A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture Carros Antigos

Lancia Trevi Bimotore: o sedã de dois motores que quase competiu no WRC (mas não deu certo)

Todos conhecemos a história de sucesso da Lancia nos ralis, que começou nos anos 70 com o Stratos e culminou com seis títulos em sequência entre 1987 e 1992, todos conquistados pelo Delta HF. Até hoje a Lancia é a maior campeã do WRC, com dez títulos – nem mesmo a Citroën, que dominou a competição nas décadas de 2000 e 2010, foi capaz de superá-los: os franceses conquistaram oito títulos entre 2003 e 2012. Na primeira metade da década de 1980, porém, estava difícil vislumbrar um futuro tão brilhante. Embora tivesse sido bem sucedida em 1983, com o Lancia 037, a fabricante sabia que aquele era um carro antiquado. Enquanto a maioria das rivais havia migrado para a tração integral, em um movimento iniciado pelo Audi Quattro, o Lancia 037 ainda tinha tração traseira. Ele precisava urgentemente de um sucessor que levasse força para as quatro rodas. Só havia um problema: a Lancia ainda não tinha um sistema de tração integral pronto – na verdade, eles sequer haviam considerado es

Matérias relacionadas

Uma viagem de oito cilindros: de Brasília a Florianópolis com um Dodge Dart 1973 – Parte 1

Leonardo Contesini

Mopar heaven: com 700 carros, este é o maior ferro-velho de Dodge e Plymouth do planeta

Dalmo Hernandes

Supercar Sunday Assen 2017: o inacreditável encontro de supercarros, hipercarros e exóticos 

Dalmo Hernandes