A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Hyundai revela novo HB20, Chevrolet divulga preços e dados do Onix aspirado, o novo trailer Ford vs. Ferrari e mais!

Bom dia, caros leitores! Bem-vindos ao Zero a 300, a nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere conosco.

O Zero a 300 é um oferecimento do Autoline, o site de compra e venda de veículos do Bradesco Financiamentos. Nesta parceria, o FlatOut também apresentará avaliações de diversos carros no canal de YouTube do Autoline – então, clique aqui e se inscreva agora mesmo (e não esqueça de ativar o sininho)!

 

Hyundai HB20 2020 é lançado e parte de R$ 46.490

A Hyundai, enfim, revelou por completo a nova geração do compacto HB20. O modelo de entrada da marca ganhou uma plataforma atualizada, derivada da primeira, porém com maior proporção de aços de ultra. O resistência. E o visual também evoluiu, com traços mais “esticados”.

Já o interior, que finalmente conseguimos ver, evoluiu mais com formas horizontalizadas, acabamento aparentemente mais refinado e, nas versões mais caras, uma central multimídia com tela “flutuante”. O painel é parcialmente digital, com um conta-giros de ponteiro.

A Hyundai já apresentou de uma vez o HB20 hatch, o sedã HB20S e o aventureiro HB20X. O sedã traz clara inspiração no Hyundai Elantra, enquanto o HB20X parece buscar traços no SUV Kona, vendido lá fora e cotado para o Brasil.

A grande novidade do novo HB20 é o motor 1.0 turbo de três cilindros, com injeção direta GDi. Voltado às versões de topo, ele desenvolve 120 cv e 17,5 kgfm de torque – um bom salto se comparado ao antigo, que tinha 105 cv e 15 kgfm de torque. As versões intermediárias seguirão usando o motor 1.6, agora com 130 cv e 16,5 kgfm de torque. E a versão de entrada seguirá com o 1.0 naturalmente aspirado de 80 cv e 10,2 kgfm.

Confira todos e detalhes e versões no post especial que publicaremos às 14h. Fique de olho! (DH)

 

Este é o segundo trailer de Ford vs. Ferrari

Com a estreia de Ford vs. Ferrari se aproximando, a Fox lançou mais um trailer do filme. Desta vez trata-se de uma versão estendida do clipe divulgado no início do ano, que mostra mais detalhes do envolvimento de Shelby com a Ford e Ken Miles e nos permite uma melhor impressão sobre a caracterização dos personagens.

A impressão de que Matt Damon não combina com o perfil de Carroll Shelby continua, mas Christian Bale pareceu convincente como Ken Miles. Os carros são fieis aos originais, mas a computação gráfica parece dominar as cenas de ação de um jeito não muito convincente como em Rush. Conhecendo a história e vendo como ela foi retratada no trailer, parece que a Fox conseguiu fazer uma adaptação com apelo suficiente para o grande público enquanto manteve detalhes que falam aos entusiastas, como a precisão dos modelos em relação à época, as carrocerias corretas para os Shelby, as versões corretas para as Ferrari e a personalidade de cada protagonista.

Uma pena que já sabemos como essa história termina — o que não reduz de forma alguma o interesse pelo filme. Só espero que o destino de Ken Miles não seja mostrado no filme, mas em forma de epílogo. (LC)

 

Chevrolet revela potência do novo motor 1.0 aspirado e preços do Onix hatch

Depois de lançar o sedã Onix Plus com motor 1.0 turbo, a Chevrolet revelou os preços e especificações do Onix hatch e do motor 1.0 aspirado. O Onix hatch é novidade mundial, na China o carro é vendido apenas como sedã. O hatch vem com lanternas mais retangulares, com estilo que lembra as lanternas da primeira geração do Onix. O aplique de plástico simulando uma janela na coluna C foi mantido.

O motor 1.0 aspirado produz 82 cv e 10,6 kgfm, o antigo 1.0 de quatro cilindros SPE/4 da primeira geração do Onix produz 80 cv e 9,8 kgfm. O motor aspirado virá na versão de entrada do Onix Plus e na versão de entrada e LT do Onix hatch, sempre equipado com cambio manual de seis marchas. A Chevrolet não divulgou números de desempenho e de consumo dos carros equipados com motor aspirado.

O Onix Plus já está a caminho das concessionárias, a versão hatch vai demorar um pouco e chega só em novembro. Confira abaixo todas as versões e preços do Onix hatch. (ER)

  • Onix 1.0 manual – R$ 48.490
  • Onix LT 1.0 manual – R$ 51.590
  • Onix 1.0 Turbo automático – R$ 55.590
  • Onix 1.0 LT Turbo manual – R$ 57.590
  • Onix 1.0 LT Turbo automático – R$ 62.890
  • Onix 1.0 LTZ Turbo manual – R$ 60.990
  • Onix 1.0 LTZ Turbo automático – R$ 66.290
  • Onix 1.0 Premier Turbo – R$ 69.990

 

Diretor técnico da Ferrari divulga detalhes sobre o SUV/crossover da marca

O crossover da Ferrari ainda está a dois anos de seu lançamento, mas o diretor técnico da Ferrari, Michael Leiters, revelou alguns detalhes do modelo à revista britânica Autocar. Segundo Leiters, Purosangue é o nome do projeto dos novos modelos GT da marca, e não apenas do crossover — que atualmente é identificado pelo código 175.

