FlatOut!
Image default
Zero a 300

Interlagos poderá ter condomínios, Fiat Argo se envolve em acidente durante testes, a futura Ferrari 488 GTO em testes e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Privatização de Interlagos prevê condomínio residencial

interlagos

Depois de confirmar a privatização de Interlagos, a prefeitura de São Paulo decidiu liberar a construção de condomínios e outros imóveis no terreno do circuito após concluir que o autódromo tem baixa viabilidade econômica. A notícia é da Folha de S. Paulo.

Segundo o jornal, o circuito dificilmente seria vendido sem algum tipo de benefício extra além da exploração comercial do circuito de corridas, do kartódromo e do parque. Isso porque o complexo tem um custo de manutenção de cerca de R$ 7 milhões por ano, além das obras necessárias para manter a certificação da FIA e o contrato com a Fórmula 1. Com a privatização, todos os custos serão de responsabilidade da empresa que arrematar Interlagos.

O terreno de Interlagos tem, no total, 1 milhão de metros quadrados, dos quais a prefeitura estima que 300 mil estarão disponíveis para novas construções. A pista e o parque serão preservados, mas a área de 300 m² poderá ser utilizada para a construção de imóveis residenciais e comerciais, um hotel, restaurantes com vista para o circuito e um museu automobilístico.

A prefeitura não deixou claro se o kartódromo também será preservado. Ainda segundo a Folha, o prefeito João Doria disse que pretende mantê-lo como está, porém vereadores (cujos nomes não foram citados) dizem que o espaço do kartódromo será necessário para a privatização.

 

Fiat, GM e Ford advertidas por propaganda enganosa

2014-ford-fusion-20l-ecoboost-awd-titanium-photo-645255-s-986x603

Fiat, General Motors e Ford foram advertidas pelo Conselho de Autorregulamentação Publicitária (Conar) por divulgar informações enganosas em material publicitário. Segundo a associação de consumidores Proteste, autora da acusação, as três marcas prometiam benefícios ambientais e de sustentabilidade em seu material promocional, porém não eram capazes de cumprir as promessas plenamente.

Com a Fiat, o problema foi o Pneu Superverde, que prometia tecnologia sustentável, baixo consumo de combustível e alta durabilidade. Segundo o Conar, não é possível definir um pneu como “verde”, uma vez que há fatores envolvidos na sua produção, uso e descarte que descaracterizam tal título.

No caso da GM, a denúncia foi motivada pelo nome comercial dado a alguns conjuntos de motor e câmbio batizados “Chevrolet Eco”. Embora a GM tenha argumentado que o nome venha de “econômico” e não de “ecológico”, o anúncio citava melhoria nas emissões de poluentes, o que, segundo a Proteste, poderia induzir o consumidor a pensar que o produto é sustentável.

CobaltEco

Com a Ford o problema está no vídeo “Ford EcoBoost”, que promove o Fusion 2017. De acordo com o Conar, a propaganda diz que o modelo tem baixa emissão de CO2 e equilíbrio entre potência e economia, mas a informação “não condiz com a realidade”, pois o Fusion EcoBoost obteve nota D no Programa de Etiquetagem do Inmetro.

Como penalidade, as três fabricantes terão que alterar suas campanhas publicitárias, uma vez que, de acordo com o artigo 36 do Código do Conar, as informações ambientais devem ser exatas e precisas.

 

Fiat Argo sofre acidente em rodovia mineira

WhatsApp-Image-2017-04-24-at-15.57.49

Um protótipo do Fiat Argo se envolveu em um forte acidente nesta última segunda-feira (24) na BR-356 em Minas Gerais. O acidente aconteceu por volta do meio dia no trecho conhecido como Serra da Santa, em Itabirito, a cerca de 80 km de Betim, onde fica a fábrica da Fiat.

Segundo os envolvidos, o Fiat estava subindo quando em uma curva invadiu a pista contrária e chocou-se de frente com um Toyota Corolla. Os policiais encontraram marcas de óleo na pista, o que pode ter ocasionado a perda de controle do Fiat.

WhatsApp-Image-2017-04-24-at-15.28.59

Felizmente os dois motoristas tiveram apenas ferimentos leves. O motorista da Fiat sofreu apenas uma pancada na cabeça e em uma das pernas, enquanto o motorista do Corolla fraturou o tornozelo.

 

Ferrari já está trabalhando na sucessora da 458 Speciale

sb1_4895

A Ferrari já está trabalhando na versão “semi-pista” da 488 GTB, que será também a sucessora da 458 Speciale. Seu nome deverá ser 488 GTO, e os britânicos da Autocar já flagraram o modelo em testes na Itália.

Como suas antecessoras, a 488 GTO será uma variação com mais potência, acerto de chassi mais voltado ao desempenho em pista e peso aliviado para contornar os circuitos e estradas sinuosas ainda mais rapidamente que sua irmã comportada.

sb1_4900

Segundo a Autocar o modelo usará o mesmo 3.9 V8 da 488 GTB, porém com mais pressão dos turbos e modificações internas para chegar à casa dos 700 cv. O peso será reduzido com a remoção de absolutamente tudo que não é necessário para andar mais rápido, como o isolamento acústico do cofre do motor e sistema multimídia, além da substituição dos vidros por similares mais finos, freios de carbono-cerâmica mais leves e rodas forjadas de ligas super leves. Além destas medidas, a 488 GTO também terá um desenvolvimento aerodinâmico mais aprimorado, da mesma forma que a 458 Speciale em relação à 458 Italia, gerando mais downforce.

sb1_4904

Com isso a 488 GTO deverá pesar menos de 1.400 kg e entrará para o clube dos 2 segundos ao acelerar de zero a 100 km/h em 2,7 segundos e de zero a 200 km/h em 7,5 segundos. A Ferrari ainda não comenta sobre o modelo, mas considerando que ele já está em testes em vias públicas, ele deverá ser lançado na metade de 2018.

 

 

Nova Jaguar XF Sportbrake já está pronta

2018-jaguar-xf-sportbrake

O Jaguar XF voltará a ter uma perua em sua atual geração. Lançada em 2012, a XF Sportbrake foi descontinuada em 2016 com a chegada da nova geração do XF. Agora, depois de pouco mais de um ano, o modelo chegou à segunda geração, que já está pronta e será lançada entre junho e julho, como mostra o primeiro teaser do modelo publicado pela Jaguar.

Como o sedã, ela usará a uma nova arquitetura de alumínio, e terá duas versões do motor 3.0 V6 e o novo 2.0 turbo Ingenium para encarar modelos como o BMW Série 5 Touring, o Mercedes-Benz Classe E, o Volvo V90 e o Audi A6 Avant. Lá fora o modelo será oferecido com o câmbio manual de seis marchas combinado ao motor 2.0 turbo, ou com o câmbio automático de oito marchas da ZF que equipa as versões do sedã vendidas no Brasil.

Matérias relacionadas

Este Lincoln Continental com motor V12 Flathead é raríssimo no Brasil – e está à venda

Dalmo Hernandes

Tour de France: conheça a prova que inspirou o batismo de uma Ferrari clássica e da F12tdf

Dalmo Hernandes

Salada alemã: o Porsche 911 991 tem nada menos que 23 versões diferentes – e pode ter ainda mais!

Leonardo Contesini