Nutz: um filme para mostrar o universo e a paixão por carros dos gearheads brasileiros

Leonardo Contesini 17 agosto, 2014 76
Nutz: um filme para mostrar o universo e a paixão por carros dos gearheads brasileiros

Se você está lendo estas linhas nesse exato momento, é bem provável que você seja exatamente o que chamamos de gearhead, loucos por carros, graxeiros, caras com gasolina nas veias, contaminados pelo vírus da ferrugem e por aí vai.

Essa paixão inexplicável por carros move uma verdadeira legião que, ao contrário do que parece, continua aumentando e é maior do que se imagina. Prova disso, são os milhões de visitantes mensais que o FlatOut recebe, sedentos por sua (over)dose diária de car culture, ou ainda as centenas de Project Cars com suas histórias de relações entre homens e carros.

Mas você já parou para se perguntar o que move essa paixão automotiva que cada gearhead leva consigo? De onde vem essa obsessão por carros que faz tanta gente dedicar boa parte de suas vidas — ou até mesmo toda a sua vida a essas máquinas?

Essas questões inspiraram o diretor e autor gearhead Dino Dragone a rodar mais de 30.000 km por todo o Brasil atrás de boas histórias sobre essa paixão e dos maiores “loucos por carros” do país.

Obviamente ele não fez isso como uma viagem existencial. É que esse material será transformado em um documentário que promete ser um dos melhores sobre o tema, intitulado “Nutz – o Filme”. Apesar do nome, o próprio Dino conta no site oficial do projeto que você não deve encará-lo como um filme, e sim como “um tratado meticuloso baseado na maior paixão de todos que trazem ferrugem no sangue”. Não é presunção. Assistindo aos teasers e ao making of, já se percebe que o filme promete.

Os vídeos estão em playlist, e são executados em sequência automaticamente. Para avançar ou retroceder, use as setas

Em quase três anos de trabalho, o projeto já gerou mais de 800 horas de filmagens que incluem entrevistas com uma série de personagens conhecidos entre o público gearhead de todos os estilos, como o tri-campeão de Fórmula 1 Nelson Piquet — um verdadeiro maníaco por carros e motores, dono de uma das coleções mais fodásticas do país.

De acordo com o site do projeto, o documentário já está com 90% da montagem concluída, e ainda precisa passar pela fase de pós-produção, que envolve ajuste fino de imagem e áudio, trilha sonora original, tradução e legendagem, e editoração para DVD, além da obtenção de certificados e licenças da ANCINE e outros órgãos governamentais. Como você sabe, a produção cultural no Brasil nunca foi muito valorizada, e é realmente difícil tocar um projeto desse por conta própria.

Por isso, para concluir o projeto, Dino e seus parceiros da Firma Filmes e da Treze Produções estão arrecadando recursos por meio de crowdfunding, o mesmo tipo de financiamento que ajuda a manter o FlatOut no ar e sempre evoluindo, com uma série e recompensas para os colaboradores.

Para conhecer melhor o projeto, você pode visitar o site oficial de Nutz, o canal no YouTube, ou a fanpage no Facebook. Para colaborar, basta visitar a página do crowdfunding no kickante.com.br.

[ Sugestão de post: Matheus Utzig e Elzon Rippel ]