FlatOut!
Image default
Zero a 300

Novo Mercedes Classe A é lançado no Brasil, Copa HB20 tem teaser em vídeo e detalhes do calendário divulgados, próximo Dodge Challenger pode ser híbrido e mais!

Este é o Zero a 300, nossa rica mistura das principais notícias automotivas (ou não) do Brasil e de todo o mundo, caro car lover. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere com a gente!

Ainda não é assinante do FlatOut? Considere fazê-lo: além de nos ajudar a manter o site e o nosso canal funcionando, você terá acesso a uma série de matérias exclusivas para assinantes – como conteúdos técnicoshistórias de carros e pilotosavaliações e muito mais!

 

FLATOUTER

Membro especial, com todos os benefícios: acesso livre a todo o conteúdo do FlatOut, participação no grupo secreto no Facebook (fique próximo de nossa equipe!), descontos em nossa loja, oficinas e lojas parceiras!

A partir de

R$20,00 / mês

ASSINANTE

Plano feito na medida para quem quer acessar livremente todo o conteúdo do FlatOut, incluindo vídeos exclusivos para assinantes e FlatOuters.*

De R$14,90

por R$9,90 / mês

*Não há convite para participar do grupo secreto do FlatOut nem há descontos em nossa loja ou em parceiros.

Novo Mercedes-Benz Classe A é lançado no Brasil

Depois de ser mostrada e confirmada no Salão do Automóvel em novembro de 2018, a nova geração do Mercedes-Benz Classe A foi lançada oficialmente hoje (22), durante um evento em São Paulo/SP. Já disponível nas concessionárias da marca, o Classe A de quarta geração chega inicialmente como hatchback, mirando no Audi A3 e no BMW Série 1.

As versões de lançamento são duas: A250 Launch Edition, com 100 unidades a R$ 199.900 cada uma, e A250 Vision, de R$ 194.900, sem opcionais. Ambas são equipadas com o mesmo quatro-cilindros turbo de dois litros com 224 cv a 5.500 rpm e 35,7 kgfm a 1.800 rpm, acoplado a uma caixa de dupla embreagem e sete marchas. Com este conjunto, o hatch é capaz de ir de zero a 100 km/h em 6,2 segundos, com máxima de 254 km/h. Já é dada como certa, também, a chegada do A35 AMG, de apelo esportivo, com 306 cv a 5.800 rpm e 40,8 mkgf de torque a 3.000 rpm, além do sistema de tração nas quatro rodas 4Matic – o bastante para alcançar os 100 km/h em 4,7 segundos.

O novo Classe A é o primeiro modelo da Mercedes a oferecer o MBUX (Mercedes-Benz User Experience) no Brasil – o sistema multimídia com duas telas de 10,5” combinadas, uma delas funcionando como quadro de instrumentos digital e a outra, como central multimídia e painel configurações de conforto e conveniência, além do sistema de realidade aumentada com assistente virtual e inteligência artificial da Mercedes.

O carro oferece quatro modos de direção – Individual, Comfort, Sport e Eco, comando de válvulas variável e sistema de cruise control simples, com limitador de velocidade, e não adaptativo. Também há um assistente de frenagem automática.

O Classe A sedã, que esteve no Salão do Automóvel ao lado do hatch, deverá chegar ainda no segundo trimestre de 2019. Importado do México (o hatch vem da Alemanha), o três-volumes poderá custar menos graças à isenção de taxas – fala-se em R$ 150.000 para as versões mais baratas e R$ 170 mil para as mais caras.

Como já dissemos em novembro passado, o Classe A sedã terá duas opções de motor: 1.3 turbo de 163 cv e 25,5 mkgf na versão de entrada A200, e 2.0 turbo de 190 cv e 30,4 kgfm na versão de topo A220. Ambas também serão equipadas com o câmbio de embreagem dupla e sete marchas, mas apenas a A220 poderá contar com o sistema 4Matic de tração nas quatro rodas. Faremos um post detalhado sobre o novo Classe A em breve. (DH com fotos do camarada Edu Bernasconi)

 

Copa HB20 ganha teaser em vídeo e detalhes do calendário são divulgados

Está marcado para março de 2019 o início da Copa HB20, categoria monomarca criada ela Hyundai no Brasil exclusivamente para seu hatchback compacto. Para atiçar o público, a fabricante divulgou no Facebook um teaser em vídeo no qual é possível ouvir o ronco do motor.

