104.000, que acrescenta à lista básica a abertura do porta-malas por aproximação, chave presencial com partida do motor por botão, sistema multimídia com GPS, Bluetooth, USB e câmera de ré, bancos com ajustes elétricos, sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, sensor de chuva, revestimento de couro no volante, bancos e manopla do câmbio, além de LEDs nos faróis.

Hyundai-Elantra-2017-1

A versão topo-de-linha, que também não tem nome, ainda acrescenta assistente de ponto cego, faróis de xenônio, airbag para joelhos, seletor de modos de condução, rebatimento elétrico dos espelhos, teto solar e controle de estabilidade. O preço é R$ 115.000.

Matérias relacionadas

Como é? A Lamborghini está trabalhando em um hipercarro elétrico?

Leonardo Contesini

Novo Need for Speed Payback é revelado e traz imagem vazada do novo BMW M5

Dalmo Hernandes

Ariel Atom 3.5R: 350 cv e 550 kg — o que mais você precisa para um track day?

Dalmo Hernandes