FlatOut!
Image default
Zero a 300

McLaren 12C deixa de ser produzido, o recall da Peugeot Citroën, BMW M4 conversível e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas (ou não) do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente.

 

McLaren deixa de fabricar o 12C

mclaren-mp4-12c

Quando vimos o McLaren 650S pela primeira vez, podíamos jurar que tratava-se de um upgrade de meia-vida para o 12C, mas em seu lançamento, a fabricante salientou que ele seria um novo modelo posicionado acima do 12C, e conviveria com o modelo de entrada. Soou estranho, afinal, são dois carros extremamente parecidos, tanto nas especificações técnicas quanto no visual, mas agora surgiu a notícia que deu sentido a tudo.

A fabricante enviou uma carta aos proprietários do 12C, informando que havia decidido encerrar a produção do modelo devido ao sucesso do 650S. O novo modelo já tem uma lista de espera de seis meses, e a fábrica pretende concentrar a produção no novo modelo.

Mas em vez de empurrar o novo modelo para os clientes com programas de recompra ou descontos, a McLaren decidiu oferecer um upgrade tecnológico gratuito, que inclui as principais alterações de programação da ECU e outros sistemas como o novo software “Active Aero”, responsável pela atuação da asa traseira como sistema de redução de arrasto e freio aerodinâmico e o novo sistema de entretenimento IRIS, baseado em Android. Todos os  exemplares do 12C (são quase 3.500) estão cobertos pelo programa — até mesmo os que já trocaram de dono.

 

Suzuki Swift pode estar próximo de ser lançado no Brasil

Suzuki-Swift_Sport_2012_1

Depois do flagra do Suzuki Swift feito pelo Carsale, agora é o pessoal do Jornal do Carro, do Estadão que traz mais novidades sobre a vinda do modelo para o Brasil. Segundo a nota, o modelo será apresentado no segundo semestre no autódromo Velo Cittá, que pertence à Souza Ramos, importadora da Suzuki, e deve ser lançado oficialmente no Salão do Automóvel, em outubro.  A versão a ser oferecida é a Sport, com motor 1.6 aspirado com comando variável e originalmente 136 cv, que deve ser adaptado para rodar com etanol e assim produzir 142 cv. O preço é estimado entre R$ 65 mil e 70 mil.

BMW apresenta versão conversível do M4

o6zpsah4pg7c243lp0nh

Meses depois de apresentar os novos M3 e M4, a BMW finalmente revelou o novo M4 Convertible, equipado com teto rígido. Tal como seus irmãos fechados, o M4 usa o seis-em-linha de três litros turbo, de 430 cv, capaz de chegar aos 100 km/h em 4,4 segundos com o câmbio manual de seis marchas ou 4,2 segundos com o DCT de sete marchas.

iol6j5qncccq5tr9pics

Como se sabe, conversíveis tendem a ser mais pesados, mas a BMW fez questão de anunciar que o novo conversível é 40 kg mais leve que o antigo M3 cabrio, que pesava 1.880 kg. Não é exatamente leve, mas quem se importa quando se tem 430 cv para curtir o vento na cara? O modelo será apresentado no Salão de Nova York, que acontece em duas semanas.

Novo Honda City já circula em testes por São Paulo

hondacity2

Enquanto a Honda anuncia o Fit em partes nas redes sociais, o sedã City circula pelas cidades meio camuflado, em testes finais. Este flagra, publicado pelo portal G1, mostra o novo sedã circulando por Sumaré/SP, onde fica a fábrica brasileira da Honda. A nova geração do City foi apresentada no ano passado, na Índia, com visual mais próximo do Fit, e deve manter o motor 1.5 16v de 116 cv e 14,8 mkgf de torque já usado pelo atual modelo. O novo Honda City será apresentado em outubro, no Salão de São Paulo. Veja mais fotos no portal G1. 

Peugeot e Citroën fazem recall de mais de 130.000 carros por risco de incêndio

c4vtr

A PSA – Peugeot Citroën iniciou ontem (3) uma campanha de convocação de mais de 130.000 veículos do grupo (42.138 da Peugeot e 88.792 da Citroën). O recall abrange os modelos Citroën C4 nas versões VTR, Pallas e Hatch, e todas as versões do Peugeot 307, que deverão comparecer às oficinas autorizadas para que seja realizada a fixação correta da manta de isolamento acústico do motor.

Peugeot-307-2012 -hatch

O grupo anunciou que a inadequada remoção da manta de isolamento acústico do cofre do motor, em revisões ou manutenções, poderá danificar seu sistema de fixação, possibilitando o desprendimento do componente e o contato com o coletor de escapamento — situação que pode dar início a um incêndio no compartimento do motor. Para mais informações, visite os sites de serviços da Peugeot e da Citroën. 

Matérias relacionadas

Finalmente o Ford Mustang chegou ao Brasil – vendas começam em dezembro

Dalmo Hernandes

Rodas de 18 polegadas na F1, Chrysler retoma produção do Viper, Porsche pode ter esportivo com boxer de oito cilindros e mais!

Leonardo Contesini

Carro autônomo atropela e mata ciclista nos EUA, Toyota apresenta Prius flex, BMW X2 começa a ser vendido no Brasil e mais!

Leonardo Contesini