A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture Humor Projetos Gringos Zero a 300

O lendário Nissan Maxima que engole Porsche na arrancada está à venda

Ele poderia ser aquele seu tio gente boa o que te dava cerveja escondido do seu pai nas festas de família. Ou então o amigo gente boa do seu tio. O boné poderia ser muito bem de algum posto de gasolina ou loja de ferramentas. Camisa listrada, jeans surrados, cabelo cuidadosamente mal cortado e, claro, um belo bigode.

Seu nome é Marcos Eduardo Chavez Santini e, em 18 de março de 2013, ele se tornou uma lenda. Naquele dia, o vídeo de uma arrancada que Chavez disputou contra um Porsche 911 Turbo 996 de 500 cv foi publicado. E o mundo conheceu um herói.

Um herói que dirige um Nissan Maxima SE 2002 azul com interior de couro cinza que, por fora, quase não levanta suspeitas de sua personalidade selvagem – ele tem alguns grafismos nas laterais, sob as janelas; lanternas do tipo Altezza (quem lembra?) e, na beira da pista, calça pneus dianteiros mais borrachudos ou slicks de arrancada.

maxima

Quando o vídeo foi publicado, porém, tudo o que se tinha era a visão do interior do carro, com imagens feitas pelo carona. Dava para ver que, na central multimídia, está rolando o clipe de “Somebody That I Used to Know”, do compositor belga Gotye, que estava em nº 1 nas paradas de quase todos os países (não no Brasil, diga-se) e falava sobre um cara que era tratado como um estranho por sua ex.

O clipe continua rolando durante a arrancada, e isto só pode significar que o Maxima não teve o interior depenado e nem nada disto. Provavelmente tem couro natural nos bancos, ar-condicionado, cruise control e um sistema de som decente.

Vê-se um homem sereno e sério, ciente de que vai chutar o traseiro de um Porsche 911 Turbo dali a alguns instantes, porém um tanto indiferente, se preparando para a puxada. No bolso, uma caneta. Nos pulso esquerdo, um relógio dourado e no direito, uma pulseira da mesma cor. Ele se posiciona sem pressa na marcação, espera pelo piloto do Porsche enquanto faz o mesmo, acena para um fiscal dizendo que está tudo certo. Pouco antes da marca de 1:00, vê-se Chavez esboçando o sinal da cruz. Por mais que demonstre confiança no seu carro, ele não dispensa a proteção divina.

Errmw18dRCKAKzHeRNalvQ

Aos 1:25 é dada a largada, e o que se vê é uma disputa acirradíssima. Chavez troca as marchas com decisão, encolhe-se sobre o banco como que para ajudar na aerodinâmica do carro e em nenhum momento fica atrás do superesportivo alemão.

tio

Ao vencer, ele não comemora demais, sequer sorri. É só mais um dia, aparentemente.

Não há registro do tempo, mas tudo indica que o quarto-de-milha foi cumprido na casa dos 11 segundos. Para se ter uma ideia, o tempo do Pagani Huayra, do McLaren 570S e do Corvette Z06 no quarto-de-milha é de 10,9 segundos.

Respetan el tío!

Nada mal para um sedã que vem recheado de fábrica e pesa cerca de 1.500 kg. Claro: o motor V6 de 3,5 litros que originalmente entrega 258 cv recebeu um turbocompressor Precision 6262, mostradores digitais AEM na coluna do motorista, sistema de som e “muchisimos extras más”, segundo o anúncio que o próprio Chavez postou em um grupo de classificados de sua cidade, o Solo Autos Chihuahua.

maximatio (1)

Claro, estamos falando de um motor japonês cheio de potencial: 0 V6 VQ35 da Nissan é o antecessor do motor VR, família do qual faz parte o motor do Nissan GT-R. E o próprio VQ35, em uma versão com injeção direta de combustível e 300 cv, foi usado no cupê esportivo 350Z até 2006.

maximatio (3) maximatio (4)Errmw18dRCKAKzHeRNalvQ

De qualquer forma, Marcos Eduardo Chavez Santini deve estar planejando algo muito mais incrível que seu já matador Nissan Maxima, e temos certeza de que ele deve ter um motivo muito bom para passar seu carro adiante. Será que alguém vai ter coragem de se julgar à altura do ícone?

Matérias relacionadas

Dodge Demon terá somente o banco do motorista, BMW e McLaren juntam-se para desenvolver motor, novo Honda S2000 terá motor twin-charger e mais!

Leonardo Contesini

Este é um Audi Quattro com motor 2.5 turbo de 600 cv, mas pode chamar de perfeição

Dalmo Hernandes

Battle of the Builders: os dez melhores projetos do SEMA Show 2016

Dalmo Hernandes