Copa HB20

Das ruas para as pistas! Em breve, você vai poder conferir a nova categoria da Hyundai na Copa HB20. Alta performance em uma categoria de carro exclusiva. Aguarde e acompanhe nosso perfil: @copahb20 #CopaHB20 #HyundaiBr Saiba mais em: bit.ly/Copa_HB20_Clique_Aqui

Publicado por Hyundai Motor Brasil em Segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

Conforme detalhamos durante a cobertura do Salão do Automóvel, a Copa HB20 será disputada por exemplares idênticos do Hyundai HB20, todos eles equipados com o motor 1.6 Gamma preparado para entregar 160 cv – contra 130 cv da versão de rua. Para tal, os motores receberam coletor de escape 4x2x1, novos comandos de válvula, e um novo sistema de gerenciamento da Pro Tune com programação idêntica (e congelada) para todos os pilotos. Já o câmbio é o mesmo manual de seis marchas usado nos carros de rua, como forma de conter custos. Além disso, todos os carros possuem suspensão ajustável da Bilstein, com acerto livre, e rodas RAYS Gram Lights 57XV de 17×7”, calçadas com pneus Pirelli PZero 205/45 nas quatro rodas. Sob elas, ficam abrigados os discos de freio originais de fábrica.

O custo por veículo inscrito é de R$ 200 mil e, de acordo com a Hyundai, por este valor o piloto poderá simplesmente “sentar e acelerar” – o valor cobre a preparação do veículo; o suporte de pista com engenheiros, mecânicos e telemetristas; um jogo de pneus; combustível; toda a logística para o carro e a estrutura fornecida pelo autódromo.

O calendário do campeonato contará com oito etapas duplas, compartilhadas com a Copa Truck. Serão duas corridas por fim de semana, ambas valendo a mesma quantidade de pontos. As datas e locais são os seguintes:

24/03 – Goiânia – GO
14/04 – Campo Grande – MS
02/06 – Londrina – PR
14/07 – Curvelo – MG
18/08 – Santa Cruz do Sul – RS
06/10 – Tarumã – RS
27/10 – Curitiba – PR
08/12 – São Paulo – SP (a confirmar)
As corridas serão transmitidas na TV, na Band Sports, e também pela Internet. (DH)

Volkswagen convoca recall da Saveiro por falha nos freios

A onda de recalls no mercado brasileiro continua. Agora, foi a vez de a Volkswagen anunciar um recall para mais de 180.000 unidades da picape Saveiro fabricadas entre junho de 2013 e agosto de 2017.

De acordo com a fabricante, os exemplares podem apresentar problemas na fixação das pinças dos freios traseiros a disco, podendo causar ruídos, danos às rodas em caso de soltura das pinças e até o travamento das rodas – que pode causar acidentes graves.

Já é possível agendar os reparos, que começam no dia 28 de janeiro. Para conferir se seu carro foi afetado e realizar o agendamento, você pode ligar gratuitamente para o telefone 0800 019 8866, ou acessar o site da Volkswagen. (DH)

 

Nova geração do Dodge Challenger pode usar tecnologia híbrida

O Dodge Challenger é amplamente saudado pelos entusiastas como o verdadeiro representante dos muscle cars old school. E não apenas porque ele está na mesma geração há 11 anos, desde 2008, mas também por causa de suas versões mais radicais – o Dodge Challenger Hellcat, que agora tem 727 cv em seu motor V8 Hemi supercharged de 6,2 litros; o RedEye, com 808 cv; e o Demon, com 850 cv. Graças a elas, o Challenger conseguiu vencer o peso da idade com força bruta, e tornou-se um ícone instantâneo entre os apreciadores dos esportivos americanos clássicos.