Leiters disse que a Ferrari conseguiu encontrar um conceito que é um “verdadeiro SUV”, que irá convencer os compradores de SUV, mas ao mesmo tempo é muito diferente dos atuais SUV — o que reforça nossas suspeitas de que ele será um “GT crossover”. O modelo será baseado na nova arquitetura de motor dianteiro que está sendo desenvolvida pela Ferrari para as sucessoras da GTC4Lusso e da 812, e que poderá acomodar motores V6, V8 e V12, com ou sem assistência híbrida, transeixo com embreagem dupla, tração traseira ou nas quatro rodas, cabines de dois, quatro ou 2+2 lugares, entre-eixos variados, cupês, Spiders ou grã-turismos e altura de rodagem baixa ou elevada.

Isso não diz muito sobre o SUV em si, mas nos parece claro que ele terá quatro lugares, altura de rodagem elevada e powertrain híbrido plug-in derivado da SF90. Um detalhe curioso é que ele terá um transeixo, o que ocupa boa parte do espaço normalmente destinado à bagagem e aos passageiros do banco traseiro.

Considerando estas características genéricas de sua plataforma, não estamos plenamente convencidos de que a Ferrari fará mesmo um SUV tradicional como o Alfa Romeo Stelvio ou o Maserati Levante. Na verdade, tudo isso — especialmente o compartilhamento de plataforma com os modelos GT — só reforça a impressão de que o SUV da Ferrari está mais para um GTC4Lusso crossover. (LC)

 

Mazda MX-5 quebra recorde de “maior quantidade de hairpins em sequência”

Em uma estrada montanhosa na Áustria, um Mazda MX-5 quebrou um recorde curioso: o de maior quantidade de “hairpins” feitos em sequência. Aconteceu no último dia 17 de julho, mas só agora a fabricante divulgou o feito.

O recorde foi quebrado usando um MX-5 de primeira geração (oh, yeah!) modificado pela equipe “Mazda Garage”. Começando às 19:00, os pilotos Niki Schelle, Stefan Novitzki, Jan Spieb e Cyndie Alleman revezaram ao volante do roadster, contornando 2.900 grampos em 12 horas – nada menos que 1.400 a mais do que o recorde anterior.

Segundo a Mazda, todo o processo foi registrado usando um sinal de GPS ligado e sensores foto-elétricos, a fim de garantir a validade de cada curva. A fabricante afirma que, de acordo com os critérios do RID Rekord Institute, da Alemanha, um grampo é uma curva com ângulo entre 150° e 180°.

A ideia por trás do recorde é comemorar os 30 anos do Mazda MX-5, que foi lançado em 1989 e tornou-se um dos esportivos de baixo custo mais adorados pelos entusiastas. E com razão. (DH)

 

Versão esportiva do ID.3 está nos planos da Volkswagen

O ID.3 representa uma nova era na Volkswagen, mas isso não significa que ele vai matar a tradição dos hot hacthes da marca. Em entrevista para a revista britânica Autocar, Jurgen Stackmann, chefe de vendas da VW, o futuro da linha R é elétrico e o primeiro carro dessa nova fase da divisão esportiva será um Touareg R híbrido plug-in.

O executivo diz que em menos de cinco anos a VW será capaz de entregar uma versão esportiva elétrica que consegue balancear desempenho sem perder autonomia. Já Frank Welsch, chefe de desenvolvimento da VW, diz que o ID.3 R é uma das principais prioridades da engenharia para otimizar o elétrico nos próximos anos.

O ID.3 tem tempo de aceleração de zero a 100 km/h mais rápido que o Golf GTI, mas leva desvantagem em altas velocidades. Welsch diz que um ID.3 R teria tração integral e motores elétricos mais potentes, o carro certamente não seria chamado de GTI. (ER)

 

Planos de uma nova Ferrari Dino foram engavetados

Já faz um tempo que a Ferrari planeja lançar uma nova Dino, sendo confirmado até por Sergio Marchionne. A nova Dino seria uma opção mais acessível de esportivo com motor central para competir com o Porsche 911. Em entrevista a revista Autocar o chefe comercial da Ferrari, Enrico Galliera, afirmou que a nova Dino não está nos planos de curto prazo da Ferrari, mas o carro não foi completamente descartado.

A Ferrari tem um plano de lançar 15 modelos novos até 2022, sendo que quatro deles já foram lançados em 2019 e nenhum deles é posicionado como modelo de entrada como a Dino. Galliera diz que a Ferrari está redesenhando o seu posicionamento no mercado e não tem necessidade de um carro mais acessível nesse plano. (ER)

Matérias relacionadas

Isto não é uma Kombi tombada. É um carro de corrida

Leonardo Contesini

“O matador de Ferrari”: a história do BMW M8 de 560 cv que nunca foi lançado

Leonardo Contesini

Fiat 147 Sorpasso: a versão mais rara e potente que o 147 já teve… na Argentina

Dalmo Hernandes