FlatOut!
Image default
Zero a 300

Novas regras para as placas do Mercosul (de novo…), Audiência Pública sobre a venda de Interlagos, Ford Ka terá motor 1.5 de 137 cv e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

 

Placas do Mercosul terão novas regras (de novo!)

padrão-placa-do-Mercosul

Nesta semana a novela das placas do Mercosul ganhou mais um capítulo: nem todos os veículos serão obrigados a fazer a substituição de placas até 2023 como previa o texto original. Agora somente os veículos novos serão emplacados com elas, e a substituição será gradual, à medida em que os carros antigos forem baixados. A notícia foi divulgada pelo próprio presidente do Denatran, Maurício Pereira, durante uma audiência na Câmara dos Deputados nesta última quarta-feira (25).

A resolução também determinará o padrão de letras e números que será adotado no Brasil. Como já havíamos dito há alguns anos, por aqui ela terá que manter o último caractere como um algarismo porque São Paulo tem um rodízio municipal baseado no último número das placas. No Brasil o padrão inicialmente será LLL NL NN para carros e LLL NN LN para motos.

 

Audiência pública sobre a privatização de Interlagos acontece neste sábado

Destaque-Audiência-Pública-Autodromo-Interlagos

Neste sábado (28) a Câmara Municipal de São Paulo irá realizar uma Audiência Pública para discutir a venda do Autódromo de Interlagos, que até agora foi feita de forma pouco transparente e com um texto legal superficial que coloca em risco a atividade do esporte motorizado após a venda.

O requerimento da Audiência foi feito pelo vereador Alfredinho, vice-presidente da Comissão de Política Urbana. Segundo ele, a participação da sociedade neste processo é “fundamental”, visto que toda a comunidade será impactada com a eventual venda de Interlagos.

A Audiência Pública será realizada na CEU Cidade Dutra, situada no número 7350 da Avenida Interlagos, às 10 horas da manhã deste sábado (28). Como seu nome sugere, ela será aberta a qualquer cidadão interessado no tema e que deseja se manifestar a respeito da venda, esclarecer dúvidas e discutir a venda do autódromo.

 

Ford confirma motor 1.5 para o Ka

96184_1

Depois de apresentar o Ka Freestyle, a Ford confirmou a adoção do novo motor 1.5 Dragon Ti-VCT flex de três cilindros de 137 cv e 16,1 kgfm no aventureiro e nas demais versões do modelo. O motor é o mesmo usado pelo EcoSport, mas até agora vinha importado da Índia. Com a adoção do motor na linha Ka, ele agora passará a ser fabricado em Taubaté/SP.

ford-ka-2019-antes-e-depois

Além do motor, o novo Ka também terá um novo câmbio, o MX65 de cinco marchas, que substitui o IB5, 8 kg mais pesado que a nova caixa. Além dela, o Ka também terá o novo câmbio automático de seis marchas em suas versões de topo, compartilhando o powertrain com as versões de entrada do EcoSport.

unnamed

A Ford ainda não divulgou a data de lançamento do Ka renovado, mas considerando que ele já está em testes desde o início do ano por aqui (como mostra a foto acima, do leitor Juliano Silva), espera-se que ele seja lançado até o início do segundo semestre, junto do Ka FreeStyle.

 

Pirelli divulga seleção de pneus para o GP do Azerbaijão

unnamed-2

A Pirelli divulgou nesta semana a seleção de 13 jogos de pneus que cada um dos pilotos da F1 usará ao GP do Azerbaijão, além de dados e características técnicas do circuito e dos pneus nas condições da corrida.

A escolha de pneus revela algo da estratégia de corrida de cada equipe, uma vez que pneus mais macios têm mais aderência, enquanto os mais duros trocam um pouco do grip por mais durabilidade. Além disso, cada equipe tem um limite de 13 jogos de três compostos diferentes por piloto, escolhidos dentre os cinco existentes para pista seca — ultramacios, supermacios, macios, médios e duros — além disso, os pilotos são obrigados a usar ao menos dois compostos durante a prova, e têm a opção de usar o terceiro.

unnamed-3

A seleção de pneus que a Pirelli leva para Baku são os compostos macio, supermacio e o ultramacio. Como neste ano o Grande Prêmio do Azerbaijão está sendo realizado dois meses antes do que era anteriormente, a Pirelli espera condições climáticas mais frias, o que permite o uso de pneus mais macios que anteriormente — a corrida começa logo após às 16:00, o que significa que a pista irá esfriar rapidamente após o pôr do sol.

 

Nova limousine presidencial da Rússia é aprovada em testes de segurança e está prestes a ser lançada

2018-russian-presidential-limo-1-1524662877

A nova limousine presidencial da Rússia, o “Project Kortezh” acaba de ser aprovado em seus testes de segurança, e está pronta para ser apresentada aos súditos do czar ao público no início de maio. O carro ainda não foi revelado em suas formas finais, mas considerando as projeções oficiais, ele traz um pouco daquela velha inventividade soviética, famosa por clonar as invenções do ocidente.

2018-russian-presidential-limo-2-1524662876

Na verdade os Rolls-Royce foram os primeiros carros usado por Stalin, que tinha oito deles — um com esteiras no lugar das rodas traseiras. Depois Stalin adotou um Packard Super 12 1937, mas após a Segunda Guerra passou a usar carros produzidos sovieticamente — ou seja: fazendo engenharia reversa nos Packard para chegar ao ZIS-110.

Quando a União Soviética voltou a ser a Rússia e mais um punhado de países abandonados por Moscou, os líderes russos abandonaram seus sedãs soviéticos e passaram a usar o Mercedes Classe S e o BMW Série 7. Agora Vladimir Putin cansou de pagar os alemães e decidiu criar seu próprio carro, que foi desenvolvido pelo instituto de pesquisas veiculares de Moscou em parceria com a Bosch e a Porsche.

2018-russian-presidential-limo-3-1524662877

Por isso ele usará uma variação do antigo V8 4.6 da Porsche, modificado para deslocar 4,4 litros e sobrealimentado por dois turbos para produzir 600 cv e 89,7 kgfm, combinado a um câmbio automático de nove marchas supostamente desenvolvido na Rússia. Os 14 carros do projeto já foram entregues ao Serviço Federal de Segurança, responsável pelo transporte do presidente, que irá avaliá-los e então liberá-los para o uso.

Matérias relacionadas

Chevrolet S/R: a receita das versões esportivas do Chevette e do Monza

Dalmo Hernandes

Como é feita a numeração das rodovias federais do Brasil – e o que os números significam?

Leonardo Contesini

Muscle Cars, esquadrão de Impalas e clássicos nacionais: FlatOut em Águas de Lindóia 2017, parte 2

Juliano Barata