A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Lançamentos

Mais detalhes do novo Civic Type R: ele andará mais do que o NSX Type R

Em março deste ano, no Salão de Genebra, a Honda apresentou aquele que imediatamente foi chamado de “o Civic mais extremo de todos os tempos”: o Type R Concept, com motor de dois litros turbinado e mais de 280 cv. Agora, a Honda atualizou o conceito para o Salão de Paris, e ainda disse que ele será o Type R mais rápido de todos — até mesmo que o NSX.

À primeira vista ele não mudou nada além da cor, que agora é azul, e da adição de alguns grafismos nas laterais e na traseira. A dianteira agressiva e as quatro portas continuam lá, assim como uma das características mais legais do conceito : a asa traseira que traz integradas as lanternas que parecem um par de grandes chifres diabólicos.

 

No entanto, a fabricante falou mais sobre os detalhes técnicos de seu esportivo. Mais especificamente sobre a eletrônica empregada no carro e o sistema de suspensão foram revelados — e eles são bem interessantes.

O motor, como já sabemos, será um 2.0 turbo com comando duplo variável i-VTEC e “mais de 280 cv”. Segundo a Honda, ele terá desempenho superior a qualquer outro Type R que tenha sido lançado em 22 anos de história da linha — “incluindo todas as gerações do Civic e as icônicas versões de alto desempenho do Integra, do Accord e até mesmo do NSX em termos de potência, torque e respostas do motor. E, com certeza, há bem mais nesta afirmação da Honda do que confiança no motor: a marca não disse ainda, mas certamente empregará um diferencial de deslizamento limitado no eixo dianteiro.

civictyperconcept2 (3)

A primeira novidade será o botão “+R”, localizado ao lado do volante. Uma vez pressionado, o botão altera diversos parâmetros do carro: o mapeamento de torque do motor fica mais agressivo e a direção fica mais responsiva.

Suehiro Hasshi, engenheiro que chefia o projeto do Civic Type R no departamento de pesquisa e desenvolvimento da Honda, exemplifica:

No modo normal, o Civic Type R é um carro excepcionalmente ágil, um esportivo para o dia a dia com aceleração fluida e agradável. O botão ‘+R’ dá ao motorista um carro mais dinâmico e atlético que com certeza vai acelerar muitos corações. A diferença na personalidade do carro é imensa. O modo ‘+R’ é extremo, o carro se torna ideal para as pistas e certamente será muito apreciado pelos entusiastas de verdade.”

Outra novidade do Civic Type R será o sistema de amortecedores ativos, que foi desenvolvido especialmente para o carro e ajusta a rigidez e a altura da suspensão em quatro níveis diferentes, tudo em frações de segundo, de acordo com as condições de pilotagem. A Honda garante que será possível ter um carro confortável em uso diário, e muito mais firme e ágil em situações de direção rápida — ou seja: na pista.

Você já deve ter visto este vídeo, mas temos certeza que ainda não cansou dele. Nós também não

Por fim, a Honda comentou o câmbio: ele será manual de seis marchas — com três pedais e nada de borboletas atrás do volante. A razão é simples: segundo Hasshi, o objetivo do Civic Type R é ser um carro totalmente focado no motorista entusiasta, que quer escolher suas próprias marchas e sabe o que está fazendo, e por isso a transmissão manual era a melhor opção. Com certeza um câmbio de dupla embreagem com trocas feitas em milissegundos baixaria um pouco os tempos de volta, mas o negócio aqui é diversão, e não números.

civictyperconcept2 (6)

E quem poderá desfrutar desta diversão? Até agora, o que se sabe é que o Honda Civic Type R 2015 foi desenvolvido “ao gosto dos europeus” e que será fabricado na planta da Honda em Swindon, no Reino Unido. E, até agora, nada foi a respeito de o Civic Type R ser oferecido em outros mercados além da Europa.

De qualquer forma, vamos ficar atentos a mais detalhes que possam aparecer antes do Salão de Paris, que começa no dia 4 de outubro.

 

Matérias relacionadas

É oficial: Dodge Challenger SRT Hellcat tem 717 cv e é o muscle car mais potente do universo!

Dalmo Hernandes

Lamborghini Huracán Performante: menos peso, mais potência e a caminho do Brasil

Dalmo Hernandes

Ruf SCR 2018: o novo “super 911” de fibra de carbono e inox com motor de 510 cv dá as caras em Genebra

Dalmo Hernandes