A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Mini Cooper quebra recorde em Nürburgring, o novo Audi SQ8, o trator mais rápido do mundo e mais!

Bom dia, caros leitores! Bem-vindos ao Zero a 300, a nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere conosco.

O Zero a 300 é um oferecimento do Autoline, o site de compra e venda de veículos do Bradesco Financiamentos. Nesta parceria, o FlatOut também apresentará avaliações de diversos carros no canal de YouTube do Autoline – então, clique aqui e se inscreva agora mesmo (e não esqueça de ativar o sininho)!

 

20% dos motoristas admitem usar celular ao dirigir

Quem acompanha o FlatOut conhece nosso ponto de vista em relação à segurança no trânsito. Sempre fomos críticos à automação da fiscalização porque ela substituiu a fiscalização presencial e, como somente uma parte das infrações pode ser fiscalizada por máquinas, algumas infrações graves ou gravíssimas acabam impunes, estimulando sua repetição (leia mais sobre isso aqui).

Agora, o Ministério da Saúde publicou uma pesquisa cujo resultado corrobora esse ponto de vista. Segundo o estudo, 20% dos motoristas brasileiros admitem usar o celular enquanto dirigem. É um número elevado e que já resultou em 300.087 multas em todo o Brasil entre janeiro e março de 2018, mas continua subindo: mesmo período deste ano já foram registradas 300.087 multas.

De acordo com o Departamento Nacional de Trânsito, o uso do celular ao volante aumenta em 400% o risco de acidentes, já que o motorista desvia a atenção por períodos superiores a 1 segundo. E aqui entra o ponto de vista do FlatOut: como é uma fiscalização que depende de agentes — seja diante de um monitor ou nas ruas — ela não é ostensiva como a fiscalização de velocidade, embora esta seja a causa de “apenas” 11% dos acidentes fatais, segundo o Denatran.

Atualmente dirigir falando ao celular é uma infração gravíssima, punida com 7 pontos na CNH e multa de R$ 293,47. (LC)

 

Mini John Cooper Works GP quebra o próprio recorde em Nürburgring – menos de oito minutos

Há sete anos, a geração anterior do Mini John Cooper Worjs GP percorreu o lendário circuito de Nürburgring em 8:23. Para demonstrar o quanto o novo modelo, previsto para o ano que vem, é superior ao antigo, a Mini o levou para o Inferno Verde e, com ele, conseguiu um tempo de “menos de oito minutos”, quebrando seu próprio recorde particular.

Por enquanto a Mini só divulgou o feito e divulgou algumas fotos do carro camuflado em Nürburgring – vamos ter de esperar para ver se o tempo de volta ficou muito distante dos 7:40,1 que o Renault Mégane R.S. cravou há alguns dias.

A Mini também nos lembra que o novo Mini JCW GP terá uma versão de “mais de 300 cv” do motor 2.0 turbo usado pelo modelo – e diz que, na verdade, o programa de testes para o hot hatch sequer acabou, ainda,  deixando subentendido que há espaço para enxugar ainda mais o tempo no ‘Ring. (DH)

 

Audi SQ8 é revelado com motor turbodiesel de 435 cv

Apesar do escândalo do Dieselgate que afetou as marcas do Grupo VW por conta de fraudes em testes de emissões, a Audi não parou de investir nos motores a diesel – na verdade, eles estão apostando forte no combustível em seus lançamentos mais recentes. A bola da vez é o novo SQ8, versão mais apimentada de seu SUV de topo, que recebeu um V8 turbodiesel de quatro litros igual ao do recente SQ7. Ou seja: ele dispõe de 435 cv e incríveis 91,8 kgfm de torque – sendo que este último atinge seu pico já às 1.000 rpm.

Acoplado a uma caixa automática de oito marchas, o motor é capaz de levar o Audi SQ8 de zero a 100 km/h em 4,8 segundos, com velocidade máxima limitada eletronicamente em 250 km/h. O SUV também possui um sistema híbrido leve com um motor elétrico capaz de levá-lo até os 22 km/h, usando um conjunto de baterias de íon de lítio de 48 Volts – que também alimenta um compressor elétrico auxiliar para os dois turbos, atuando em baixas rotações.

Fora isto, o SUV de luxo naturalmente tem um visual mais agressivo, com para-choques exclusivos da versão, entradas de ar maiores e um difusor traseiro mais avantajado. Outras modificações pertinentes são os freios de carbono-cerâmica, a suspensão ajustável e o diferencial com autoblocante eletrônico.

O novo Audi SQ8 começará a ser vendido primeiro na Europa, chegando às lojas nos próximos meses. (DH)

 

24 horas de Nurburgring tem vitória inesperada da Audi e presidente da Toyota disfarçado com o novo Supra

As 24 horas  de Nurburgring desse ano teve um resultado surpreendente, depois do Porsche 911 GT3 R Manthey Racing liderar a corrida por 17 horas o Audi R8 LMS Phoenix Racing tomou a liderança e venceu a corrida. O Porshce tomou uma penalidade por ter ultrapassado carros mais lentos em bandeira amarela e precisou ficar parado por cinco minutos nos boxes, dando a oportunidade para o Audi tomar a liderança.

