FlatOut!
Image default
Zero a 300

Mercedes-AMG CLA45 “vazado”, BMW X5 será fabricado no Brasil, os detalhes do Volkswagen ID Hatchback e mais!

Bom dia, caros leitores! Bem-vindos ao Zero a 300, a nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere conosco.

O Zero a 300 é um oferecimento do Autoline, o site de compra e venda de veículos do Bradesco Financiamentos. Nesta parceria, o FlatOut também apresentará avaliações de diversos carros no canal de YouTube do Autoline – então, clique aqui e se inscreva agora mesmo (e não esqueça de ativar o sininho)!

 

Mercedes-AMG CLA45 S “vaza” em configurador

A recente avalanche de notícias a respeito dos novos Mercedes-AMG A45 e CLA45 acaba de ganhar mais um desdobramento: por acidente, o configurador do site da Mercedes-Benz na Alemanha exibiu, por algumas horas, uma imagem da traseira do novo CLA45, a versão de três volumes do baby-Benz esportivo.

Quem descobriu a trapalhada foi o site alemão Auto Bild – de acordo com eles, a foto aparecia quando era selecionado o AMG Night Package, kit de acessórios que inclui rodas específicas e detalhes externos em preto. O erro já foi corrigido, mas é tarde: agora, todos já vimos.

Pela foto, podemos ver que o difusor traseiro do CLA45 é maior que o da versão CLA35, além de contar com quatro saídas de escape, um spoiler maior na tampa do porta-malas e rodas de cinco raios com desenho exclusivo. Atrás delas, observa-se as pinças de freio vermelhas e os discos de freio com maior diâmetro. A traseira é arrematada com os emblemas da versão, “CLA45 S”, e lanternas com lentes escurecidas e luzes de LED.

A dupla A45 e CLA45 deverá ser apresentada nas próximas semanas e, a partir de agora, a Mercedes-AMG deverá redobrar o cuidado com informações vazadas. No entanto, podemos esperar que a versão S tenha ao menos 425 cv no motor 2.0 turbo – além de um “modo drift” para o sistema de tração nas quatro rodas 4MATIC. (DH)

 

BMW X5 começa a ser fabricado no Brasil em junho

A BMW anunciou nesta semana que, até o final de junho, o SUV X5 começará a ser fabricado no Brasil até o final de junho. As unidades serão feitas na fábrica de Araquari/SC em regime SKD (Semi Knocked-Down), ou seja, virão semidesmontados, com a carroceria já pintada nos Estados Unidos.

A nacionalização atinge apenas as versões xDrive30D M Sport e xDrive30D MSport off-road, ambas equipadas com um seis-em-linha turbodiesel de três litros com 265 cv e 63,4 kgfm de torque – suficiente para acelerar de zero a 100 km/h em 6,5 segundos, com máxima de 230 km/h. Preços e equipamentos seguem inalterados. As outras duas versões – xDrive30D e M50D, esta última equipada com um motor 3.0 turbodiesel de 400 cv e 77,5 kgfm de torque – seguirão importadas de Spartanburg, nos Estados Unidos.

Preços e equipamentos seguirão inalterados. O BMW X5 xDrive30D, que parte de R$ 449.950, vem com airbags frontais, laterais e de cortina, vidros traseiros com persianas, rodas de 21 polegadas, ar-condicionado de quatro zonas, quadro de instrumentos digital, sistema de som Harman Kardon e duas telas de 10,2 polegadas para os ocupantes do banco traseiro.

O X5 xDrive30d M Sport, que custa R$ 479.950, traz a mesma mecânica e é praticamente igual em visual e equipamentos, exceto pelo pacote visual M Sport, mais agressivo, e pelas rodas de 22 polegadas. A versão  xDrive30d M Sport xOffroad acrescenta quatro modos de condução com foco no uso fora-de-estrada – areia, pedras, cascalho e neve – por R$ 499.950.

O M50D, que custa 539.950, acrescenta (além do motor mais potente) sistema de som Bowers & Wilkins, sistema de visão noturna com reconhecimento de pedestres, faróis a laser, suspensão com amortecedores adaptativos e escape M Sport. Além disso, o X5 M50D conta com pacote Motorsport com modificações na aerodinâmica, nos freios, no diferencial e no sistema de direção. (DH)

 

Os detalhes técnicos do Volkswagen ID.3 Hatchback

A Volkswagen irá iniciar a pré-venda do ID Hatchback nesta semana e, previsivelmente, as informações sobre o carro vazaram antes da hora. A divisão holandesa da Volkswagen publicou e removeu em seguida uma série de vídeos com imagens do protótipo menos camuflado e com algumas informações sobre o modelo.

De acordo com o material, o ID.3 terá autonomia de até 550 km, o que significa que ele deverá ser oferecido com o pacote de baterias de 82kWh. O modelo de entrada terá a bateria de 48kWh e autonomia de até 330 km, e haverá ainda dois modelos intermediários de 55kWh e 62kWh.

