A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Pensatas

O fim do (New) Beetle: um elogio – e as versões mais bacanas que ele teve

Lembro perfeitamente, como se fosse há apenas nove dias, mas lá se vão nove anos. Meados de 2010, poucos meses depois que comecei a trabalhar como tradutor no Jalopnik Brasil, o site precursor do FlatOut – foi meu ingresso no ramo e, confesso, eu estava meio por fora do que estava rolando com os carros, recém saído de uma adolescência regada, principalmente, a heavy metal e jogos de PlayStation. Me deparo com a nota, algo como "esta é a nova geração do New Bee

Matérias relacionadas

Por que eu troquei meu carro antigo por um carro “moderno” (mas nem tanto)

Dalmo Hernandes

Couro automotivo: dos sintéticos camuflados ao saudoso Connolly Leather

Juliano Barata

O que está acontecendo com a Ford — e como ela chegou à sua atual situação?

Leonardo Contesini