O presidente da Toyota Akio Toyoda correu mais uma vez em Nurburgring, dessa vez com um GR Supra e usando o pseudônimo “Morizo”. O Supra de Toyoda terminou em terceiro na categoria e 41º no geral, ironicamente ficou na frente de um Lexus RC-F GT3.

Um dos melhores momentos da corrida foi com o Opel Manta Foxtail que corre nas 24 horas de Nurburgring desde 1998. O Opel sofreu um acidente que destruiu a suspensão dianteira do lado esquerdo. Mecânicos de outras equipes se mobilizaram para ajudar a consertar a suspensão do Manta para acabar com o tédio nos boxes enquanto seus carros davam voltas pelo inferno verde. Após algumas horas o Manta ficou pronto e voltou para a pista sob aplausos dos mecânicos. (ER)

 

Volkswagen vence disputa judicial por direitos autorais do… Fusca!?

É mais que sabido que o Fusca foi um projeto de Ferdinand Porsche feito por encomenda do partido nazista alemão em 1934, que queria popularizar o automóvel no país. O que não é tão sabido, é que Erwin Komenda, parceiro comercial de Ferdinand Porsche e autor do 356, contribuiu no projeto do besouro. E isso rendeu uma dor-de-cabeça jurídica para a Volkswagen nos últimos meses.

A filha de Erwin Komenda iniciou uma ação judicial contra a Volkswagen, alegando que, como detentora dos direitos sobre o Fusca original, a marca devia uma compensação financeira por usar parte da contribuição de seu pai no design do Fusca moderno — mais especificamente a última geração do modelo. O valor pedido pela filha de Komenda era 5 milhões de euros.

Contudo, após analisar os esboços originais do Fusca, de 1934, o tribunal julgou a alegação improcedente porque a sra. Komenda não conseguiu provar a participação de seu pai no design do Fusca. Segundo a sentença “É importante notar que na época em que os desenhos foram feitos, já havia inúmeros designs anteriores ao conceito com motor traseiro e carroceria aerodinâmica com capô curvado para baixo e traseira integrada e baixa (Tatra V570, Mercedes Type 130)”.

Erwin Komenda trabalhou com Ferdinand Porsche entre os anos 1930 e 1940, e foi o autor do protótipo Type 60, que deu origem ao Fusca. (LC)

 

Guy Martin quebra recorde de velocidade com trator de 1.000 cv

Guy Martin, motociclista mais conhecido por suas participações no Tourist Trophy em Isle of Man, decidiu tentar algo diferente e, na semana passada, levou um trator JCB modificado até os 166,72 km/h na pista de pouso de Elvington Airfield. Com isto, estabeleceu-se o novo recorde para o trator mais rápido do mundo.

O trator é um JCB Fastrac equipado com um motor DieselMax de seis cilindros em linha, com 7,2 litros de deslocamento. Sobrealimentado, o monstro é capaz de entregar mais de 1.000 cv e 250 kgfm de torque. Além disso, o trator foi modificado com aparatos aerodinâmicos projetados com a ajuda da Williams Advanced Engineering.

O recorde anterior não era tão antigo: em março de 2018, durante um quadro do Top Gear, o Stig levou um trator modificado com motor de 5,7 litros até os 140,45 km/h. (DH)

 

Land Rover Defender 2020 é o novo kit Lego Technic

A Lego anunciou hoje (24) seu novo kit da linha Technic: o Land Rover Defender 2020 – sim, a nova geração do icônico jipe britânico, que sequer foi revelada ainda.

A fabricante dinamarquesa de quebra-cabeças não declara abertamente que se trata do Defender 2020, mas olhando para o carro montado, não nos parece que o kit foi baseado no modelo antigo, e sim no novo – que, até agora, só foi visto com camuflagem. As linhas mais arredondadas (para um Defender feito com blocos de Lego, claro), o formato dos faróis e o desenho da grade não são compatíveis com o Defender antigo, que deixou de ser fabricado em 2016.

O kit em si possui, de acordo com a Lego, 2.573 peças. A companhia diz também que, a exemplo de outros Technic, ele terá diversos elementos funcionais, como a caixa de direção, os diferenciais, a caixa sequencial de quatro marchas e a suspensão independente. Montado, o Defender tem 42 cm de comprimento, 22 cm de altura e 20 cm de largura. (DH)

Matérias relacionadas

Lei quer identificação de motoristas iniciantes no carro, Aventador SVJ pode ter feito 6:54 em Nürburgring, projeto de lei para iluminar faixas de pedestres e mais!

Leonardo Contesini

Ferrari 812 Superfast: as primeiras impressões do monstruoso GT e de seu V12 de 800 cv

Dalmo Hernandes

Os hot hatches do Salão de Paris, Mercedes AMG GT e Land Rover Discovery Sport no Brasil, McLaren P1, LaFerrari e Porsche 918 em forma de Lego e mais!

Leonardo Contesini