Os preços não foram divulgados, mas uma conferência recente realizada na Alemanha confirmou que o ID.3 custará menos de 30.000 euros. A VW espera vender 100.000 unidades do modelo em todo o mundo até o fim de 2020. (LC)

 

Dodge Hellephant esgota em menos de duas semanas

Há duas semanas falamos sobre como o Dodge Challenger é um dos carros mais importantes em produção atualmente, sobre como sua pegada “oldschool moderna” o torna o mais constante dos muscle cars modernos e sobre como ele atende as expectativas do público.

Um dia antes, em 26 de abril, a Dodge começou a vender seu motor Hellephant, um V8 supercharged de sete litros, 1.014 cv e 131,1 kgfm, oferecido como “crate engine” em edição limitada. Pois não durou duas semanas: a Dodge anunciou nesta segunda-feira (6) que toda a produção já está esgotada, embora não tenha divulgado o número exato da série. A imprensa americana, contudo, estima que a Dodge tenha produzido 100 unidades do motor. (LC)

 

Audi propõe pacote de acabamento vegano para SUV elétrico e-tron

Enquanto a produção do SUV elétrico e-tron sofre atrasos, a Audi vem trazendo novidades para manter o carro relevante. O fabricante alemão está considerando oferecer um pacote vegano para o carro, para deixar o carro tão amigo da natureza quanto sua falta de emissões. Segundo o gerente de produto da linha e-tron existem pedidos dos consumidores pedindo pelo uso de materiais veganos na linha de elétricos.

O Audi e-tron GT foi apresentado com um interior completamente vegano, utilizando materiais reciclados, redes de pesca e microfibra. Os materiais que serão utilizados no SUV e-tron ainda não foram divulgados. Outros fabricantes já apresentaram seus interiores com materiais veganos, o BMW i3 usa tecido feito de materiais reciclados, a Bentley apresentou uma proposta de usar couro feito a partir de cogumelos e a Tesla oferece um acabamento em vinil chamado de “couro vegano. (ER)

 

Lamborghini Miura de Um Golpe à Italiana é encontrado e restaurado pelo fabricante

Depois de anos perdido o Lamborghini Miura usado na abertura do filme Um Golpe à Italiana (Italian Job, 1969) foi encontrado. O Miura P400 com chassi de número 3586 foi comprado pela Paramount Pictures e depois das filmagens foi vendido novo para um comprador em Roma. O paradeiro do carro ficou desconhecido até um colecionador do Liechtenstein entrar em contato com o Lamborghini Polo Storico para confirmar o número de chassi do carro.

O Miura P400 laranja foi restaurado pelos especialistas do centro histórico da marca em Sant’ Agata Bolognese. Depois de pronto o carro foi certificado da autenticidade por entusiastas e ex-funcionários, como Enzo Moruzzi que entregou o carro no set e serviu de dublê pilotando o carro. O Muira do filme está na Kaiser Collection em Vaduz, Liechtenstein. (ER)

 

Chevrolet Tracker é chamado às concessionárias por problemas na suspensão

A Chevrolet anunciou nesta semana um recall para o Tracker. De acordo com a fabricante, unidades do SUV que foram fabricadas entre 2017 e 2019 podem apresentar um defeito no braço de controle dianteiro da suspensão. Também estão inclusos no chamado exemplares fabricados em 2014 que, eventualmente, possam ter recebido o componente defeituoso durante as revisões.

O componente pode se quebrar devido a uma falha na soldagem, causando o deslocamento da roda dianteira e, consequentemente, o comprometimento da dirigibilidade do veículo. Nesse caso, há risco de colisão com danos físicos aos ocupantes e a terceiros.

O serviço, que leva cerca de duas horas, consiste na verificação da suspensão e possível troca do braço de controle dianteiro. Os clientes já podem agendar o atendimento nas concessionárias, pelo telefone 0800 702 4200 ou pelo site da Chevrolet. (DH)

 

Volvo anuncia recall para o XC90 por risco de incêndio

Outro recall anunciado nesta semana envolve o Volvo XC90. A fabricante sueca detectou um problema na mna mangueira de sangria do sistema de arrefecimento, que pode se degradar com a exposição ao calor e à umidade, apresentando rachaduras.

Na pior das hipóteses, a mangueira pode se romper e o líquido de arrefecimento pode se acumular no aquecedor do catalisador. Se isto ocorrer, há risco de incêndio no cofre do motor – mesmo com o veículo parado – e danos físicos e materiais aos ocupantes.

São afetados exemplares do Volvo XC90 fabricados em 2015 e 2016. Estas unidades terão a mangueira original trocada por outra, mais resistente, em um serviço que leva cerca de três horas. Os clientes já podem agendar o atendimento junto à fabricante pelo número  0800 707 7590 ou pelo email [email protected].

Matérias relacionadas

BMW i8 Roadster no Salão do Automóvel, Citroën C5 Aircross confirmado para o Brasil, o fim do hipercarro de 5.000 cv e mais!

Leonardo Contesini

Os carros mais marcantes nos 60 anos da indústria automotiva brasileira

Dalmo Hernandes

O Williams Martini, Kimi Raikkonen rodando a LaFerrari, o primeiro BMW nacional e mais!

Leonardo Contesini