A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Games Projetos Gringos

Nürburgring está sendo escaneada a laser para deixar seu simulador ainda mais realista

Na manhã de hoje (4) o site Bridge to Gantry, especializado em Nürburgring e na cobertura de tudo o que acontece no circuito, flagrou um Skoda Yeti circulando com um scanner topográfico a laser no teto. O equipamento é usado para mapear o circuito e recriar com exatidão uma versão virtual, e o trabalho foi encomendado pela desenvolvedora de um simulador de corrida. Mas para que, exatamente?

Simuladores têm como meta oferecer a experiência de estar ao volante de um carro de corrida em um circuito da forma mais fiel possível, na maioria das vezes usando carros do mundo real em versões virtuais de circuitos reais — de modo que, até certo ponto, permitem que você conheça e aprenda as nuances de um circuito em qualquer lugar do planeta sem nunca ter saído de casa (agora, se você nunca saiu de casa para ficar jogando no computador, talvez seja uma boa ideia procurar ajuda).

O escaneamento a laser permite que se crie uma reprodução virtual de um circuito ainda mais fiel à versão real — o mapa em forma de nuvem de pontos gerado pelo scanner traz, nos espaços entre os pontos, tudo o que há no circuito — e isto inclui variações de relevo, buracos e até rachaduras, aprimorando o realismo da experiência virtual de pilotar naquela pista.

iracing-pc

Road Atlanta, da nuvem de pontos ao circuito finalizado

O vídeo abaixo foi produzido pelo iRacing em junho de 2010 — ou seja, usar scanners digitais para mapear circuitos não é exatamente novidade — e mostra como é feito o processo. Em circuitos menores, usa-se um scanner fixo, sobre um tripé, que gira a 360º varrendo toda a superfície da pista e usando esferas em estacas como referência. Os dados são transportados para um computador, que utiliza um software para transformá-los em uma nuvem de pontos.

Já para circuitos maiores, como Nürburgring e seus 20,6 km, é muito mais prático colocar um scanner sobre um carro e dar algumas voltas completas por toda sua extensão em vez de colocar vários scanners fixos e cruzar seus dados. Deve ser um trabalho divertido (ainda que meio perigoso…).

iracing-scan (3)

O caso é que, recentemente, Nürburgring se tornou um dos circuitos mais populares dos games, tanto casuais quanto simuladores mais sérios, e provavelmente só demorou tanto porque isto só se tornou possível com o aumento na capacidade dos computadores e consoles domésticos nos últimos anos. Hoje em dia é possível recriar  digitalmente com muita fidelidade qualquer circuito do mundo, incluindo a capacidade de reproduzir reações do mundo real usando carros virtuais.

Ainda mais recentemente — em junho deste ano —  a Turn 10, desenvolvedora da série Forza Motorsport, anunciou que Nürburgring Nordschleife seria adicionada a Forza 5 sem custo para os jogadores, e que seria uma versão escaneada a laser ultra-realista — como boa parte das pistas do jogo. Hoje (4), o Bridge to Gantry publicou fotos de um Skoda Yeti com scanners no teto, o que significa que o Inferno Verde deverá ser recriado novamente. Mas por quem?

É aí que entra a segunda parte da história. O site lembra que hoje a equipe de iRacing revelou que será uma das patrocinadoras da corrida dos 1000 km de Nürburgring, corrida que acontece em Nordschleife desde 1953 e que já foi vencida quatro vezes (1956, 1958, 1959 e 1960) por Sir Stirling Moss. O detalhe é que a corrida acontecerá simultaneamente à SimRacingExpo 2014, exposição de simuladores de corrida que será realizada no centro de eventos adjacente ao circuito.

iracing-scan (2)

Quem for ver a corrida, que acontecerá entre os dias 19 e 21 de setembro, poderá testar o simulador iRacing. Para Marc Hennerici, da ADAC (Allgemeiner Deutscher Automobil-Club e.V, clube que organiza a competição), trata-se de uma parceria apropriada. “iRacing.com e a Blancpain Endurance Series representam o auge em seus respectivos campos, e esperamos uma longa e frutífera parceria com iRacing.”

Acontece que iRacing ainda não tem Nürburgring Nordschleife disponível aos jogadores — e nem é possível instalar mods ao simulador pois ele é acessado somente via browser.

iracing-scan (5)

O que nos traz de volta ao Skoda Yeti escaneando Nürburgring na manhã de hoje. O Bridge to Gantry só levanta a hipótese mas não confirma: todos os 76 circuitos reais de iRacing foram escaneados a laser. Com Nürburgring, um dos mais populares entre fãs de automobilismo e simuladores, não poderia ser diferente. Contudo, talvez não haja tempo hábil para reproduzir o circuito em todos os seus detalhes e incluí-lo à tempo da SimRacingExpo 2014. Por outro lado, o escaneamento poderia servir para incluir detalhes do circuito em uma versão digital que eles já tenham pronta, o que não nos soa impossível.

Ou tudo não pode passar de uma simples coincidência — o que certamente deixaria fãs que ficaram animados com a notícia um tanto desapontados. O que você acha?

Matérias relacionadas

As “Racing Modification” de Gran Turismo 2 na vida real | Parte 1

Dalmo Hernandes

Este cara rodou 1.160.000 km com seu Porsche 911 Turbo comprado zero-quilômetro em 1976

Dalmo Hernandes

Esta Ford F-150 SVT Lightning com um V8 supercharged de 570 cv é nosso tipo de picape esportiva

Dalmo Hernandes