Edição diária: 20/06/2019
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Mini Cooper quatro-portas é lançado no Brasil, Lamborghini Huracán terá versões com tração traseira, uma exposição em homenagem à Copersucar Fittipaldi e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas (ou não) do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Mini Cooper quatro portas chega ao Brasil por R$ 105.950

2015-Mini-quatro-portas1

A Mini divulgou nesta semana os preços do novo modelo quatro-portas no Brasil. O modelo é chamado pela marca como Mini 5 door, e custa R$ 6.000 a mais que o Mini comum, partindo de R$ 105.950 na versão de entrada. As opções de motorização e equipamentos são as mesmas do modelo duas-portas.

FlatOut-2014-06-05-às-10.43.32

O modelo de R$ 105.950, batizado apenas como Mini Cooper 5 door, é equipado com o motor 1. 5 turbo, de 136 cv. Logo acima, a versão intermediária Mini Cooper S Exclusive, sai por R$ 122.500 e usa o motor 2.0 turbo de 192 cv. No topo da linha está o Mini Cooper S Top, que parte de R$ 139.950 e usa o mesmo 2.0 turbo de 192 cv. Todos eles são equipados com câmbio automático de seis marchas, e as versões 2.0 usam sistema Start/Stop para reduzir o consumo de combustível no trânsito urbano.

A versão quatro-portas do Mini é 16 cm mais longa, 1,1 cm mais alta e tem 7,2 cm a mais entre os eixos. O porta-malas também aumentou de 211 para 278 litros. O pacote de equipamentos traz airbags laterais e de cortina e sistema multimídia com acesso a redes sociais. O Cooper S acrescenta ao pacote de série display Head-Up, controle de velocidade adaptativo e alerta de colisão com atuação dos freios.

 

Lamborghini Huracán terá versões com tração traseira

huracan (4)

Os modelos recentes da Lamborghini foram alvo das críticas de vários jornalistas automotivos por serem “fáceis demais” de se guiar rápido. Jeremy Clarkson foi um deles, e Chris Harris e Steve Sutcliffe tiveram opiniões semelhantes (Harris até se tornou persona non grata na Lamborghini após fazer essa constatação publicamente). Isso tem muito a ver, em parte, com a adoção da tração integral, que facilita o controle de doses cavalares de potência.

Mas para os clientes (e jornalistas) que querem um pouco mais de desafio para sua diversão, a Lamborghini anunciou que está desenvolvendo duas versões de tração traseira do Huracán. A afirmação veio do chefe dos pilotos de testes da Lamborghini Giorgioi Sanna durante uma entrevista à revista EVO. Um dos modelos será o Huracan Superleggera, que além de tracionar apenas o par de rodas traseiro, também será mais leve e mais potente que o modelo base. O outro será uma versão mais “comum”, provavelmente batizada de LP610-2, como seu antecessor, o LP550-2, criado após o lançamento do Gallardo LP550-2 Valentino Balboni.

 

Polícia de Dubai adquire BMW i8 para sua frota

A frota de polícia mais bem equipada do planeta acaba de receber uma nova ferramenta. Desta vez, eles tem algo mais high tech que os outros integrantes da garagem: um BMW i8. O esportivo híbrido alemão usa um motor 1.5 turbo de três cilindros e 231 cv e outro motor elétrico de 131 cv, e chega aos 250 km/h.

O BMW i8 fará companhia a um recém-comprado Lexus RC-F e outros supercarros como o McLaren MP4-12C, Ferrari FF, Brabus B63S-700 e até mesmo um Bugatti Veyron. Você pode ver a lista completa dos carros da polícia de Dubai neste post que publicamos há alguns meses. A superfrota, contudo, não é utilizada regularmente pela polícia, e na maioria do tempo serve apenas como atração turística da cidade.

 

Exposição Velocult homenageia a equipe Fittipaldi de F1

FlatOut 2015-03-12 às 10.05.15

Desde o começo deste mês está acontecendo em São Paulo a edição de 2015 do Velocult, uma exibição que, como sugere seu nome, cultua a velocidade e o automobilismo brasileiro. Neste ano, o evento homenageia os 40 anos da Equipe Fittipaldi, a primeira e única equipe brasileira da Fórmula 1.

Além das homenagens prestadas aos idealizadores da equipe, Wilsinho Fittipaldi e seu irmão Emerson Fittipaldi, também estão expostos os modelos FD02 e FD04, entre outros carros históricos do automobilismo nacional. Outra atração são os “novos” Opala da Old Stock Race, categoria histórica que visa resgatar o espírito da Stock Car brasileira em seus primeiros dias. O Velocult fica no espaço cultural do Conjunto Nacional, no número 2073 da Avenida Paulista, em São Paulo/SP e vai até o próximo dia 21/03.

 

Brasil renova acordo comercial com México

Brasil e México renovaram os termos de seu acordo comercial automotivo que beneficia importações e exportações de cada país com isenção de imposto de importação. O novo acordo dura até 2019.

Em 2016, cada um dos países poderá importar até US$ 1,56 bilhão isento do imposto, limite que será elevado anualmente em 3% até o fim do acordo. Houve uma redefinição nas cotas devido às diferenças dos produtos — o Brasil importa carros de segmentos superiores e exporta modelos populares. Por isso, cada país define 70% da sua lista de exportação, e os outros 30% são definidos pelo país que irá importar os carros.

Matérias relacionadas

Um raro BMW Série 3 conversível, um belo sedã Alfa Romeo, duas peruas japonesas e as novidades do GT40

Dalmo Hernandes

Fraude dos motores diesel pode ir muito além da Volkswagen, os detalhes dos motores do Alfa Giulia, avião aterrissa em avenida e mais!

Leonardo Contesini

Ferrari 812 Superfast: as primeiras impressões do monstruoso GT e de seu V12 de 800 cv

Dalmo Hernandes