Pois, de acordo com o The Detroit News, o Challenger à moda antiga pode estar com os dias contados. Segundo a publicação, o atual CEO da FCA, Mike Manley, disse que é preciso evoluir, pois a plataforma e a tecnologia do Challenger atual não terão espaço em meados dos anos 2020. O caminho, aparentemente, deve passar pelos motores híbridos. “Novas tecnologias tornarão os carros muito mais leves, e assim poderemos encarar os powertrains de uma forma diferente. E podemos usar a eletrificação para trazer incrementos reais a estes modelos”, disse o executivo. “Acredito que a eletrificação certamente fará parte da fórmula do American muscle no futuro. O que não fará é um motor V8 com supercharger e 700 cv.”

Como Manley citou especificamente “meados dos anos 2020”, talvez ainda seja cedo para tirar conclusões. Mas, considerando que o Chevrolet Camaro e o Ford Mustang entraram de cabeça nos tempos modernos com suas mais recentes gerações, não é de se surpreender que a Chrysler esteja considerando medidas radicais para se manter competitiva no segmento. (DH)

 

Volkswagen planeja quebrar recorde de Nürburgring para carros elétricos

Depois de vencer em Pikes Peak com seu protótipo elétrico I.D. R, com o francês Romain Dumas ao volante, a Volkswagen está atrás de outra marca: o recorde de Nürburgring Nordschleife para carros elétricos. Revelado em maio de 2018, o I.D. R tem dois motores, ambos elétricos, um em cada eixo, gerando uma potência combinada de 690 cv e diabólicos 66,6 mkgf de torque, ambos disponíveis imediatamente.

A fabricante afirma que uma nova versão do protótipo, com a aerodinâmica retrabalhada para o trajeto de Nürburgring – um cenário radicalmente diferente do que se tem na subida de montanha no Colorado. O objetivo é conseguir percorrer os 20 km do circuito alemão em menos de 6m45s90, tempo registrado por Peter Dumbreck no NIO EP9 em 2017.

Romain Dumas já foi encarregado de conduzir o VW I.D. R na nova empreitada, e comentou o seguinte: “Só de pensar em pilotar o I.D. R no Nordschleife já é o bastante para me dar arrepios. Conheço o circuito muito bem, mas o I.D. R será um desafio totalmente diferente, com aceleração extrema e capacidade de contornar curvas em velocidades altíssimas. Mal posso esperar pelos primeiros testes. Quebrar o recorde para carros elétricos com certeza não será um passeio no parque.” (DH)

 

Carlos Ghosn pode ter aceito abrir mão do cargo de CEO da Renault

O escândalo de Carlos Ghosn continua tendo novos desdobramentos. Desde que teve seu pedido de fiança negado pela justiça do Japão, o executivo que tirou a Nissan de uma crise no início dos anos 2000 sofreu novas acusações de crimes administrativos. Após pressão do governo francês, começaram a circular boatos de que Renault e Nissan estariam preparando uma manobra de fusão, que seria seguida da nomeação de um novo CEO. Além disso, um segundo pedido de fiança foi apresentado e negado novamente pelas autoridades japonesas.

Na próxima quinta-feira, 24 de janeiro, a cúpula da Renault fará uma reunião para decidir o futuro da companhia. Especula-se que a principal pauta será a escolha de um sucessor para Carlos Ghosn, embora a fabricante francesa prefira não comentar o assunto. Contudo, segundo três fontes próximas à Renault contaram à Reuters, Ghosn pode ter já aceito os termos e deixado o cargo de presidente da Renault. Nissan e Mistubishi já o dispensaram do cargo de presidente.

Caso o fato se confirme, será o fim de uma era de vinte anos, que começou quando a Renault adquiriu a Nissan em 1999 e colocou Ghosn como encarregado de recuperar a moribunda fabricante japonesa. (DH)

Matérias relacionadas

Vaga para mulheres causa polêmica, um triciclo Mopar no Brasil, Ilha de Man pode estar em Gran Turismo e mais!

Leonardo Contesini

Porsche 992 no Brasil, novo BMW M3 tem detalhes vazados, Onix e Prisma começam a ser feitos em julho e mais!

Leonardo Contesini e Dalmo Hernandes

Supersize me: Porsche Cayman com motor de 911 Carrera S – FlatOut Midnight

Juliano Barata