FlatOut!
Image default
Car Culture

O dia em que a Porsche fez um Lada Laika

“Qual é, FlatOut!? Primeiro de abril antecipado?” Não, caro leitor. A gente acha pouco provável que você saiba disso, mas a Lada já contou com a ajuda da Porsche para criar uma reestilização do Riva, que por aqui conhecemos como Laika. Acontece que ela nunca foi lançada, porque os russos gostaram mais da versão que eles mesmos fizeram. Quem precisa de engenharia alemã, afinal?

A ideia de firmar uma parceria entre a VAZ e a Porsche surgiu em 1975 depois que Ernst Fuhrmann, à época chairman da Porsche, encontrou o ministro da indústria automotiva soviético Viktor Polvakov. A primeira providência tomada pela VAZ foi pedir para que a companhia de Stuttgart redesenhasse seu modelo mais importante, o Riva.

vaz porsche (4)

O sedã baseado no Fiat 124 foi lançado em 1970 como Lada 2101, e desde então passou por algumas revisões de estilo e de nome até morrer em 2012 como Lada Riva, com um visual bem próximo do que era na década de 70, o que talvez seja um sinal de que esta reestilização proposta pela Porsche realmente não daria certo.

A Porsche reprojetou a suspensão, o interior e o exterior, trocando as peças de metal por componentes de plástico — pára-choques, grade e detalhes cromados agora eram na mesma cor da carroceria, com uma cara bem mais integrada ao resto do carro. O painel ficou tipicamente alemão, com os comandos todos ao lado do painel de instrumentos (como era no VW Golf de primeira geração e, para dar um exemplo nacional, no Santana lançado em 1984), e o volante lembra muito o que encontramos nos Porsche do fim da década de 80. Compare o volante do Lada-Porsche com o do Porsche 911, logo abaixo:

vaz porsche (3) vaz porsche (5)

Para nós, o lado de dentro ficou até bacana, mas a reforma promovida pela Porsche do lado de fora deixou o carro simples demais, com um quê de fora-de-série nacional. Os russos também não gostaram, e acabaram criando sua própria evolução do Lada 2103, o 2106.

Segundo o fórum russo PorscheC.ru, a Porsche ainda trabalhou com a Lada na década de 80, realizando modificações nos motores para aceitar gasolina de baixa qualidade e moldando chapas de alumínio.

Nós aqui só imaginamos o que teria acontecido se a Porsche e a Lada continuassem trabalhando em conjunto. Teríamos um Laika com motor boxer?

Matérias relacionadas

O dicionário muscle car, parte 1: do “4-4-2” ao “Hurst Equipped”

Juliano Barata

Fiat Tagliero – o posto de combustível mais estiloso da África

Leonardo Contesini

Conheça os detalhes dos oito Corvette engolidos por uma cratera nos EUA

Leonardo Contesini